Feed

Já é assinante?

Entrar
Índice

Multigrip

Multigrip - Bula do remédio

Multigrip com posologia, indicações, efeitos colaterais, interações e outras informações. Todas as informações contidas na bula de Multigrip têm a intenção de informar e educar, não pretendendo, de forma alguma, substituir as orientações de um profissional médico ou servir como recomendação para qualquer tipo de tratamento. Decisões relacionadas a tratamento de pacientes com Multigrip devem ser tomadas por profissionais autorizados, considerando as características de cada paciente.

Aviso importante

Todas as bulas constantes em nosso portal são meramente informativas. Em caso de dúvidas quanto ao conteúdo de algum medicamento, procure orientação de seu médico ou farmacêutico.

Obs.: A MedicinaNET não vende nenhum tipo de medicamento.

Laboratório

Multilab

Apresentação de Multigrip

Cápsulas - Embalagens contendo 20, 100 e 200 cápsulas.

USO ORAL - ADULTO

Composição
Cada cápsula contém:
paracetamol..............................................................400mg maleatodeclorfeniramina................................................4mg cloridratodefenilefrina....................................................4mg excipiente....................q.s.p...................................1 cápsula
(lactose monoidratada, estearato de magnésio, copovidona e amido pré-gelatinizado)
____________________________________________________________________________

Granulado sabor laranja: Envelope contendo 5g.
Granulado sabor mel e limão: Envelope contendo 5g e embalagem com 50 envelopes contendo 5g.

USO ORAL
ADULTO E PEDIATRICO ACIMA DE 6 ANOS

COMPOSIÇÃO
Cada envelope (5g) contém:
paracetamol ..........................................................400mg
maleato de clorfeniramina ..........................................................4mg
cloridrato de fenilefrina ..........................................................4mg excipientes...........................q.s.p...................................5g
(excipientes – granulado sabor laranja: sacarina sódica, ciclamato de sódio, ácido cítrico, benzoato de sódio, dióxido de silício, corante amarelo crepúsculo, aroma de laranja, sacarose, álcool etílico e água purificada)
(excipientes – granulado sabor mel e limão: sacarina sódica, ciclamato de sódio, ácido cítrico, benzoato de sódio, dióxido de silício, corante azul brilhante, aroma de limão, aroma de mel, sacarose, álcool etílico e água purificada)
____________________________________________________________________________

Solução Oral (GOTAS) - Embalagem contendo 1 frasco de 15mL.
Solução Oral- Embalagem contendo 1 frasco de 100ml + 1 copo-medida.

SOLUÇÃO ORAL (GOTAS) - USO ORAL PEDIÁTRICO DE 2 A 6 ANOS
SOLUÇÃO ORAL- USO ORALADULTO E PEDIÁTRICO ACIMA DE 6 ANOS

COMPOSIÇÃO
- Solução Oral (GOTAS): Cada mL (equivalente a 40 gotas) contém:
paracetamol..............................................................................100mg
malcato de clorfeniramina ......................................................2mg
cloridrato de fenilefrina ..........................................................2mg
excipientes ..........................q.s.q.............................................1mL
(sorbitol, álcool etílico, metilparabeno, propilparabeno, corante vermelho, aroma de frutas vermelhas, sacarina sódica, ciclamato de sódio, macrogol e água purificada)

- Solução Oral: Cada mL contém:
paracetamol...............................................................................40mg
malcato de clorfeniramina ......................................................0,6mg
cloridrato de fenilefrina ..........................................................0,6mg
excipientes ..........................q.s.q..............................................1mL
(sorbitol, álcool etílico, metilparabeno, propilparabeno, corante vermelho, aroma de frutas vermelhas, sacarose, macrogol e água purificada)

Multigrip - Indicações

Cápsula
Antigripal múltiplo com ação nas gripes, resfriados, congestão nasal, coriza, febre, cefaleia, dores musculares e demais sintomas presentes nos estados gripais.

Granulado
Multigrip é indicado no tratamento sintomático dos distúrbios congestivos e exsudativos decorrentes das gripes, resfriados e rinites alérgicas (corizas, dores musculares, febre, cefaleia, congestão nasal e demais sintomas presentes nos estados gripais).

Solução Oral
Antigripal múltiplo com ação nas gripes, resfriados, congestão nasal, coriza, febre, cefaleia, dores musculares e demais sintomas presentes nos estados gripais.

Contra-indicações de Multigrip

Cápsula
O produto e contraindicado em pacientes com conhecida hipersensibilidade aos componentes da fórmula. Não deve ser administrado a pacientes com hipertensão, doença cardíaca, diabetes, glaucoma, hipertrofia da próstata, doença renal crônica, insuficiência hepática grave, disfunção tireoidiana, gravidez e lactação sem controle médico.

Granulado
O produto é contraindicado em pacientes com conhecida hipersensibilidade ao paracetamol e demais componentes da fórmula, durante o período de gravidez, devendo ser usado com cautela em mulheres que estejam amamentando.
Este medicamento deve ser administrado com cautela a pacientes com hipertensão grave, distúrbios da artéria coronária, glaucoma, diabetes e hipertireoidismo.

Solução Oral
O produto é contraindicado em pacientes com conhecida hipersensibilidade aos componentes da fórmula. Não deve ser administrado a pacientes com hipertensão, doença cardíaca, diabetes, glaucoma, hipertrofia da próstata, doença renal crônica, insuficiência hepática grave, disfunção tireoidiana, gravidez e lactação sem controle médico.

Advertências

Cápsula
As cápsulas contém o corante amarelo de TARTRAZINA, que pode causar reações de natureza alérgica, entre as quais asma brônquica especialmente em pessoas alérgicas ao ácido acetilsalicllico.
Este medicamento induz sonolência não devendo ser utilizado por condutores de veículos, operadores de máquinas ou aqueles de cuja atenção dependa a segurança de outras pessoas.
Não use outro produto que contenha paracetamol.

Atenção diabéticos: Contém açúcar (lactose).

Granulado
Não ingerir bebidas alcoólicas durante o uso do medicamento. Evitar dirigir veículos ou operar máquinas que requeiram constante estado de alerta.
O medicamento não deve ser administrado por períodos prolongados.
Administrar com cautela em pacientes que sofrem de bronquite asmática, doença renal ou hepática grave, hipertensão, doenças cardíacas, diabetes, hipertireoidismo, glaucoma ou hipertrofia da próstata.
Comunicar ao médico caso tenha administrado medicamentos que são inibidores da MAO nas últimas 2 semanas ou tenha sofrido alguma intervenção cirúrgica ou dentária nos últimos 2 meses e ou, ainda, que tenha recebido anestesia geral ou espinhal.
Não utilizar o medicamento durante a gravidez ou, pois os anti-histamínicos são também eliminados pelo leite materno. Além disso, podem inibir a lactação por efeito anticolinérgico.
Não é recomendado o uso deste medicamento em prematuros e recém-nascidos devido ao efeito anticolinérgico sobre o SNC trazendo excitação e maior tendência a convulsões.
Devido ao efeito vasopressor, crianças com idade inferior a 6 anos podem desenvolver desordens psiquiátricas após o uso do medicamento.

Atenção diabéticos: Contém açúcar.

Não use outro produto que contenha paracetamol.
Este medicamento induz sonolência não devendo ser utilizado por condutores de veículos, operadores de máquinas ou aqueles de cuja atenção dependa a segurança de outras pessoas.

Solução Oral
Este medicamento induz sonolência não devendo ser utilizado por condutores de veículos, operadores de máquinas ou aqueles de cuja atenção dependa a segurança de outras pessoas.
Não use outro produto que contenha paracetamol.
Atenção diabéticos: Multigrip Solução Oral contém açúcar.
Multigrip Solução Oral (GOTAS) não contém açúcar.

Interações medicamentosas de Multigrip

Cápsula
O produto não deve ser administrado concomitantemente com inibidores da monoaminqxidase (MAO), com barbitúricos ou álcool.

ALTERAÇOES EM EXAMES LABORATORIAIS: Os testes de função pancreática utilizando a bentiromida ficam invalidados, a menos que o uso do medicamento seja descontinuado três (3) dias antes da realização do exame.
Pode produzir falsos valores aumentados quando da determinação do ácido 5-hidroxilindolacético, quando for utilizado o reagente nitrosonaftol.

Granulado
O produto não deve ser administrado concomitantemente com inibidores da monoaminoxidase (MAO), com barbitúricos ou álcool.

Solução Oral
O produto não deve ser administrado concomitantemente com inibidores da monoaminoxidase (MAO), com barbitúricos ou álcool.

ALTERAÇOES EM EXAMES LABORATORIAIS
Os testes de função pancreática utilizando a bentiromida invalidados, a menos que o uso do medicamento seja descontinuado três (3) dias antes da realização do exame.
Pode produzir falsos valores aumentados quando da determinação do ácido S-hidroxilindolacético, quando for utilizado o reagente nitrosonaftol.

Reações adversas / Efeitos colaterais de Multigrip

Cápsula
Durante o tratamento, embora raramente, podem surgir reações adversas características, tais como: sonolência, vertigem, hipotensão, sudorese, palpitações, ansiedade, tremor, insônia, desconforto gástrico e irritações cutâneas. O uso prolongado pode provocar discrasias sanguíneas e necrose papilar renal.

Granulado
Durante o tratamento, embora raramente, podem surgir reações características do paracetamol, anti-histamínicos e substâncias simpatomiméticas, tais como: sedação, sonolência, vertigem, sudorese, palpitações, diarreia, náuseas, dor no alto do abdômen, tendência a formação de cálculos renais, agitação, irritabilidade, modificações no mecanismo da visão, febre, secura na boca e no nariz, diminuição do apetite, aumento da frequência cardíaca, fadiga, cansaço, tremor, insônia, nervosismo, palidez e irritações cutâneas. Com menos frequência podem ocorrer anemia, micro-sangramento estomacal, tonturas, fraqueza e necrose papilar renal.

Alterações em Exames Laboratoriais: Os testes da função pancreática utilizando a benitromida ficam invalidados, a menos que o uso do medicamento seja descontinuado 3 dias antes da realização do exame.
Pode produzir falsos valores aumentados na determinação do ácido úrico sérico pelo método do tungstato.
Pode produzir falsos resultados positivos na determinação do ácido 5-hidroxilindolacetico, quando for utilizado o reagente nitrosonaftol.

Solução Oral
Durante o tratamento, embora raramente, podem surgir reações adversas características, tais como: sedação, sonolência, vertigem, hipotensão, sudorese, palpitações, ansiedade, tremor, insônia, desconforto gástrico e irritações cutâneas. O uso prolongado pode provocar discrasias sanguíneas e necrose papilar renal.

Multigrip - Posologia

Cápsula
Aspecto físico/Características organolépticas: cápsula vermelha e amarela contendo branco.
Administração por via oral.
- Adultos: 1 a 2 cápsulas a cada 4 horas.
- Crianças acima de 12 anos: 1 cápsula a cada 4 horas.
Não tomar mais que 10 cápsulas ao dia.

Granulado
- Adultos: 1 a 2 envelopes a cada 4 horas.
- Crianças de 6 a 12 anos: 1 envelope a cada 4 horas.
Dose máxima: 10 envelopes ao dia.

Solução Oral
Aspecto físico/Características organolépticas:
- Solução oral (GOTAS): solução límpida, vermelha, com aroma característico.
- Solução oral: liquido límpido, com sabor e odor característico.
Administração por via oral.

Solução Oral (GOTAS):
- De 4 a 6 anos: 30 a 40 gotas 3 a4 vezes ao dia.
- De 2 a4 anos: 20 a 30 gotas 3 a4 vezes ao dia.
- Crianças abaixo de 2 anos: sob orientação médica.
ATENÇÃO: O gotejamento deve ser realizado com o frasco invertido, na posição 45°, mantendo pressão moderada e contínua.

Solução Oral:
- Adultos e crianças acima de 12 anos: 1 copo medida (10mL) a cada 4 horas.
- Crianças de 6 a 12 anos: meio copo medida (5mL)a cada 4 horas.

Superdosagem

Cápsula
Promover esvaziamento gástrico através da indução de emese ou lavagem gástrica.
A N-acetilcisteína, administrada por via oral, é um antídoto específico para toxicidade induzida pelo paracetamol, devendo ser instituída nas primeiras 24 horas. Medidas de manutenção do estado geral devem ser observadas, como hidratação, balanço hídrico, eletrolítico e correção de hipoglicemia.

Granulado
Os sintomas são diminuição dos movimentos finos, severa secura na garganta, boca e nariz, vermelhidão da face, respiração curta, alucinação, sono inconstante, hipertensão, aceleração dos batimentos cardíacos, dor de cabeça, diarreia, perda de apetite, náuseas, vômitos, dor no estômago. Estes sintomas podem ocorrer 6 a 14 horas após a ingestão e persistir por até 24 horas.
Hepatotoxicidade pode ocorrer 2 a 4 dias após a ingestão.

- Tratamento: No caso de ingestão de doses muito acima das preconizadas, o tratamento deve ser iniciado o mais rápido possível. O estômago deve ser esvaziado através de aspiração gástrica e lavagem ou por indução de vómito com xarope de ipeca, caso o paciente não estiver convulsionando, em comatose ou tenha perdido a fala. A determinação sérica do paracetamol deve ser obtida rapidamente, mas não antes de 4 horas após a ingestão. Determinar inicialmente a função hepática e a seguir a cada 4 horas. O antídoto N-acetilcisteína deve ser administrado com urgência e dentro das 16 horas após a ingestão para se obter bons resultados. Demais exigências de suporte devem ser adotadas caso sejam necessárias.

Solução Oral
Promover esvaziamento gástrico através da indução de emese ou lavagem gástrica.
A N-acetilcisteina, administrada por via oral, é um antídoto específico para toxicidade induzida pelo paracetamol, devendo ser instituída nas primeiras 24 horas.
Medidas de manutenção do estado geral devem ser observadas, como hidratação, balanço hídrico, eletrolítico e correção de hipoglicemia.

Características farmacológicas

Cápsula
As ações farmacológicas das substâncias que formam o produto prestam uma cobertura sintomática ampla no tratamento de gripes e resfriados cuja ação farmacodinâmica e segurança são perfeitamente conhecidas e bem estabelecidas,
O paracetamol possui atividade analgésica e antitérmica. Ambas ocorrem devido a inibição da síntese de prostaglandinas no Sistema Nervoso Central. A ação analgésica ocorre, predominantemente, no Sistema Nervoso Central e, a nível menor, através de ação periférica, bloqueando a geração de impulsos dolorosos. A ação antitérmica ocorre no centro cerebral regulador da temperatura.
O maleato de clorfeniramina é um agente anti-histamínico. Tem ação contraria a da histamina, que ocasiona a maioria dos efeitos alérgicos presentes nos estados gripais. Atua na musculatura lisa do aparelho respiratório diminuindo os broncoespasmos. Diminui a permeabilidade dos pequenos vasos sanguíneos e consequentemente os edemas rubores e pruridos. Tem ação sobre as glândulas exócrinas, diminuindo as secreções salivares e Iacrimais.
O cloridrato de fenilefrina atua sobre receptores específicos, causando uma vasoconstrição direta, promovendo o descongestionamento nasal e diminuindo a coriza e a rinite.

Granulado
O paracetamol possui ação analgésica e antipirética. Age pela inibição da síntese de prostaglandinas no Sistema Nervoso Central (SNC) e, numa extensão menor, através de uma ação periférica de bloqueio do impulso de geração da dor. A ação periférica pode também ser devida à inibição da síntese de prostaglandinas ou à inibição da síntese ou ação de outras substâncias que sensibilizam os receptores da dor aos estímulos mecânicos ou químicos. Provavelmente pode produzir antipirese pela atuação de regulagem da temperatura hipotalâmica, produzindo vasodilatação periférica e resultando em aumento do fluxo sanguíneo através da pele, suor e perda de calor. Esta ação central provavelmente envolve a síntese de prostaglandinas no hipotálamo.
O maleato de clorfeniramina e um agente anti-histamínico. Age pela competição com a histamina pelos sítios do receptor nas células efetoras. No entanto, o maleato de clorfeniramina impede, mas não anula respostas mediadas pela histamina.
O cloridrato de fenilefrina age nos receptores alfa-adrenérgicos presentes na mucosa do trato respiratório para produzir vasoconstrição que temporariamente reduz o edema associado a inflamação das membranas mucosas que revestem as passagens nasais, proporcionando melhor respiração. A eliminação é renal.

Solução Oral
As ações farmacológicas das substâncias que formam o produto prestam uma cobertura sintomática ampla no tratamento de gripes e resfriados, cuja ação farmacodinâmica e segurança são perfeitamente conhecidas e bem estabelecidas.
O paracetamol possui atividade analgésica e antitérmica. Ambas ocorrem devido a inibição da síntese de prostaglandinas no Sistema Nervoso Central. A ação analgésica ocorre, predominantemente, no Sistema Nervoso Central e, a nível menor, através de ação periférica, bloqueando a geração de impulsos dolorosos. A ação antitérmica ocorre no centro cerebral regulador da temperatura.
O maleato de clorfeniramina é um agente anti-histamínico. Tem ação contrária a da histamina, que ocasiona a maioria dos efeitos alérgicos presentes nos estados gripais. Atua na musculatura lisa do aparelho respiratório diminuindo os broncoespasmos. Diminui a permeabilidade dos pequenos vasos sanguíneos e consequentemente os edemas, rubores e pruridos. Tem ação sobre as glândulas exócrinas, diminuindo as secreções salivares e lacrimais.
O cloridrato de fenilefrina atua sobre receptores específicos, causando uma vasoconstrição direta, promovendo o descongestionamento nasal e diminuindo a coriza e a rinite.

Modo de usar

Granulado
USO ORAL/USO INTERNO
Dissolver todo o conteúdo do envelope em água.

Uso em idosos, crianças e em outros grupos de risco

Cápsula
PACIENTES IDOSOS: E recomendado o uso sob orientação médica.

Granulado
Pacientes Idosos: Pode ocorrer confusão mental, tontura, hipotensão, hiperexcitabilidade e efeitos anticolinérgicos, como secura da boca e retenção urinária, principalmente em mulheres. Se estes sintomas prosseguirem com o uso, suspender a medicação.

Solução Oral
PACIENTES IDOSOS
E recomendado o uso sob orientação médica.

Armazenagem

Cápsula
Multigrip deve ser conservado em temperatura ambiente (entre 15 e 30°C), protegido da luz e da umidade. Número de lote e datas de fabricação e validade: vide embalagem. TODO O MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS
Siga corretamente o modo de usar, não desaparecendo os sintomas procure orientação médica.

Solução Oral
Multigrip deve ser conservado em temperatura ambiente (entre 15 e 30°C), protegido da luz e da umidade.
Número de lote e datas de fabricação e validade: vide embalagem. TODO O MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS
Siga corretamente o modo de usar, não desaparecendo os sintomas procure orientação médica.

Dizeres legais

Cápsula
MULTILAB Ind. e Com. de Prod. Farm. Ltda.
RS 401 – Km 30 – nº 1009 – São Jerônimo – RS
CEP 96700-000 – CNPJ 92.265.552/0001-40
Data de fabricação, lote e validade: vide embalagem
Reg. M.S. nº 1.1819.0021
Farm. Resp.: Filipe Thomas Steger – CRF-RS 10473
Indústria Brasileira

Granulado
MULTILAB Ind. e Com. de Prod. Farm. Ltda.
RS 401 – Km 30 – nº 1009 – São Jerônimo – RS
CEP 96700-000 – CNPJ 92.265.552/0001-40
Data de fabricação, lote e validade: vide embalagem
Reg. M.S. nº 1.1819.0021
Farm. Resp.: Almeci Lucia Werle Cavedon – CRF-RS 5202
Indústria Brasileira

Solução Oral
MULTILAB Ind. e Com. de Prod. Farm. Ltda.
RS 401 – Km 30 – nº 1009 – São Jerônimo – RS
CEP 96700-000 – CNPJ 92.265.552/0001-40
Data de fabricação, lote e validade: vide embalagem
Reg. M.S. nº 1.1819.0021
Farm. Resp.: Almeci Lucia Werle Cavedon – CRF-RS 5202
Indústria Brasileira

Multigrip - Bula para o Paciente

Cápsulas
PARA QUE ESTE MEDICAMENTO É INDICADO?
Multigrip alivia a obstrução nasal, coriza, febre, cefaleia e dores musculares presentes nos estados gripais.

COMO ESTE MEDICAMENTO FUNCIONA?
Multigrip4er é antigripal múltiplo que contém substâncias que agem contra os sintomas de gripes e resfriados.

QUANDO NAO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO?
Contraindicações: O produto é contraindicado em pacientes com conhecida hipersensibilidade aos componentes da fórmula. Não deve ser administrado a pacientes com hipertensão, doença cardíaca, diabetes, glaucoma, hipertrofia da próstata, doença renal crónica, insuficiência hepática grave, disfunção tireoidiana, gravidez e lactação sem controle médico.
Não deve ser usado na gravidez e lactação.
Informe seu medico a ocorrência de gravidez na vigência do tratamento ou apos o seu término. Informar o médico se está amamentando.
Caso surjam reações desagradáveis como tontura, vertigem, taquicardia, palpitaçöes, hipertensão, desconforto gástrico e reações alérgicas cutâneas durante o tratamento com Muitigrip, aconselha-se suspender o medicamento e comunicar ao médico.

O QUE DEVO SABER ANTES DE USAR ESTE MEDICAMENTO?
Advertências e Precauções: O produto não deve ser administrado concomitantemente com inibidores da monoaminoxidase (MAO), com barbitúricos ou álcool.
Informar seu médico sobre qualquer medicamento que esteja usando antes do início ou durante o tratamento.
Em pacientes idosos é recomendado o uso sob orientação médica.
Este medicamento induz sonolência não devendo ser utilizado por condutores de veículos, operadores de máquinas ou aqueles de cuia atenção dependa a segurança de outras pessoas.
As cápsulas contém o corante amarelo de TARTRAZINA, que pode causar reações de natureza alérgica, entre as quais asma brônquica especialmente em pessoas alérgicas ao ácido acetilsalicílico.
Não use outro produto que contenha paracetamol.

Atenção diabéticos: Contém açúcar (lactose).

Informe ao seu médico ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento.

ONDE, COMO E POR QUANTO TEMPO POSSO GUARDAR ESTE MEDICAMENTO?
Aspecto físico/Características organolépticas: cápsula vermelha e amarela contendo branco.
Multigrip deve ser conservado em temperatura ambiente (entre 15 e 30°C), protegido da luz e da umidade.
Número de lote e datas de fabricação e validade: vide embalagem.
Não use medicamento com o prazo de validade vencido. Guarde-o em sua embalagem original.
Antes de usar, observe o aspecto do medicamento. Caso ele esteja no prazo de validade e você observe alguma mudança no aspecto, consulte o farmacêutico para saber se poderá utiliza-lo.

TODO O MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS

COMO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO?
Modo de usar: Administração por via oral.
Posologia:
- Adultos: 1 a 2 cápsulas a cada 4 horas.
- Crianças acima de 12 anos: 1 cápsula a cada 4 horas.
Não tomar mais que 10 cápsulas ao dia.
Siga corretamente o modo de usar. Em caso de dúvidas sobre este medicamento procure orientação do farmacêutico. Não desaparecendo os sintomas, procure orientação do seu médico ou cirurgião-dentista.
Este medicamento não deve ser partido, aberto ou mastigado.

QUAIS OS MALES QUE ESTE MEDICAMENTO PODE CAUSAR?
Reações adversas: Durante o tratamento, embora raramente, podem surgir reações adversas características, tais como: sonolência, vertigem, hipotensão, sudorese, palpitações, ansiedade, tremor, insônia, desconforto gástrico e irritações cutâneas. O uso prolongado pode provocar discrasias sanguíneas e necrose papilar renal.
Informe ao seu médico, cirurgião-dentista ou farmacêutico o aparecimento de reações indesejáveis pelo uso do medicamento. Informe também à empresa através do seu serviço de atendimento.

O QUE FAZER SE ALGUEM USAR UMA GRANDE QUANTIDADE DESTE MEDICAMENTO DE UMA SO VEZ?
Superdose: Promover esvaziamento gástrico através da indução de emese ou lavagem gástrica.
A N-acetilcisteína, administrada por via oral, e um antídoto específico para toxicidade induzida pelo paracetamol, devendo ser instituída nas primeiras 24 horas.
Medidas de manutenção do estado geral devem ser observadas, como hidratação, balanço hídrico, eletrolítico e correção de hipoglicemia.
____________________________________________________________________________

Granulado
PARA QUE ESTE MEDICAMENTO É INDICADO?
Este medicamento é indicado para o rápido alivio dos sintomas da gripe, dores musculares, febre, cefaleia (dor de cabeça), rinite, resfriado e coriza.

COMO ESTE MEDICAMENTO FUNCIONA?
Multigrip é um antigripal múltiplo que contém substâncias que agem contra os sintomas de gripes e resfriados. Multigrip alivia a obstrução nasal, coriza, febre, cefaleia e dores musculares presentes nos estados gripais.

QUANDO NAO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO?
Contraindicações: O produto é contraindicado em pacientes com conhecida hipersensibilidade ao paracetamol e demais componentes da fórmula. E contraindicado durante o período de gravidez, devendo ser usado com cautela em mulheres que estejam amamentando.
Administrar com cautela a pacientes com hipertensão grave, distúrbios da artéria coronária, glaucoma, diabetes e hipertireoidismo. Não administrar por períodos prolongados.
Administrar com cautela em pacientes que sofram de bronquite asmática, doença renal ou hepática grave, doenças cardíacas ou hipertrofia da próstata.
Comunicar ao médico caso venha fazendo uso de inibidores da MAO nas últimas 2 semanas ou tenha sofrido alguma intervenção cirúrgica ou dentária nos últimos 2 meses que tenha requerido anestesia geral ou espinhal.

O QUE DEVO SABER ANTES DE USAR ESTE MEDICAMENTO?
Gravidez e lactação: Não deve ser utilizado na gravidez e lactação, pois os anti-histamínicos são também eliminados pelo leite. Além disso, podem inibir a lactação pelo efeito anticolinérgico.
Não é recomendado o uso em prematuros e recém-nascidos devido ao efeito anticolinérgico sobre o Sistema Nervoso Central, pois leva a excitação e maior tendência a convulsões. Informe ao seu médico a ocorrência de gravidez na vigência do tratamento ou após o seu término. Informar ao médico se está amamentando.
Devido ao efeito vasopressor, crianças com idade inferior a 6 anos podem desenvolver desordens psiquiátricas.
Ingestão concomitante com outras substâncias: O produto não deve ser administrado concomitantemente com inibidores da monoaminoxidase (MAO), com barbitúricos ou álcool.
Cuidados de administração: Não ingerir bebidas alcoólicas durante o tratamento. Dependendo da sensibilidade individual, pode ocorrer sonolência e por esse motivo recomenda-se a não execução de atividades que requeiram atenção como operar máquinas ou dirigir veículos, até que a reação ao medicamento seja conhecida.
Não deve ser usado durante a gravidez e lactação.

Atenção diabéticos: Contém açúcar.

Não use outro produto que contenha paracetamol.
Este medicamento induz sonolência não devendo ser utilizado por condutores de veículos, operadores de máquinas ou aqueles de cuia atenção dependa a segurança de outras pessoas.
Não use medicamento sem o conhecimento do seu médico, pode ser perigoso para a saúde. Informe ao seu medico ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento.

ONDE, COMO E POR QUANTO TEMPO POSSO GUARDAR ESTE MEDICAMENTO? Multigrip deve ser conservado em temperatura ambiente (entre 15 e 30°C), protegido da luz e da umidade.
Número de lote e datas de fabricação e validade: vide embalagem.
Não use medicamento com o prazo de validade vencido. Guarde-o em sua embalagem original.

Aspecto físico/Características organolépticas:
Granulado Sabor Laranja:
- Pó: granulado de cor branca a levemente rosada com odor característico de laranja.
- Solução: solução de coloração levemente laranja com odor característico de laranja.

Granulado Sabor Mel e limão:
- Pó: granulado de cor branca a levemente rosada com odor característico de mel e limão.
- Solução: solução de coloração levemente esverdeada com odor característico de mel e limão. Antes de usar, observe o aspecto do medicamento. Caso ele esteia no prazo de validade e você observe alguma mudança no aspecto, consulte o farmacêutico para saber se poderá utilizá-lo.

TODO O MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS

COMO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO?
Modo de Usar: USO ORAL/USO INTERNO
Dissolver todo o conteúdo do envelope em água.

Posologia:
- Adultos: 1 a 2 envelopes a cada 4 horas.
- Crianças de 6 a 12 anos: 1 envelope a cada 4 horas.
Dose máxima: 10 envelopes ao dia
Siga corretamente o modo de usar. Em caso de dúvidas sobre este medicamento procure orientação do farmacêutico. Não desaparecendo os sintomas, procure orientação do seu médico ou cirurgião-dentista.

QUAIS OS MALES QUE ESTE MEDICAMENTO PODE CAUSAR?
Reações adversas: Durante o tratamento, embora raramente, podem surgir reações características do paracetamol anti-histamínicos e substâncias simpaticomiméticas, tais como: sonolência, vertigem, sudorese, palpitações, diarreia, náuseas, vômito, dor no alto do abdômen, tendência a secura na boca e no nariz, diminuição do apetite, aumento da frequência cardíaca, fadiga, cansaço, tremor, insônia, nervosismo, palidez e irritações cutâneas. Com menos frequência podem ocorrer anemia, micro-sangramento estomacal, tonturas, fraqueza e necrose papilar renal.
Informe ao seu médico, cirurgião-dentista ou farmacêutico o aparecimento de reações indesejáveis pelo uso do medicamento. Informe também à empresa através do seu serviço de atendimento.

O QUE FAZER SE ALGUEM USAR UMA GRANDE QUANTIDADE DESTE MEDICAMENTO DE UMA SO VEZ?
Superdose: Os sintomas são diminuição dos movimentos severa secura na garganta, boca e nariz, vermelhidão da face, respiração curta, alucinação, sono inconstante, hipertensão, aceleração dos batimentos cardíacos, dor de cabeça, diarreia, perda de apetite, náuseas, vômitos, dor no estômago. Estes sintomas podem ocorrer 6 a 14 horas após a ingestão e persistir por até 24 horas. Hepatotoxicidade pode ocorrer 2 a 4 dias após a ingestão.

- Tratamento: No caso de ingestão de doses muito acima das preconizadas, o tratamento deve ser iniciado o mais rápido possível. O estômago deve ser esvaziado através de aspiração gástrica e lavagem ou por indução de vómito com xarope de ipeca, caso o paciente não estiver convulsionando, em comatose ou tenha perdido a fala. A determinação sérica do paracetamol deve ser obtida rapidamente, mas não antes de 4 horas após a ingestão. Determinar inicialmente a função hepática e a seguir a cada 4 horas. O antídoto N-acetilcisteína deve ser administrado com urgência e dentro das 16 horas apos a ingestão para se obter bons resultados. Demais exigências de suporte devem ser adotadas caso sejam necessárias.
____________________________________________________________________________

PARA QUE ESTE MEDICAMENTO E INDICADO?
Multigrip alivia a obstrução nasal, coriza, febre, cefaleia e dores musculares presentes nos estados gripais.

COMO ESTE MEDICAMENTO FUNCIONA?
Multigrip é um antigripal múltiplo que contém substâncias que agem contra os sintomas de gripes e resfriados.

QUANDO NÃO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO?
Contraindicações:
O produto é contraindicado em pacientes com conhecida hipersensibilidade aos componentes da fórmula. Não deve ser administrado a pacientes com hipertensão, doença cardíaca, diabetes, glaucoma, hipertrofia da próstata, doença renal crônica, insuficiência hepática grave, disfunção tireoidiana, gravidez e lactação sem controle médico.
Não deve ser usado na gravidez e lactação.
Informe seu médico a ocorrência de gravidez na vigência do tratamento ou após o seu término. Informar o médico se está amamentando.
Caso surjam reações desagradáveis como tontura, vertigem, taquicardia, palpitações, hipertensão, desconforto gástrico e reações alérgicas cutâneas durante o tratamento com Multigrip, aconselha-se suspender o medicamento e comunicar ao médico.

O QUE DEVO SABER ANTES DE USAR ESTE MEDICAMENTO?
Advertências e Precauções:
O produto não deve ser administrado concomitantemente com inibidores da monoaminoxidase (MAO), com barbitúricos ou álcool.
Informar seu médico sobre qualquer medicamento que esteja usando, antes do início ou durante o tratamento.
Em pacientes idosos é recomendado o uso sob orientação médica.
Este medicamento induz sonolência não devendo ser utilizado por condutores de veículos, operadores de máquinas ou aqueles de cuja atenção dependa a segurança de outras pessoas.
Não use outro produto que contenha paracetamol.

Atenção diabéticos: Multigrip Solução Oral contém açúcar.
Multigrip solução Oral (GOTAS) não contém açúcar.

Informe ao seu médico ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento.

ONDE, COMO E POR QUANTO TEMPO POSSO GUARDAR ESTE MEDICAMENTO?
Multigrip deve ser conservado em temperatura ambiente (entre 15 e 30°C), protegido da luz e da umidade.
Número de lote e datas de fabricação e validade: vide embalagem. Não use medicamento com o prazo de validade vencido. Guarde-o em sua embalagem original.

Aspecto físico/Características organolépticas:
- Solução oral (GOTAS): solução límpida, vermelha, com aroma característico.
- Solução oral: líquido límpido, com sabor e odor característico.

Antes de usar, observe o aspecto do medicamento. Caso ele esteja no prazo de validade e você observe alguma mudança no aspecto, consulte o farmacêutico para saber se poderá utiliza-lo.
TODO O MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS

COMO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO?
Modo de usar: Administração por via oral.
Solução Oral (COTAS):
- De 4 a 6 anos: 30 a 40 gotas 3 a 4 vezes ao dia.
- De 2 a 4 anos: 20 a 30 gotas 3 a 4 vezes ao dia.
- Crianças abaixo de 2 anos: sob orientação médica.

ATENÇÃO: O gotejamento deve ser realizado com o frasco invertido, na posição 45°, mantendo pressão moderada e contínua.

Solução Oral:
- Adultos e crianças acima de 12 anos: l copo-medida (10mL) a cada 4 horas.
- Crianças de 6 a 12 anos: meio copo-medida (5mL) a cada 4 horas.
Siga corretamente o modo de usar. Em caso de dúvidas sobre este medicamento procure orientação do farmacêutico. Não desaparecendo os sintomas, procure orientação do seu médico ou cirurgião-dentista.

QUAIS OS MALES QUE ESTE MEDICAMENTO PODE CAUSAR?
Reações adversas:
Durante o tratamento, embora raramente, podem surgir reações adversas características, tais como: sedação, sonolência, vertigem, hipotensão, sudorese, palpitações, ansiedade, tremor, insônia, desconforto gástrico e irritações cutâneas. O uso prolongado pode provocar discrasias sanguíneas e necrose papilar renal.
Informe ao seu médico, cirurgião-dentista ou farmacêutico o aparecimento de reações indesejáveis pelo uso do medicamento. Informe também à empresa através do seu serviço de atendimento.

O QUE FAZER SE ALGUÉM USARV UMAIGRANDE QUANTIDADE DESTE MEDICAMENTO DE UMA SÓ VEZ?
Superdose:
Promover esvaziamento gástrico através da indução de emese ou lavagem gástrica.
A N-acetilcisteína, administrada por via oral, é um antídoto específico para toxicidade induzida pelo paracetamol, devendo ser instituída nas primeiras 24 horas.
Medidas de manutenção do estado geral devem ser observadas, como hidratação, balanço hídrico, eletrolítico e correção de hipoglicemia.

Data da bula

12/08/2014

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal