Feed

Já é assinante?

Entrar

Cloxazolam

Cloxazolam - Bula do remédio

Cloxazolam com posologia, indicações, efeitos colaterais, interações e outras informações. Todas as informações contidas na bula de Cloxazolam têm a intenção de informar e educar, não pretendendo, de forma alguma, substituir as orientações de um profissional médico ou servir como recomendação para qualquer tipo de tratamento. Decisões relacionadas a tratamento de pacientes com Cloxazolam devem ser tomadas por profissionais autorizados, considerando as características de cada paciente.

Aviso importante

Todas as bulas constantes em nosso portal são meramente informativas. Em caso de dúvidas quanto ao conteúdo de algum medicamento, procure orientação de seu médico ou farmacêutico.

Obs.: A MedicinaNET não vende nenhum tipo de medicamento.

Laboratório

Eurofarma

Referência

Cloxazolam

Apresentação de Cloxazolam

Comprimido, 1 mg, 2 mg ou 4 mg. Embalagens com 20 comprimidos.

USO ADULTO
USO ORAL

Composição:

Cada comprimido contém: Cloxazolam........................................................................................................................1mgExcipientes q.s.p.........................................................................................................1 unidade Excipientes: hipolose, lactose, amido de milho, estearato de magnésio, croscarmelose sódica e óxido de ferro amarelo.
Cloxazolam.......................................................................................................................2 mg
Excipientes q.s.p.........................................................................................................1 unidade Excipientes: hipolose, lactose, amido de milho, estearato de magnésio, croscarmelose sódica e óxido de ferro amarelo.
Cloxazolam.......................................................................................................................4 mg Excipientes q.s.p.........................................................................................................1 unidade Excipientes: hipolose, lactose, amido de milho, estearato de magnésio, croscarmelose sódica e óxido de ferro amarelo.

Cloxazolam - Indicações

- Distúrbios emocionais, especialmente ansiedade, medo, fobias, tensão, inquietude, astenia e sintomas depressivos;
- Distúrbios comportamentais, especialmente má adaptação social;
- Distúrbios do sono, tais como dificuldade em dormir ou sono interrompido e despertar precoce;
- Sintomas somáticos, funcionais de origem psicogênica, sentimentos de opressão e certos tipos de dores.
As condições nas quais estes sintomas ocorrem freqüentemente são:
- Neuroses, estados reacionais crônicos, reações patológicas sub-agudas;
- Distúrbios psicossomáticos dos sistemas cardiovascular, gastrintestinal, respiratório, muscular esquelético ou urogenital;
- Reações afetivas devido a moléstias agudas ou crônicas;
- Síndrome de abstinência ao álcool.
Outros empregos:
- Pré-medicação anestésica;
- Tratamento coadjuvante em psicopatia, retardo mental, psicoses, depressão endógena e psicogênica, distúrbios geriátricos.

Contra-indicações de Cloxazolam

O uso deste medicamento é contra-indicado em casos de hipersensibilidade conhecida ao Cloxazolam, a derivados benzodiazepínicos e/ou demais componentes da formulação. Este medicamento também está contra-indicado nos estados comatosos ou depressão severa do sistema nervoso central e miastenia grave.

Advertências

Especialmente em doses elevadas, Cloxazolam, como todos os medicamentos de ação central, pode comprometer as reações do paciente (ex.: condução de veículos, operação de máquinas, entre outras). Na presença de doença hepática ou renal, síndrome cerebral crônica ou glaucoma de ângulo fechado, os pacientes devem ser cuidadosamente monitorados e, se necessário, a dose de Cloxazolam deve ser reduzida.
Embora os benzodiazepínicos apresentem baixo potencial em causar dependência e não tenham sido relatados casos de criação de hábito com Cloxazolam, deve-se ter cuidado ao prescrever o medicamento a pessoas com tendência ao vício.

Interações medicamentosas de Cloxazolam

Cloxazolam pode potencializar os efeitos inibidores centrais dos neurolépticos, antidepressivos, ansiolíticos, sedativos, hipnóticos, narcóticos, analgésicos e anti-histamínicos. Essa potencialização pode ser utilizada terapeuticamente, especialmente pela combinação de Cloxazolam com antidepressivos. A ingestão simultânea de álcool não é recomendada.

Reações adversas / Efeitos colaterais de Cloxazolam

Sedação, tontura e cefaléia podem ser verificadas com doses elevadas ingeridas de uma só vez. Esses efeitos colaterais geralmente aparecem no início do tratamento, mas podem ser evitados pelo aumento gradual da dose, ou podem ser revertidos pela redução da mesma. Hipotensão ortostática, hipotonia muscular ou ataxia são fenômenos raros.

Cloxazolam - Posologia

Dose inicial
Pacientes com distúrbios de grau leve ou moderado, 1 a 3 mg ao dia. Pacientes com distúrbios de grau moderado ou severo, 2 a 6 mg ao dia. As doses poderão ser fracionadas em 2 ou 3 tomadas diárias.

Dose de manutenção
As doses devem ser ajustadas progressivamente de acordo com a resposta terapêutica. Para casos leves, de 2 a 6 mg, e para casos graves, de 6 a 12 mg ao dia, em doses fracionadas. Uma acentuada melhora (após 2 a 6 semanas) deve permitir a redução gradual da posologia ou até a retirada completa do medicamento.

Pré-anestesia
São recomendados 0,1 mg/kg de peso corpóreo, 1 ou 2 horas antes da cirurgia, somente nos casos em que é possível a administração oral. Em casos de acentuada apreensão, a mesma dose poderá ser administrada na noite precedente à intervenção cirúrgica.

Observação
Em crianças com menos de 15 anos, a experiência clínica com Cloxazolam ainda está limitada.

Superdosagem

Sedação, tontura e cefaléia podem ser verificados com doses elevadas ingeridas de uma só vez. Em caso de superdosagem, procure orientação médica.

Características farmacológicas

Cloxazolam é um benzodiazepínico que produz alívio da ansiedade, do medo, da inquietude interior, da tensão, da agitação, dos sintomas depressivos e de vários tipos de insônia, não causando de modo geral, sonolência ou ataxia. Cloxazolam apresenta um efeito relaxante muscular menos pronunciado que os tranqüilizantes menores adota- dos como padrão.

Modo de usar

Conservar em temperatura ambiente (entre 15oC e 30oC). Proteger da umidade. Modo de usar - vide item " Posologia".

Uso em idosos, crianças e em outros grupos de risco

Gravidez e/ou lactação
As experiências animais não revelaram efeitos adversos no feto, mas ainda não há experência disponível sobre o uso de Cloxazolam em mulheres grávidas. A administração de Cloxazolam não é recomendada durante a lactação.

Crianças
Em crianças com menos de 15 anos, a experiência clínica com Cloxazolam ainda está limitada.

Armazenagem

Conservar em temperatura ambiente (entre 15oC e 30oC). Proteger da umidade.
Prazo de validade
Desde que observados os devidos cuidados de conservação, o prazo de validade do Cloxazolam é de 18 meses, contados a partir da data de fabricação impressa em sua embalagem externa.

Dizeres legais

MS - 1.0043.0916
Farm. Resp.: Dra. Sônia Albano Badaró
CRF-SP 19.258

VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA. O ABUSO DESTE MEDICAMENTO PODE CAUSAR DEPENDÊNCIA.

EUROFARMA LABORATÓRIOS LTDA
Av. Ver. José Diniz, 3.465, São Paulo – SP
CNPJ: 61.190.096/0001-92
Indústria Brasileira

Cloxazolam - Bula para o Paciente

Ação e indicação esperada do medicamento Cloxazolam é um benzoadiazepínico que produz alívio da ansiedade, do medo, da agitação, da inquietude, dos sintomas depressivos e dos vários tipos de insônia.

- Riscos do medicamento
Cloxazolam aumenta o efeito de alguns medicamentos, portanto informe ao seu médico sobre qualquer medicamento que esteja usando antes do ínicio ou durante o tratamento. Devido ao efeito sedativo durante o tratamento o paciente não deve dirigir veículos e/ou operar máquinas, pois sua habilidade e atenção podem estar prejudicadas. Não é recomendado o uso de bebidas alcóolicas durante o tratamento com Cloxazolam. Informe ao seu médico sobre a ocorrência de gravidez, antes ou durante o tratamento. Não é recomendado o uso de Cloxazolam durante a amamentação.

Não se recomenda a administração deste medicamento em crianças menores de 5 anos.

INFORME AO MÉDICO O APARECIMENTO DE REAÇÕES INDESEJÁVEIS.
INFORME AO SEU MÉDICO SE VOCÊ ESTÁ FAZENDO USO DE ALGUM OUTRO MEDICAMENTO.
NÃO USE MEDICAMENTO SEM O CONHECIMENTO DO SEU MÉDICO. PODE SER PERIGOSO PARA A SUA SAÚDE.

Modo de uso
Siga a orientação de seu médico, respeitando sempre os horários, as doses e a duração do tratamento.
NÃO INTERROMPA O TRATAMENTO SEM O CONHECIMENTO DO SEU MÉDICO.
NÃO USE O MEDICAMENTO COM O PRAZO DE VALIDADE VENCIDO. ANTES DE USAR, OBSERVE O ASPECTO DO MEDICAMENTO.

Reações Adversas
Sintomas desagradáveis podem aparecer no início do tratamento, os mais comuns são: sedação, tontura e dor de cabeça. Informe ao seu médico o aparecimento de reações desagradáveis.
Condutas na Superdosagem
Sedação, tontura e cefaléia podem ser verificadas com doses elevadas ingeridas de uma só vez. Em caso de superdosagem, procure orientação médica.
Cuidados de Conservação
Conservar em temperatura ambiente (entre 15oC e 30oC). Proteger da umidade.
Prazo de validade
Desde que observados os devidos cuidados de conservação, o prazo de validade do Cloxazolam é de 18 meses, contados a partir da data de fabricação impressa em sua embalagem externa.

TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS.

Data da bula

26/06/2013

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal