Feed

Já é assinante?

Entrar

Ginecoside

Ginecoside - Bula do remédio

Ginecoside com posologia, indicações, efeitos colaterais, interações e outras informações. Todas as informações contidas na bula de Ginecoside têm a intenção de informar e educar, não pretendendo, de forma alguma, substituir as orientações de um profissional médico ou servir como recomendação para qualquer tipo de tratamento. Decisões relacionadas a tratamento de pacientes com Ginecoside devem ser tomadas por profissionais autorizados, considerando as características de cada paciente.

Aviso importante

Todas as bulas constantes em nosso portal são meramente informativas. Em caso de dúvidas quanto ao conteúdo de algum medicamento, procure orientação de seu médico ou farmacêutico.

Obs.: A MedicinaNET não vende nenhum tipo de medicamento.

Laboratório

Darrow

Apresentação de Ginecoside

Drágeas - cartucho contendo 2 drágeas. Solução Injetável - cartucho contendo 1 ampola de 2 ml.

Ginecoside - Indicações

Preparado hormonal indicado para o tratamento da amenorréia secundária.

Contra-indicações de Ginecoside

Contra-indicado nas seguintes condições: gravidez, severos distúrbios da função hepática; diabetes melitus grave; tumores estrógeno dependentes; antecedentes de herpes gravídico; distúrbios cardiovasculares e cerebrovasculares; hemorragia vaginal e hiperplasia endometrial; hiperlipidemia; porfiria.

Advertências

Interromper o tratamento se surgir sinais de processos tromboembólicos. Ginecoside deve ser administrado com precaução em mulheres portadoras de veias varicosas e naquelas cujos testes da função hepática apresentarem anormalidades. Se a paciente apresentar sintomas de hemorragia dentária deverá comunicar, imediatamente, ao seu médico.

Uso na gravidez de Ginecoside

A administração tanto por via oral, quanto injetável, somente deve ser realizada após se excluir a possibilidade de gravidez.

Reações adversas / Efeitos colaterais de Ginecoside

As seguintes reaçòes adversas têm sido associada a terapia com Ginecoside: hemorragia intermenstrual, acúmulo de líquido no tecido celular (edema), produção excessiva de muco cervical, alteraçòes nos seios (dor, flacidez, hipertrofia, secreção), náusea, vômito, icterícia, distúrbios da visão e cefaléia. Assim como os demais preparados estrogênicos, pode ocorrer o aparecimento de manifestações tromboembólicas.

Ginecoside - Posologia

Drágea: Tomar uma drágea, durante dois dias consecutivos. Solução Injetável: Administrar uma só ampola, por via intramuscular - nunca por via endovenosa. A administração tanto por via oral, quanto injetável, somente deve ser realizada após se excluir a possibilidade de gravidez. Em alguns casos, o período até que se produza uma hemorragia, pode prolongar-se até 15 dias. Caso não ocorra a hemorragia, deverão ser tomadas outras medidas diagnósticas e terapêuticas.

Ginecoside - Informações

COMPOSIÇÃO: Drágea: Cada drágea contém: Normetandrona 5,0mg; metilestradiol 0,3mg; excipientes q.s.p. 1 drágea. Solução Injetável: Cada ampola contém: Progesterona 50,0mg; butiril acetado de estradiol 3,0mg; veículo oleoso q.s.p. 2,0 ml.

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal