FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Equipe de Resposta Rapida e Sinais de Alerta" obteve 27 resultados.

Página:  de 3

20/10/2008

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Equipe de Resposta Rápida e Sinais de Alerta

... Saturação de Oxigênio (< 90% mesmo com O2) · Dor torácica · Sangramento agudo · Débito urinário < 50mL/h em 6 horas · Alteração do nível de consciência (rebaixamento, agitação, convulsão) O papel da ERR é primeiramente avaliar todo chamado, sem exceção, com rapidez. Sempre que necessário estabilizar o quadro, seja fornecendo medicações......

Ver Índice

25/10/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Equipe de Resposta Rápida e Sinais de Alerta - Campanha “5 Milhões de Vidas”

...s geralmente são precedidas por sinais perceptíveis de deterioração, normalmente, 6 a 8 horas antes de a parada ocorrer. O reconhecimento precoce desses sinais e o pronto atendimento podem reduzir a mortalidade em pacientes hospitalizados. · Vários estudos demonstraram que os pacientes frequentemente exibem sinais e sintomas de instabilidade fisiológica por algum período de tempo antes......

Ver Índice

25/10/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Equipe de Resposta Rápida e Sinais de Alerta - Campanha “5 Milhões de Vidas”

...dendo um chamado. Selecione cuidadosamente cada membro (médico, enfermeira, fisioterapeuta) da ERR. O membro médico do Time deve ser respeitado tanto pela enfermagem, quanto pelos demais membros do corpo clínico, além de ser reconhecido por suas habilidades de comunicação e trabalho em equipe. Exemplos de formação da ERR: · Enfermeira com formação em UTI e Fisioterapeuta; · En......

Ver Índice

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Equipe de Resposta Rápida

...Dr. Lucas Santos Zambon discorre sobre equipe de resposta rápida e sinais de alerta......

Conteúdo em vídeo

20/01/2014

Revisões Internacionais

Ressuscitação cardíaca – Terry J. Mengert

...nte analisado. Esta etapa constitui a parte inicial do estágio de desfibrilação (ou etapa D) do levantamento primário da AHA. Existem 4 possibilidades de ritmo [Figura 1]: (1) TV sem pulso; (2) FV; (3) atividade elétrica organizada ou semi-organizada, mesmo na ausência de uma pulso carotídeo palpável, definindo uma AESP; e (4) assístolia. O manejo detalhado destes diferentes cenários de ressuscita......

Ver Índice

25/11/2016

Revisões Internacionais

Epilepsia e transtornos relacionados

...450, excreção através da urina e das fezes; conversão de cinética de primeira ordem para cinética de ordem zero em níveis na faixa intermediária da linha terapêutica média; indução da isoenzima CYP-450, resultando em múltiplas interações com outras medicações. A formulação IV está disponível no mercado. MEDICAMENTOS ANTIEPILÉTICOS Denominação Mecanismo Indicação Dos......

Ver Índice

30/11/2008

Revisões

Cardiopatias Valvares

...djuvante. Portanto, é necessário sempre um julgamento criterioso no que se refere ao tratamento cirúrgico da IM. Sempre é importante lembrar, em relação a este último, que existem três estratégias cirúrgicas possíveis: a plástica valvar, a troca valvar com preservação do aparelho subvalvar, e a troca valvar sem preservação do aparelho subvalvar. A plástica valvar é sempre a opção preferível, desde......

Ver Índice

26/04/2009

Revisões

Peculiaridades da psiquiatria no idoso

...na diferenciação, já que pertencem preferencialmente à esfera depressiva. Idosos deprimidos invariavelmente queixam-se de falhas da memória. O termo pseudodemência é usado quando existe uma síndrome demencial relevante que se destaca no quadro clínico e é decorrente de um transtorno depressivo, mas que é reversível com tratamento da depressão. Os pacientes deprimidos que têm déficits cognitivo......

Ver Índice

22/04/2015

Revisões Internacionais

Diminuindo o risco de lesão e doença

... de 18 anos de vigilância. Entretanto, a mortalidade total foi a mesma no grupo controle e nos grupos submetidos à intervenção. Ao diminuir a probabilidade de morte pela doença-alvo, nós inevitavelmente aumentamos a probabilidade de morte por outra doença ao longo da vida. Tabela 1 Recomendações da United States Preventive Services Task Force2 Risco Ação Classificação da e......

Ver Índice

12/08/2015

Revisões Internacionais

Ressuscitação Cardíaca

...ssons learned from simulator studies. J Emerg Trauma Shock 2010;3:389–94. 3.Siassakos D, Fox R, Crofts JF, et al. The management of a simulated emergency: better teamwork, better performance. Resuscitation 2011;82:203–6. 4.Field JM, Hazinski MF, Sayre MR, et al. Part 1: executive summary: 2010 American Heart Association Guidelines for Cardiopulmonary Resuscitation and Emergency Cardiovascular Ca......

Ver Índice

Página:  de 3

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal