Feed

Já é assinante?

Entrar

Advantan

Advantan - Bula do remédio

Advantan com posologia, indicações, efeitos colaterais, interações e outras informações. Todas as informações contidas na bula de Advantan têm a intenção de informar e educar, não pretendendo, de forma alguma, substituir as orientações de um profissional médico ou servir como recomendação para qualquer tipo de tratamento. Decisões relacionadas a tratamento de pacientes com Advantan devem ser tomadas por profissionais autorizados, considerando as características de cada paciente.

Aviso importante

Todas as bulas constantes em nosso portal são meramente informativas. Em caso de dúvidas quanto ao conteúdo de algum medicamento, procure orientação de seu médico ou farmacêutico.

Obs.: A MedicinaNET não vende nenhum tipo de medicamento.

Laboratório

Bayer

Apresentação de Advantan

Creme Cart. c/ bisn. c/ 15 g de creme Loção: Cart. c/ bisn. c/ 20 g sol.: Cart. c/ fr. gotejador c/ 20 ml de sol. Concentração: 0,1%

Advantan - Indicações

Eczema endógeno (dermatite atópica, neurodermite), eczema de contato, eczema vulgar, eczema degenerativo, eczema disidrótico, eczema em crianças.

Contra-indicações de Advantan

Presença de processos tuberculosos ou sifilíticos, varicela, herpes zoster e outras infecções virais, rosácea, dermatite perioral e reações cutâneas pós-vacinação na região a ser tratada

Reações adversas / Efeitos colaterais de Advantan

Ocasionalmente, o conteúdo alcoólico de Advantan pode provocar irritações cutâneas locais tais como sensação leve de ardor temporário. Menos freqüentemente, podem ocorrer prurido, eritema, ressecamento da pele e foliculite. Podem também ocorrer reações de hiper-sensibilidade aos componentes do produto

Advantan - Posologia

Creme: Salvo recomendação médica em contrário, aplicar uma camada fina de Advantan creme, uma vez ao dia nas regiões afetadas. De modo geral, a duração do tratamento não deve exceder 12 semanas em adultos, ou 4 semanas em crianças. Loção: Aplicar uma camada fina de Advantan loção uma vez ao dia nas regiões afetadas, friccionando levemente. Em eritema solar, aplicar uma ou, no máximo, duas vezes ao dia. De modo geral, a duração do tratamento não deve exceder 2 semanas em adultos. No caso de eritema solar, o tratamento não deve exceder 3 dias. Por princípio, o tratamento em crianças deve ser mantido pelo período mínimo necessário. Se ocorrer ressecamento excessivo da pele com a utilização do produto, dependendo do tipo de pele tratada, recomenda-se a utilização de um adjuvante neutro (emulsão água/óleo ou ungüento) como emoliente cutâneo. Solução: Aplicar gotejando lentamente Advantan, uma vez ao dia, nas regiões afetadas e friccionar levemente. De modo geral, a duração do tratamento não deve exceder 4 semanas

Advantan - Informações

Propriedades. Farmacodinâmica: após aplicação tópica, Advantan (aceponato de metilprednisolona) reduz reações cutâneas alérgicas e inflamatórias, bem como reações associadas à hiperproliferação, proporcionando regressão dos sintomas objetivos (eritema, edema, infiltração, liquenificação) e subjetivos (prurido, ardor, dor). O efeito sistêmico é mínimo, tanto em animais como em humanos, após aplicação tópica de aceponato de metilprednisolona em doses terapêuticas. Após tratam. de áreas extensas em pacientes c/ afecções cutâneas, os níveis plasmáticos de cortisol permaneceram dentro da faixa normal, o ritmo circadiano de cortisol não variou e não se observou redução de cortisol na urina após 24 horas. Assim como para todos os outros glicocorticóides, o mecanismo de ação do aceponato de metilprednisolona, até o momento, não está completamente esclarecido. Sabe-se que o aceponato de metilprednisolona liga-se ao receptor intracelular de glicocorticóide, do mesmo modo que seu principal metabólito, 17-propionato de 6a-metilprednisolona, o qual é formado após clivagem na pele. O complexo receptor-esteróide liga-se a determinadas regiões do DNA, promovendo, assim, uma série de efeitos biológicos. O mecanismo de ação antiinflamatória é melhor entendido: a ligação do complexo receptor-esteróide induz a síntese de macrocortina, a qual inibe a liberação do ácido araquidônico e, conseqüentemente, a formação de mediadores da inflamação, tais como prostaglandinas e leucotrienos.

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal