FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Índice

Antifúngicos tópicos

Última revisão: 02/02/2010

Comentários de assinantes: 0

Reproduzido de:

Formulário Terapêutico Nacional 2008: Rename 2006 [Link Livre para o Documento Original]

Série B. Textos Básicos de Saúde

MINISTÉRIO DA SAÚDE

Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos

Departamento de Assistência Farmacêutica e Insumos Estratégicos

Brasília / DF – 2008

 

5.2.2 Antifúngicos tópicos

Nistatina, mesmo dada oralmente, não tem absorção sistêmica, atuando localmente no trato digestivo. Tem mais indicação em tratamento de candidíase esofágica. Em revisão sistemática Cochrane220, nistatina, dada profilaticamente a 1.569 pacientes imunodeprimidos e criticamente doentes, não superou placebo, não-tratamento, fluconazol e anfotericina B. Os autores concluíram pela não indicação de nistatina profilática em pacientes imunodeprimidos. Nistatina é restrita a tratamento de infecções cutâneas e mucosas superficiais por Candida. Outros fungos causadores de micoses superficiais não respondem à nistatina, pois esta não penetra suficientemente na pele para atingir o foco de infecção.

Miconazol é usado topicamente. Não tem emprego sistêmico devido à toxicidade. É ativo contra todos os fungos patogênicos e oportunistas, exceto Aspergillus e Phycomycetes. Raramente desenvolve-se resistência adquirida a ele. É equivalente aos demais agentes imidazólicos, sendo usado para tratamento da maioria das micoses cutâneas. Foi selecionado porque apresenta variadas formas farmacêuticas que propiciam tratamento em micoses de diferentes localizações. Em ensaio clínico randomizado (n = 357)210, comprimido mucoadesivo de liberação prolongada de miconazol (aplicação tópica de 10 mg, uma vez ao dia) foi comparado a cetoconazol sistêmico (400 mg/dia), em tratamento de 7 a 14 dias para pacientes infectados por HIV e com candidíase orofaríngea. A resposta clínica dos dois medicamentos foi similar em 7 dias: 87% para miconazol e 90% para cetoconazol. Cetoconazol associou-se a maior ocorrência de efeitos adversos. Candidíase vaginal sintomática em mulheres gestantes ou não deve ser tratada com imidazólicos tópicos, por não mais de uma semana. Tratamento de sete dias cura mais de 90% dos casos. Não há evidência de que um agente seja melhor do que outro221. Candidíase cutânea e de unhas responde aos agentes imidazólicos222.

Cetoconazol tem ação sistêmica após absorção oral, mas não é mais utilizado sistemicamente por haver outros representantes com mesmo espectro, porém mais eficazes e menos tóxicos. Tem atividade in vitro contra a maioria dos dermatófitos, Candida sp, B. dermatitidis, C. immitis, H. capsulatum, P. brasiliensis e C. neoformans, mas algumas espécies de Candida são resistentes. Foi selecionado em forma de xampu.

 

SOBRE OS DIREITOS AUTORAIS DO DOCUMENTO

Consta no documento:

“Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução parcial ou total desta obra, desde que citada a fonte e que não seja para venda ou qualquer fim comercial.”

O objetivo do site MedicinaNet e seus editores é divulgar este importante documento. Esta reprodução permanecerá aberta para não assinantes indefinidamente.

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal