FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Imunoglobulina Rho d" obteve 9 resultados.

Página:  de 1

22/01/2015

Remédios

Imunoglobulina Rho (D)

...lina Rho (D) (solução) – Via intramuscular Estabilidade após aberto A solução deve ser descartada se tiver sido congelada. A solução é transparente ou levemente opalescente. A solução não deve ser usada se sofrer alteração de cor ou se contiver partículas. Administração: em adultos, nas nádegas (quadrante superior externo); em crianças, na face lateral da coxa. Uso injetável – Doses •dose......

Ver Índice

23/07/2010

Medicamentos Injetáveis - Utilização Segura

Imunoglobulina Rho (D)

...a coxa. USO INJETÁVEL – DOSES Profilaxia Imediatamente Pós-Parto 1 frasco, via intramuscular. A dose deverá ser aumentada se houver suspeita de grande exposição ao sangue incompatível. Profilaxia Anterior ao Parto Quando houver indicação, 1 frasco via intramuscular entre a 26ª e 28ª semanas de gestação e 1 frasco via intramuscular logo após o parto. Após Aborto, Amniocentese ou Gra......

Ver Índice

11/11/2015

Biblioteca Livre

I

...ina, ziprazidona: aumento do risco de cardiotoxicidade. O uso concomitante é contraindicado. t Bloqueadores neuromusculares (atracúrio, cisatracúrio, doxacurônio, pancurônio, tubocurarina e vecurônio) têm seu efeito e duração de ação potencializados. Pode resultar em depressão respiratória. A dose de relaxante muscular deve ser reduzida caso a coadministração seja necessária. Em procedimentos lon......

Ver Índice

04/04/2010

SEÇÃO A – MEDICAMENTOS USADOS EM MANIFESTAÇÕES GERAIS DE DOENÇAS

Vacina Tríplice Viral contra Sarampo, Rubéola e Caxumba (SRC)

...ido cerebroespinhal. • Leucemia, linfoma ou malignidade generalizada. • Tuberculose ativa não tratada. • Indivíduos em radioterapia. • Doença febril grave. PRECAUÇÕES1,5 • Indivíduos com dano cerebral ou histórico de convulsões. • A imunização deve ser adiada em caso de doença aguda ou transtorno sistêmico, com ou sem febre, que possam limitar a resposta imu......

Ver Índice

04/04/2010

SEÇÃO A – MEDICAMENTOS USADOS EM MANIFESTAÇÕES GERAIS DE DOENÇAS

Imunoglobulina Anti-d (RH)

...2008: Rename 2006 [Link Livre para o Documento Original] Série B. Textos Básicos de Saúde MINISTÉRIO DA SAÚDE Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos Departamento de Assistência Farmacêutica e Insumos Estratégicos Brasília / DF – 2008 Imunoglobulina Anti-d (RH) Rachel Magarinos-Torres Na Rename 2006: item 7.3 SINONÍMIA • Imunoglobulina anti-Rho(D). A......

Ver Índice

01/03/2013

Revisões Internacionais

Medicina transfusional – Harvey G. Klein

...gue segue políticas de preparo de PFC oriundo de doadores do sexo masculino, bem como de concentrados de plaquetaférese de indivíduos do sexo masculino ou de mulheres nulíparas. As estatísticas de hemovigilância nacional norte-americanas sugerem que esta estratégia tem diminuído a frequência de LPART. Sobrecarga circulatória associada à transfusão (SCAT) A transfusão, em particular no caso de......

Ver Índice

18/06/2015

Revisões Internacionais

Deficiências da Imunidade Inata e Adaptativa

...este genético.42 Entre as possíveis exceções, está uma extensa história familiar de SWA e uma situação em que a família não deseja realizar teste genético. Os exames auxiliares que podem proporcionar benefícios são as avaliações padrão de produção e função de imunoglobulina, e a fenotipagem da célula T. Estes testes são úteis para definir o nível de função imunológica e a necessidade de IVIg. Tr......

Ver Índice

11/11/2015

Biblioteca Livre

V

...do. Adultos Profilaxia e tratamento de distúrbios tromboembólicos t Dose inicial: 10 mg, por via oral ao dia, durante 2 dias, de acordo com o paciente; a dose subsequente depende do tempo de protrombina, determinado como RNI. A dose diária de manutenção é de 3 a 9 mg tomada diariamente no mesmo horário, esta pode variar de 2 a 10 mg. Para pacientes que não demandam rápida ação anticoagulante......

Ver Índice

29/01/2016

Revisões Internacionais

Genética molecular do câncer

...ion of chronic myelogenous leukemia in mice by the P210bcr/abl gene of the Philadelphia chromosome. Science 1990;247:824. 19. Druker BJ, Sawyers CL, Kantarjian H, et al. Activity of a specific inhibitor of the BCR-ABL tyrosine kinase in the blast crisis of chronic myeloid leukemia and acute lymphoblastic leukemia with the Philadelphia chromosome. N Engl J Med 2001;344:1038. 20. Look AT. Oncoge......

Ver Índice

Página:  de 1

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal

×

Em função da pandemia do Coronavírus informamos que não estaremos prestando atendimento telefônico temporariamente. Permanecemos com suporte aos nossos inscritos através do e-mail info@medicinanet.com.br.