Feed

Já é assinante?

Entrar
Índice

Amitriptilina

AMITRIPTILINA (ORAL)  (substância ativa)

Referência

              TRYPTANOL (Merck Sharp)

 

Genérico

assinalado com G

 

Similar

                 AMYTRIL (Cristália); NEO AMI TRIPTILIN (Neo Química);NEU ROTRYPT (Sigma Pharma); TRIPSO L (Cazi); TRISOMA TOL (UCI)

                 cloridrato de AMITRIPTILINA

 

Uso oral

            

             Comprimido 10 mg: AMYTRIL

             Comprimido 25 mg: TRYPTANOL; G

             Comprimido 75 mg: TRYPTANOL; G

 

O que é

              antidepressivo [antidepressivo tricíclico; inibidor da recaptação da norepinefrina].

 

Para que serve

             depressão mental; tem sido também utilizada para tratar: dor neurogênica crônica grave; bulimia.

 

Como age

             aumenta as concentrações sinápticas de norepinefrina e/ou serotonina no sistema nervoso central; a longo prazo parece haver também maior resposta aos estímulos adrenergicos e serotoninergicos. Apresenta efeitos anticolinergicos e sedativos altos. Absorção: gastrintestinal, boa e rápida. Biotransformação: no fígado. Início da ação: 2 a 3 semanas. Eliminação: urina (como metabolito).

 

Como se usa

 

USO ORAL – DOSES

• doses em termos de cloridrato de AMITRIPTILINA.

• com alimento, para reduzir irritação gastrintestinal.

ADULTOS

depressão mental

iniciar com 25 mg, 2 a 4 vezes por dia; ajustar a dose de acordo com a resposta clínica.

LIMITE DE DOSE PARA ADULTOS (em casa): 150 mg por dia; adultos (hospitalizados): 300 mg por dia; idosos: 100 mg por di.

ADOLESCENTES

depressão mental

iniciar com 10 mg, 3 vezes durante o dia e 20 mg à noite (ao deitar); ajustar a dose de acordo com a resposta clínica até um máximo de 100 mg por dia, em doses divididas ou em dose única à noite (ao deitar).

IDOSOS: iniciar com doses menores e promover aumentos mais graduais das doses, para evitar toxicidade.

CRIANÇAS: não usar em crianças ate 12 anos de idade.

 

Cuidados especiais

Risco na gravidez

D (ver classificação página 8)

 

Amamentação

 eliminado no leite; não amamentar.

 

Não usar o produto

durante o período de recuperação aguda após infarto do miocárdio; glaucoma de angulo fechado nao tratado.

 

Avaliar riscos x Benefícios

                 alcoolismo ativo (depressão do sistema nervoso central pode ser potencializada); asma (pode agravar); aumento da pressão intraocular (pode  agravar); diminuição da função do fígado (metabolismo pode alterar); diminuição da função renal (excreção pode alterar); doença bipolar (maníaco-depressiva) (pode acelerar alternância de fases); doença cardiovascular (risco de arritmias, bloqueio cardíaco, insuficiência cardíaca; infarto ou acidente vascular cerebral); doença gastrintestinal (risco de ileo paralítico); doença convulsiva (limiar para convulsões pode diminuir); esquizofrenia (pode agravar a psicose);glaucoma de ângulo fechado (pode agravar); hipertireoidismo (risco de toxicidade cardiovascular); hipertrofia prostática (risco de retenção urinária); problema no sangue (pode agravar); retenção urinária (pode agravar); sensibilidade a antidepressivo tricíclico, carbamazepina, maprotilina ou trazodona (pode haver reação cruzada de sensibilidade).

              Reações mais comuns (ocorrem em pelo menos 10% dos pacientes):

              Gastrintestinal: boca seca.

              Sistema nervoso central: fraqueza; sonolência.

              Cardiovascular: queda de pressão ao se levantar.

 

Atenção com outros produtos. A AMITRIPTILINA:

• pode aumentar o risco de depressão do sistema nervoso central com: álcool; barbiturato; outro depressor do sistema nervoso central (ver Apêndice).

• pode aumentar o risco de agranulocitose com: antitireoideano.

• pode sofrer ou provocar aumento das reações adversas com: fenotiazina; simpaticomimetico.

• pode ter sua ação e/ou efeitos tóxicos aumentados por: cimetidina.

• pode diminuir a ação hipotensora de: clonidina; guanadrel; guanetidina.

• pode aumentar o risco de arritmias cardíacas graves com: quinolona. Não associar.

• pode causar grave hipertensão com: clonidina. Não associar.

• pode aumentar o risco de reações extrapiramidais com: medicamento que causa reações extrapiramidais (ver Apêndice).

• pode aumentar o risco de crises epilépticas com: metrizamida por via intratecal (suspender o antidepressivo pelo menos 48 horas antes e até 24 horas após mielografia).

• pode aumentar os riscos de reações graves* (e até fatais) com: IMAO (inibidor da monoamina-oxidase, incluindo furazolidona, procarbazina e selegilina). (*crises de aumento de temperatura, aumento de pressão arterial, convulsões graves) (aguardar pelo menos 14 dias de intervalo entre antidepressivo tricíclico e IMAO ).

• não deve ser associada com: cisaprida.

 

Outras considerações importantes

• não ingerir bebida alcoólica.

• cuidado ao dirigir ou executar tarefas que exijam atenção.

• pacientes com tendência suicida não devem ter acesso a grandes quantidades do medicamento e devem iniciar tratamento preferentemente em hospital.

• não suspender a medicação sem avisar o médico; pode ser necessário retirada gradual.

• cuidado com cirurgias (risco de sangramento), inclusive nos procedimentos odontológicos de emergência; se possível descontinuar o uso do produto dias antes de procedimentos cirúrgicos.

• levantar devagar, quando estiver sentado ou deitado. Evitar mudanças bruscas de posição.

• evitar exposição ao sol e aos raios ultravioleta; evitar bronzeamento artificial. Usar roupas que protejam bem a pele, além de cremes protetores.

• ingerir alimentos ricos em fibras e ingerir grande quantidade de líquidos.

 

AMITRIPTILINA – Associações (ver orientações do fabricante)

LIMBITROL – antidepressivo – depressão – cápsula (cloridrato de AMITRIPTILINA 12,5 mg + clordiazepoxido 5 mg). Valeant.

 

REMÉDIOS COM AMITRIPTILINA EM SUA COMPOSIÇÃO

Amytril
Protanol
Tilina
Tripsol
Trisomatol

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal