Feed

Já é assinante?

Entrar
Índice

Quetiapina

QUETIAPINA (ORAL) (nome genérico) (substância ativa)

 

Referência

SEROQUEL (AstraZeneca); SEROQUEL XRO (AstraZeneca)

 

Genérico

Apresentação assinalada com G

 

Similar

QUEROPAX (Sigma Pharma) ; QUEROK (Legrand)

Fumarato de QUETIAPINA equivalente a QUETIAPINA:

 

Uso oral

Comprimido 25 mg

SEROQUEL; G

 

Comprimido 100 mg

SEROQUEL; G

 

Comprimido 200 mg

SEROQUEL; G

 

Comprimido 300 mg

SEROQUEL; G

 

Comprimido de liberação prolongada 50 mg

SEROQUEL XRO

 

Comprimido de liberação prolongada 200 mg

SEROQUEL XRO

 

Comprimido de liberação prolongada 300 mg

SEROQUEL XRO

 

O que é

Antipsicótico; antimania [dibenzotiazepina (derivado)].

 

Para que serve

Distúrbios psicóticos (por exemplo: esquizofrenia); ; distúrbio bipolar.

 

Como age

Mecanismo não bem compreendido. Provavelmente tem efeito antipsicótico por bloqueio dos receptores da serotonina e da dopamina no sistema nervoso central.

 

Como se usa

USO ORAL – DOSES

     doses em termos de QUETIAPINA.

     com ou sem alimento.

 

ADULTOS

1.   Antipsicótico:

     iniciar com 25 mg, 2 vezes por dia; aumentar 25 a 50 mg por dose, 2 ou 3 vezes no segundo e terceiro dias, e se tolerado chegar a 300 a 400 mg por dia, no quarto dia, divididos em 2 ou 3 doses.

     Limite de dose para adultos: 800 mg por dia.

 

2.   Estados depressivos da doença bipolar

     1º dia: 50 mg em dose única ao deitar

     2º dia: 100 mg em dose única ao deitar

     3º dia: 200 mg em dose única ao deitar

     4º dia: 300 mg em dose única ao deitar

Obs.: eficácia da droga nos estados depressivos da doença bipolar não foi sistematicamente avaliada por mais que 8 semanas

 

3.   Mania associada com desordem bipolar (tratamento isolado ou em conjunto com lítio ou divalproex):

     1º dia: 100 mg, divididos em 2 vezes

     2º dia: 200 mg, divididos em 2 vezes

     3º dia: 300 mg, divididos em 2 vezes

     4º dia: 400 mg, divididos em 2 vezes

     se necessário:

     5º dia: 600 mg, divididos em 2 doses

     6º dia: 800 mg, divididos em 2 doses

A maioria dos pacientes responde a doses de 400-800 mg por dia. Observar que 800 mg por dia é o limite.

Obs.: eficácia da droga, como droga isolada, nos episódios de mania da doença bipolar não foi sistematicamente avaliada por mais que 12 semanas. Também, a eficácia da droga, em tratamento conjunto com lítio oiu valproex, nos episódios de mania da doença bipolar não foi sistematicamente avaliada por mais que 3 semanas

 

     Limite de dose para adultos: 800 mg por dia; a segurança da QUETIAPINA em doses acima de 800 mg não está estabelecida.

 

IDOSOS, PACIENTE DEBILITADO OU COM DIMINUIÇÃO DA FUNÇÃO DO FÍGADO OU COM TENDÊNCIA A HIPOTENSÃO

     usar doses menores e menores aumentos de doses.

 

CRIANÇAS

     eficácia e segurança não estabelecidas.

 

COMPRIMIDO DE LIBERAÇÃO PROLONGADA – VER ORIENTAÇÕES DO FABRICANTE.

 

Cuidados especiais

Risco na gravidez

Classe C.

 

Amamentação

Não se sabe se é eliminado no leite; não amamentar.

 

Avaliar riscos x benefícios

abuso ou dependência de droga; diminuição da função do fígado (diminuir doses); doença cardiovascular, doença vascular cerebral, desidratação ou hipovolemia (pode ocorrer queda de pressão ao mudar de posição); doença de Alzheimer (risco de convulsões e risco de pneumonia de aspiração, por dificuldade de deglutir que os antipsicóticos podem provocar); hipotireoidismo (pode agravar); história de câncer de mama (pelo risco potencial, ainda que não comprovado, de aumento da prolactina; o câncer pode ser dependente de prolactina); história de convulsões (podem agravar).

 

Reações mais comuns (sem incidência definida)

GASTRINTESTINAL: boca seca; constipação intestinal; má digestão.

ENDÓCRINO/METABÓLICO: ganho de peso.

SISTEMA NERVOSO CENTRAL: sonolência; tontura.

 

Atenção ao utilizar outros produtos

A QUETIAPINA:

 

     pode aumentar o risco de depressão do sistema nervoso central com: álcool; depressor do sistema nervoso central (ver Apêndice).

     pode ter seu metabolismo alterado (embora ainda sem comprovação) por: inibidor de enzimas hepáticas (eritromicina; fluconazol; itraconazol; cetoconazol); indutor de enzimas hepáticas (ver Apêndice).

 

Outras considerações importantes

     não ingerir bebida alcoólica.

     cuidado ao dirigir ou executar tarefas que exijam atenção.

     pacientes com tendência suicida devem ser supervisionados e não ter acesso a grandes quantidades do produto.

     realizar periodicamente exame oftalmológico para detectar eventual catarata (olhos).

     evitar calor excessivo.

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal