Feed

Já é assinante?

Entrar
Índice

Dramin b6 dl

Dramin b6 dl - Bula do remédio

Dramin b6 dl com posologia, indicações, efeitos colaterais, interações e outras informações. Todas as informações contidas na bula de Dramin b6 dl têm a intenção de informar e educar, não pretendendo, de forma alguma, substituir as orientações de um profissional médico ou servir como recomendação para qualquer tipo de tratamento. Decisões relacionadas a tratamento de pacientes com Dramin b6 dl devem ser tomadas por profissionais autorizados, considerando as características de cada paciente.

Aviso importante

Todas as bulas constantes em nosso portal são meramente informativas. Em caso de dúvidas quanto ao conteúdo de algum medicamento, procure orientação de seu médico ou farmacêutico.

Obs.: A MedicinaNET não vende nenhum tipo de medicamento.

Laboratório

Nycomed

Apresentação de Dramin b6 dl

Cada ampola de 10 ml contém 30 mg de dimenidrinato; 50 mg de cloridrato de piridoxina; 1.000 mg de glicose e 1.000 mg de D-frutose.

Dramin b6 dl - Indicações

Nas náuseas e vômitos em geral, inclusive da gravidez. Nas naúseas e vômitos associados a fraqueza geral. (como por exemplo, pós-tratamentos radioterápicos) No tratamento e prevenção dos vômitos e náuseas no pré e pós-operatórios. No tratamento das labirintites e dos estados vertiginosos de origem central.

Contra-indicações de Dramin b6 dl

Recém-nascidos (até 30 dias de vida) e pacientes com hipersensibilidade conhecida aos componentes da fórmula.

Advertências

A superdose causa, mais freqüentemente, sonolência. Podem ocorrer convulsões, coma e depressão respiratória. Não se conhece um antídoto específico. Recomenda-se adotar as medidas habituais de controle das funções vitais.

Uso na gravidez de Dramin b6 dl

veja indicações.

Interações medicamentosas de Dramin b6 dl

A superdose causa, mais freqüentemente, sonolência. Podem ocorrer convulsões, coma e depressão respiratória. Não se conhece um antídoto específico. Recomenda-se adotar as medidas habituais de controle das funções vitais.

Reações adversas / Efeitos colaterais de Dramin b6 dl

Os efeitos secundários são em geral leves, e incluem sonolência, sedação e até mesmo sono, variando sua incidência e intensidade de paciente a paciente, raramente requerendo a suspensão da medicação. Pode ocorrer também tontura, turvação visual, insônia, nervosismo, secura da boca, da garganta, das vias respiratórias e retenção urinária. Pode-se tornar necessária, às vezes, a redução da posologia.

Dramin b6 dl - Posologia

Uma ampola a cada 8 horas ou segundo critério médico. Em crianças recomenda-se administrar 1,25 mg de dimenidrinato/kg de peso até 4 vezes ao dia, não ultrapassando 300 mg/dia. O produto deve ser aplicado exclusivamente por via endovenosa, muito lentamente, na velocidade de 1 ml por minuto.

Superdosagem

A superdose causa, mais freqüentemente, sonolência. Podem ocorrer convulsões, coma e depressão respiratória. Não se conhece um antídoto específico. Recomenda-se adotar as medidas habituais de controle das funções vitais.

Dramin b6 dl - Informações

O dimenidrinato é um sal cloroteofilinado do agente anti-histamínico difenilidramina. Seu mecanismo de ação preciso ainda não é conhecido, mas apresenta uma ação depressora na função labiríntica hiperestimulada. O dimenidrinato demonstra seu poder como medicação sintomática nas náuseas e vômitos da gravidez, principalmente quando administrado juntamente com a vitamina B6 (Cloridrato de piridoxina). Agindo no fígado, a piridoxina opõe-se à formação de substâncias tóxicas provenientes especialmente do metabolismo das proteínas; tais substâncias funcionam como fatores predisponentes aos vômitos. O dimenidrinato tem sido usado com sucesso nos distúrbios pós-tratamentos radioterápicos intensivos, pós-cirurgias do labirinto e nos estados vertiginosos de origem central. De grande importância prática é o efeito do dimenidrinato na prevenção e tratamento das náuseas e vômitos pós-operatórios em geral. A administração de 100 mg da droga 45 a 60 minutos antes da medicação pré-anestésica, seguida por mais 100 mg após o efeito da narcose, reduz a incidência de náuseas e vômitos nos pacientes submetidos a anestesias inalatórias ou intra-raquidianas. Dramin b6 dl apresenta sua fórmula enriquecida por uma solução equimolecular de glicose e frutose, a fim de coadjuvar o tratamento da hiperemese e toxemia gravídicas, dos estados nauseosos, aliados a fraqueza geral. A frutose em função da sua lenta difusibilidade no organismo e do seu maior aproveitamento hepático é superior, sob o ponto de vista terapêutico, a todos os demais açúcares na formação do glicogênio. Quando aplicada por via endovenosa, proporciona alta concentração de açúcar sem produzir rapidamente mais calorias nem causar hiperglicemia, glicosúria ou diurese. A glicose monoidratada quando administrada intravenosamente e em quantidades adequadas, auxilia na manutenção do tônus e do calor orgânicos, principalmente quando estes estão comprometidos por distúrbios circulatórios causados por hemorragias ou choque cirúrgico e aos conseqüentes à desidratação e diarréia.

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal