Feed

Já é assinante?

Entrar

Falmonox

Falmonox - Bula do remédio

Falmonox com posologia, indicações, efeitos colaterais, interações e outras informações. Todas as informações contidas na bula de Falmonox têm a intenção de informar e educar, não pretendendo, de forma alguma, substituir as orientações de um profissional médico ou servir como recomendação para qualquer tipo de tratamento. Decisões relacionadas a tratamento de pacientes com Falmonox devem ser tomadas por profissionais autorizados, considerando as características de cada paciente.

Aviso importante

Todas as bulas constantes em nosso portal são meramente informativas. Em caso de dúvidas quanto ao conteúdo de algum medicamento, procure orientação de seu médico ou farmacêutico.

Obs.: A MedicinaNET não vende nenhum tipo de medicamento.

Laboratório

Sanofi

Apresentação de Falmonox

compr. 100 mg caixa c/ 15 un. compr. 500 mg caixa c/ 3 un. Susp. fr. c/ 90 ml

Falmonox - Indicações

Tratamento de amebíase intestinal aguda ou crônica.

Contra-indicações de Falmonox

O uso de Teclozam (Falmonox) está contra-indicado em pacientes com hipersensibilidade aos componentes da fórmula.

Advertências

O tratamento da amebíase extra-intestinal deve ser feito com um amebicida sistêmico, seguido de teclozana (Falmonox) com o objetivo de evitar recidiva. Os pacientes e seus familiares devem ser orientados com relação a medidas higiênicas, a fim de evitar reinfecção.

Uso na gravidez de Falmonox

A segurança da teclozana nestas condições ainda não foi estabelecida. Assim, os benefícios do tratamento devem ser avaliados frente aos possíveis riscos para a mãe e para o concepto ou lactente.

Interações medicamentosas de Falmonox

Até o momento não foram descritas interações medicamentosas com a teclozana.

Reações adversas / Efeitos colaterais de Falmonox

São pouco freqüentes. Ocasionalmente podem ocorrer cefaléia, prurido, urticária e transtornos gastrointestinais, tais como náuseas, flatulência e vômitos.

Falmonox - Posologia

Adultos e crianças com mais de 8 anos: dose total de 1500mg, de acordo com um dos esquemas abaixo: • 500mg a cada 12 horas (3 doses); • 500mg por dia, divididos em várias tomadas, durante 3 dias.

Superdosagem

Até o momento não foram descritos casos de superdosagem com o uso de teclozana. Caso venha a ocorrer, recomendam-se medidas gerais de suporte, êmese provocada ou lavagem gástrica.

Falmonox - Informações

A teclozana (Falmonox) é um derivado de dicloroacetamida, designado quimicamente por N, N´ [ 1,4-fenilendimetileno]-bis [2,2-dicloro-N-(2-etoxietil) acetamida]. Teclozana é um amebicida sintético que não contém metais pesados. A experiência clínica confirma que teclozana associa uma rápida e eficaz ação antiamebiana e uma excelente tolerabilidade. A concentração amebicida in vitro da teclozana contra E.histolytica é de aproximadamente 1:10.000.000. Teclozana (Falmonox) age ao nível da luz intestinal (ação local) indicado portanto para o tratamento da amebíase intestinal. Por sua absorção limitada e baixa toxicidade, a teclozana tem sido utilizada com sucesso em diversos esquemas posológicos, com elevados índices de cura clínica e parasitológica.

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal