FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Índice

Associação entre endometriose e câncer de ovário

Autor:

Tatiana Pfiffer Favero

Médica Assistente e Pós-graduanda do Departamento de Ginecologia e Obstetrícia do Hospital Charité-Universitätsmedizin Berlin, Alemanha.

Última revisão: 10/09/2012

Comentários de assinantes: 0

Especialidades: Ginecologia / Oncologia

 

Resumo

Metanálise com dados de 13 estudos caso-controles participantes do Ovarian Cancer Association Consortium cujo objetivo foi analisar a associação entre endometriose e câncer de ovário.

 

Contexto clínico

Endometriose é uma doença ginecológica benigna frequentemente encontrada em mulheres em idade reprodutiva. Estima-se que sua prevalencia na população geral atinja 4%, porém pode ser muito mais comum em mulheres com dor pélvica ou infertilidade. Alguns estudos epidemiológicos já demonstraram consistentemente que a endometriose está diretamente associada ao desenvolvimento do câncer epitelial ovariano. Existem basicamente 5 subtipos de neoplasia epitelial invasiva do ovário: células claras, endometrioide, mucinoso, seroso de alto grau e seroso de baixo grau. Dados sugerem que o risco relativo proporcionado pela endometriose pode variar de acordo com o subgrupo estudado.

O presente estudo objetivou estimar a consistência e a magnitude da associação entre endometriose e os 5 maiores grupos de tumores epiteliais invasivos do ovários, assim como para os tumores borderline.

 

O estudo

Trata-se de uma metanálise baseada em 13 estudos caso-controles participantes do Ovarian Cancer Association. As informações obtidas foram agrupadas e submetidas a uma análise estatística conjunta com o objetivo de avaliar a associação entre endometriose e câncer de ovário. Foram incluídas na análise 7.911 pacientes com câncer de ovário e 13.226 pacientes-controle. Endometriose foi substancialmente mais prevalente no grupo com neoplasia do que nas mulheres saudáveis (9,3 % versus 6,1%). No entanto, quando se estratifica o risco de acordo com o subtipo, nota-se que tal associação é ainda mais forte com os carcinomas de células claras (OR: 3,05), os serosos de baixo grau (OR: 2,11) e os endometrioides (OR: 2,04). Por outro lado, não foi observada uma correlação estatisticamente significante entre endometriose e os carcinomas mucinosos, os serosos de alto grau e os tumores borderline do ovário.

 

Aplicações para a prática clínica

O estudo demonstrou que existe uma clara associação entre endometriose e alguns tipos de neoplasias epiteliais ovarianas, mas não correlacionou a gravidade ou o tipo da endometriose com câncer. Desse modo, os próximos estudos precisam atentar para esta informação para que seja possível aconselhar e informar melhor essas mulheres a respeito do real risco. Trabalhos futuros devem buscar elucidar melhor os mecanismos de transformação maligna da doença, permitindo, assim, que se identifique melhor qual paciente com endometriose está exposta a um maior ou menor risco de desenvolver a neoplasia.

 

Bibliografia

1.   Pearce CL, Templeman C, Rossing MA, Lee A, Near AM, Webb PM et al. Association between endometriosis and risk of histological subtypes of ovarian cancer: a pooled analysis of case-control studies. Lancet Oncol. 2012 Apr;13(4):385-94. [link para o artigo] (Fator de impacto: 17,760)

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal