Feed

Já é assinante?

Entrar
Índice

Ginkgo Biloba

Ginkgo Biloba - Bula do remédio

Ginkgo Biloba com posologia, indicações, efeitos colaterais, interações e outras informações. Todas as informações contidas na bula de Ginkgo Biloba têm a intenção de informar e educar, não pretendendo, de forma alguma, substituir as orientações de um profissional médico ou servir como recomendação para qualquer tipo de tratamento. Decisões relacionadas a tratamento de pacientes com Ginkgo Biloba devem ser tomadas por profissionais autorizados, considerando as características de cada paciente.

Aviso importante

Todas as bulas constantes em nosso portal são meramente informativas. Em caso de dúvidas quanto ao conteúdo de algum medicamento, procure orientação de seu médico ou farmacêutico.

Obs.: A MedicinaNET não vende nenhum tipo de medicamento.

Laboratório

Vitamed

Apresentação de Ginkgo Biloba

Nome comercial: Ginkgo Biloba
Denominação genérica: Ginkgo Biloba L
Forma farmacêutica: comprimidos revestidos
Via de administração: via oral
Apresentação: cartucho contendo 20 e 30 comprimidos revestidos

USO ADULTO

COMPOSIÇÃO
Cada comprimido revestido 40mg contém:
Extrato seco padronizado Ginkgo Biloba L. (24%)*.....................40 mg
Excipiente................................................qs 1 comprimido

Cada comprimido revestido 80mg contém:
Extrato seco padronizado Ginkgo Biloba L. (24%)*.....................80 mg
Excipiente................................................qs 1 comprimido

Cada comprimido revestido 120 mg contém:
Extrato seco padronizado Ginkgo Biloba L. (24%)*....................120 mg
Excipiente.................................................qs 1 comprimido teor de Flavonoides glicosídeos

Embalagem com 30 comprimidos de 40mg
Embalagem com 20 comprimidos de 80mg
Embalagem com 20 comprimidos de 120mg

Ginkgo Biloba - Indicações

Tratamento de microvarizes, úlceras varicosas, cansaço das pernas, artrite dos membros inferiores. Processos causados pelo abastecimento deficiente de oxigênio e substâncias nutritivas. Casos de cor, palidez e cianose das extremidades com sensação de frio. Tratamento de toda a isquemia seja cerebral ou periférica. Casos de vertigem. Relativo a desordens no sistema vestibular e auditivo, dados clínicos e experimentais mostram a eficácia de extrato de Ginkgo Biloba no tratamento de zumbidos, vertigens, tonturas e outros sintomas de desordens vestibulococleares. Tratamento nos processos vasculares degenerativos. Labirintite.

Contra-indicações de Ginkgo Biloba

•O produto é contraindicado em pacientes com antecedentes de hipersensibilidade ao extrato de Ginkgo Biloba L.
•É contraindicado o uso concomitante de Ginkgo Biloba com aspirina, ticlopidina, antiagregante plaquetário e anticoagulantes, por apresentar um risco potencial de provocar uma hemorragia. Com inibidores da MAO, por aumentar a potência.

Uso na gravidez de Ginkgo Biloba

•O medicamento Ginkgo Biloba é classificado como risco tipo C na gravidez (Classificação Americana), onde não há estudos adequados em mulheres.
•A utilização de Ginkgo Biloba durante a gestação deve obedecer critérios de risco/benefício. Seu uso durante a gravidez deve ser feito apenas sob restrita orientação médica.

Interações medicamentosas de Ginkgo Biloba

O uso de Ginkgo Biloba com aspirina, ticlopidina, antiagregantes plaquetários e anticoagulantes é contraindicado devido ao potencial risco de hemorragia. Pode potencializar a ação dos IMAO.

INGESTÃO CONCOMITANTE COM OUTRAS SUBSTÂNCIAS

Não existem referências quanto ao uso de Ginkgo Biloba com alimentos ou bebidas alcoólicas. Siga corretamente o modo de usar. Não desaparecendo os sintomas, procure orientação médica ou de seu cirurgião-dentista.
Informe ao médico ou cirurgião-dentista o aparecimento de reações indesejáveis. Informe ao médico sobre qualquer medicamento que esteja usando, antes do início, ou durante o tratamento.

“NÃO TOME REMÉDIO SEM O CONHECIMENTO DO SEU MÉDICO, PODE SER PERIGOSO PARA A SAÚDE”.

Reações adversas / Efeitos colaterais de Ginkgo Biloba

Podem ocorrer distúrbios gastrointestinais, especialmente em casos de predisposição alérgica; transtornos circulatórios, incluindo queda de pressão arterial, cefaleia ou reações cutâneas. Essas reações costumam ser pouco intensas, não obrigando à interrupção do tratamento. Não há referências a alterações de função hepática, renal, nem dos valores hematológicos ou bioquímicos; qualquer que seja a dose empregada ou a duração do tratamento. O extrato de Ginkgo Biloba L. não tem influência no metabolismo hepático microssomal.

Ginkgo Biloba - Posologia

Comprimidos de 40mg: 1 comprimido, 3 vezes ao dia ou 2 comprimidos 2 vezes ao dia.
Comprimidos de 80mg: um comprimido, 2 vezes ao dia.
Comprimidos de 120mg: um comprimido, 1 vez ao dia.

Superdosagem

Na eventualidade da ingestão de doses muito acima das preconizadas, recomenda-se adotar medidas habituais de controle das funções vitais. Caso ocorram efeitos indesejados, descontinuar o uso e informar o médico.

Modo de usar

Salvo critério médico: recomenda-se tomar os comprimidos com um copo de água, antes das refeições.

Uso em idosos, crianças e em outros grupos de risco

•Não há contraindicações deste medicamento para pacientes idosos.
•Pacientes idosos devem utilizar Ginkgo Biloba sob orientação médica e obedecendo rigorosamente as doses indicadas.

Armazenagem

Conservar o produto em sua embalagem original, à temperatura ambiente (entre 15 e 30°C).
Proteger da luz.
Observada a correta armazenagem, a validade é de 24 meses, a partir da data de fabricação.
Não use medicamento com prazo de validade vencido, pois pode ser prejudicial à sua saúde.
Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.

Dizeres legais

Reg. MS Nº: 1.1695.0025
Farm. Resp.: Glauco Fernandes Miranda CRF - RS Nº 5252
LABORATÓRIO FARMACÊUTICO VITAMED LTDA
Rua Flávio Francisco Bellini, 459, Bairro Santos Dumont CEP: 95098-170
Caxias do Sul – RS
CNPJ: 29.346.301/0001-53
SAC: (54) 4009-3200
sac@vitamed.com.br
www.vitamed.com.br
Indústria Brasileira
Data de fabricação e prazo de validade: vide embalagem.

Ginkgo Biloba - Bula para o Paciente

AÇÃO ESPERADA DO MEDICAMENTO OU COMO ESTE MEDICAMENTO FUNCIONA?
O Ginkgo atua sobre a circulação em vários níveis, melhorando a irrigação periférica, ativando o metabolismo celular e diminuindo o risco de trombose. Ainda atua como um captador de radicais livres, inibindo a oxidação lipídica das membranas. Inibe a agregação das plaquetas e é de extremo valor em problemas psico-comportamentais de senilidade, tais como pouca concentração, memória fraca e indicado em déficits cerebrais de origem orgânica.

INDICAÇÕES DO MEDICAMENTO OU POR QUE ESTE MEDICAMENTO FOI INDICADO?
Tratamento de microvarizes, úlceras varicosas, cansaço das pernas, artrite dos membros inferiores. Processos causados pelo abastecimento deficiente de oxigênio e substâncias nutritivas. Casos de cor, palidez e cianose das extremidades com sensação de frio. Tratamento de toda a isquemia seja cerebral ou periférica. Casos de vertigem. Relativo a desordens no sistema vestibular e auditivo, dados clínicos e experimentais mostram a eficácia de extrato de Ginkgo Biloba no tratamento de zumbidos, vertigens, tonturas e outros sintomas de desordens vestibulococleares. Tratamento nos processos vasculares degenerativos. Labirintite.

RISCOS DO MEDICAMENTO OU QUANDO NÃO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO?
Contraindicações:
•O produto é contraindicado em pacientes com antecedentes de hipersensibilidade ao extrato de Ginkgo Biloba L.
•É contraindicado o uso concomitante de Ginkgo Biloba com aspirina, ticlopidina, antiagregante plaquetário e anticoagulantes, por apresentar um risco potencial de provocar uma hemorragia. Com inibidores da MAO, por aumentar a potência.

Efeitos colaterais:
•Os efeitos colaterais mais frequentes, referidos durante ensaios clínicos, foram os transtornos gástricos e as náuseas.
•A maior parte destes relatos de intolerância foi retirada de uma análise extensa com 2.855 pacientes, tratados com o extrato de Ginkgo Biloba L. A tolerância foi excelente em 2.701 pacientes (94,25%); entre estes, 5,15% apresentaram efeitos colaterais; 3,1% destes problemas digestivos, referidos pelos pacientes, como “mal estar gástrico” ou ”náusea”.
•Há raras referências a efeitos adversos do tipo cefaleia, atordoamento, vertigem e rash cutâneo.

Precauções
Gravidez:
•O medicamento Ginkgo Biloba é classificado como risco tipo C na gravidez (Classificação Americana), onde não há estudos adequados em mulheres.
•A utilização de Ginkgo Biloba durante a gestação deve obedecer critérios de risco/benefício. Seu uso durante a gravidez deve ser feito apenas sob restrita orientação médica.

Pacientes Idosos:
•Não há contraindicações deste medicamento para pacientes idosos.
•Pacientes idosos devem utilizar Ginkgo Biloba sob orientação médica e obedecendo rigorosamente as doses indicadas.

INTERAÇÕES MEDICAMENTOSAS
O uso de Ginkgo Biloba com aspirina, ticlopidina, antiagregantes plaquetários e anticoagulantes é contraindicado devido ao potencial risco de hemorragia. Pode potencializar a ação dos IMAO.

INGESTÃO CONCOMITANTE COM OUTRAS SUBSTÂNCIAS
Não existem referências quanto ao uso de Ginkgo Biloba com alimentos ou bebidas alcoólicas. Siga corretamente o modo de usar. Não desaparecendo os sintomas, procure orientação médica ou de seu cirurgião-dentista.
Informe ao médico ou cirurgião-dentista o aparecimento de reações indesejáveis. Informe ao médico sobre qualquer medicamento que esteja usando, antes do início, ou durante o tratamento.

“NÃO TOME REMÉDIO SEM O CONHECIMENTO DO SEU MÉDICO, PODE SER PERIGOSO PARA A SAÚDE”.

MODO DE USO OU COMO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO?

ASPECTO FÍSICO
Os comprimidos revestidos são da cor telha (laranja escuro), com odor característico.

CARACTERÍSTICAS ORGANOLÉPTICAS
Sabor e odor característicos.

DOSAGEM
Comprimidos de 40mg: 1 comprimido, 3 vezes ao dia ou 2 comprimidos 2 vezes ao dia.
Comprimidos de 80mg: um comprimido, 2 vezes ao dia.
Comprimidos de 120mg: um comprimido, 1 vez ao dia.

COMO USAR
Salvo critério médico: recomenda-se tomar os comprimidos com um copo de água, antes das refeições.
Siga corretamente o modo de usar. Não desaparecendo os sintomas, procure orientação médica. Não use o medicamento com o prazo de validade vencido. Antes de usar observe o aspecto do medicamento.
Este medicamento não pode ser partido ou mastigado.

REAÇÕES ADVERSAS OU QUAIS OS MALES QUE ESTE MEDICAMENTO PODE CAUSAR?
Podem ocorrer distúrbios gastrointestinais, especialmente em casos de predisposição alérgica; transtornos circulatórios, incluindo queda de pressão arterial, cefaleia ou reações cutâneas. Essas reações costumam ser pouco intensas, não obrigando à interrupção do tratamento. Não há referências a alterações de função hepática, renal, nem dos valores hematológicos ou bioquímicos; qualquer que seja a dose empregada ou a duração do tratamento. O extrato de Ginkgo Biloba L. não tem influência no metabolismo hepático microssomal.

CONDUTA EM CASO DE SUPERDOSE OU O QUE FAZER SE ALGUÉM USAR UMA GRANDE QUANTIDADE DESTE MEDICAMENTO DE UMA SÓ VEZ?
Na eventualidade da ingestão de doses muito acima das preconizadas, recomenda-se adotar medidas habituais de controle das funções vitais. Caso ocorram efeitos indesejados, descontinuar o uso e informar o médico.

CUIDADOS DE CONSERVAÇÃO E USO OU ONDE E COMO DEVO GUARDAR ESTE MEDICAMENTO?
Conservar o produto em sua embalagem original, à temperatura ambiente (entre 15 e 30°C). Proteger da luz.
Observada a correta armazenagem, a validade é de 24 meses, a partir da data de fabricação. Não use medicamento com prazo de validade vencido, pois pode ser prejudicial à sua saúde.
Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.

Data da bula

13/05/2014

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal