FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Índice

Cloridrato de Minociclina

Última revisão: 06/01/2010

Comentários de assinantes: 0

>Reproduzido de:>>>>>

>Formulário Terapêutico Nacional 2008: Rename 2006 [>Link Livre para o Documento Original>>]>>>>>

>Série B. Textos Básicos de Saúde>>>>>

>MINISTÉRIO DA SAÚDE>>>>>

>Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos>>>>>

>Departamento de Assistência Farmacêutica e Insumos Estratégicos>>>>>

>Brasília / DF2008>>>>>

>> >>>

>>Cloridrato de Minociclina>>>>>

>> >>>

>Priscila Gebrim Louly>>>>>

>> >>>

>>Na Rename 2006: item 5.1.16>>>>>

>>> >>>>

>>APRESENTAÇÃO>>>>>>>

>      >>>Comprimidos de 100 mg.>>>>

>>> >>>>

>>INDICAÇÃO>2,4,5>>>>>>>>

>      >>>Acne >vulgaris>.>>>>

>      >>>Tratamento alternativo de hanseníase para pacientes alérgicos a rifampicina ou que recusam a tomar clofazimina ou com hanseníase resistente a rifampicina.>>>>

>      >>>Profilaxia de infecção meningocócica.>>>>

>      >>>Alternativa de tratamento de infecções causadas por bactérias sensíveis em pacientes alérgicos à penicilina.>>>>

>> >>>

>>CONTRA-INDICAÇÕES>2,5>>>>>>>>

>      >>>Hipersensibilidade a minociclina ou outras tetraciclinas.>>>>

>      >>>Lúpus eritematoso sistêmico.>>>>

>      >>>Uso concomitante de retinóicos.>>>>

>      >>>Disfunção hepática grave.>>>>

>      >>>Gravidez.>>>>

>      >>>Crianças com menos de 8 anos de idade (anomalias em dentes e ossos).>>>>

>>> >>>>

>>PRECAUÇÕES>2,5>>>>>>>>

>      >>>Em tratamento com mais de 6 meses, monitorar, a cada 3 meses, hepatotoxicidade, hiperpigmentação da pele e lúpus eritematoso sistêmico. Suspender o tratamento se forem observadas alterações compatíveis com esses distúrbios.>>>>

>      >>>Não é recomendado o uso concomitante com retinóides pelo aumento no risco de pseudotumor cerebral.>>>>

>      >>>Deve ser usado com cautela em pacientes com insuficiências hepática ou renal (ver apêndice D).>>>>

>      >>>Lactação (ver apêndice B).>>>>

>      >>>Categoria de risco na gravidez (FDA): D (ver apêndice C).>>>>

>> >>>

>>ESQUEMAS DE ADMINISTRAÇÃO>4,5>>>>>>>>

>Adultos>>

>>Acne vulgaris>>>>>>>>

>      >>>De 50 a 150 mg, uma vez ao dia, por 12 dias.>>>>

>>> >>>>

>>Hanseníase>>>>>>>

>      >>>Dar 100 mg, a cada 12 horas, por 6 a 8 dias.>>>>

>>> >>>>

>>Profilaxia de Meningite Meningocócica>>>>>>>

>      >>>Dar 100 mg, a cada 12 horas, por 5 dias.>>>>

>> >>>

>>Outras Infecções>>>>>>>

>      >>>Inicialmente 200 mg/dia, por via oral, seguidos de 100 mg a cada 12 horas, por 7 a 10 dias.>>>>

>> >>>

>Crianças com Mais de 8 Anos>>

>>Acne vulgaris>>>>>>>>

>      >>>De 50 a 100 mg, por via oral, uma vez ao dia, por 12 dias.>>>>

>>> >>>>

>>Hanseníase, Profilaxia de Meningite Meningocócica e Outras Infecções>>>>>>>

>      >>>Inicialmente, 4 mg/kg/dia, seguidos de 2 mg/kg a cada 12 horas, por 5 dias.>>>>

>> >>>

>>Ajuste de Dose em Insuficiência Renal>>>>>>>

>      >>>Deve-se diminuir a dose ou aumentar o intervalo entre as doses.>>>>

>>> >>>>

>>ASPECTOS FARMACOCINÉTICOS CLINICAMENTE RELEVANTES>5,6>>>>>>>>

>      >>>Não têm absorção prejudicada por alimentos.>>>>

>      >>>Pico plasmático: 3,5 a 4 horas.>>>>

>      >>>Meia-vida de eliminação: 11 a 22 horas (18 a 69 horas em pacientes com insuficiência renal).>>>>

>      >>>Metabolismo: hepático.>>>>

>      >>>Excreção: fezes (34%) e urina (10 a 13%).>>>>

>      >>>Não é dialisável.>>>>

>> >>>

>>EFEITOS ADVERSOS>2,5>>>>>>>>

>      >>>Tontura (9%), vertigem.>>>>

>      >>>Fotossensibilidade, hiperpigmentação da pele, alopecia.>>>>

>      >>>Hepatotoxicidade.>>>>

>      >>>Pode induzir lúpus eritematoso sistêmico no uso prolongado (6 meses).>>>>

>      >>>Anorexia.>>>>

>        >>>Insuficiência renal aguda.>>>>

>>> >>>>

>>INTERAÇÕES MEDICAMENTOSAS>2,5>>>>>>>>

>      >>>Redução de efeito de minociclina: antiácidos compostos de alumínio e magnésio, salicilato de bismuto, ferro e ranitidina.>>>>

>      >>>Minociclina aumenta o bloqueio neuromuscular de cisatracúrio.>>>>

>      >>>Minociclina aumenta o risco de sangramento de anticoagulantes orais.>>>>

>      >>>Minociclina aumenta os níveis séricos de digoxina.>>>>

>      >>>Minociclina diminui a eficácia contraceptiva de anticoncepcionais hormonais orais.>>>>

>      >>>Minociclina aumenta o risco de pseudotumor cerebral (hipertensão intracraniana) induzido por retinóides e vitamina A.>>>>

>> >>>

>>ORIENTAÇÕES AOS PACIENTES>4-6>>>>>>>>

>      >>>Orientar para evitar exposição excessiva ao sol e usar protetor solar.>>>>

>      >>>Orientar que pode ser ingerido com estômago cheio ou vazio, inclusive com leite.>>>>

>      >>>Orientar para ingerir minociclina 1 ou 2 horas antes, se houver necessidade de utilizar anti-secretores gástricos, antiácido, suplementos contendo ferro e bismuto.>>>>

>      >>>Alertar para não dirigir veículos automotores e não operar máquinas se tiver tonturas.>>>>

>> >>>

>>ASPECTOS FARMACÊUTICOS>5>>>>>>>>

>      >>>Manter ao abrigo de ar, luz, umidade e à temperatura ambiente, de 15 a 30°C.>>>>

>> >>>>

>SOBRE OS DIREITOS AUTORAIS DO DOCUMENTO>>

>Consta no documento:>>>>

>Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução parcial ou total desta obra, desde que citada a fonte e que não seja para venda ou qualquer fim comercial.”>>>>

>O objetivo do site MedicinaNet e seus editores é divulgar este importante documento. Esta reprodução permanecerá aberta para não assinantes indefinidamente.>>>>

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal