FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Influenza a H1n1 Protocolo de Manejo Clinico e Vigilancia Epidemiologica da Influenza" obteve 11 resultados.

Página:  de 2

08/08/2009

Revisões

Influenza A (H1N1) - Protocolo de manejo clínico e vigilância epidemiológica da Influenza

...de mórbida (IMC>40): ajustar de acordo com o peso • Em pacientes sondados, atenção para a necessidade de dobrar a dose indicada b) Quimioprofilaxia Está absolutamente contra indicado o uso do Oseltamivir para quimioprofilaxia em qualquer situação, exceto O uso deste medicamento para profilaxia está indicado APENAS nas seguintes situações: - Os profissionais de laboratóri......

Ver Índice

16/05/2010

Revisões

Influenza A (H1N1) – Ações da Atenção Primária à Saúde - 25-03-10

...procedimentos invasivos (geradores de aerossóis) ou manipulação de secreções em caso suspeito ou confirmado de infecção pela influenza pandêmica (H1N1) 2009 sem o uso de EPI ou que o utilizaram de maneira inadequada. Obs.: Dosagem recomendada para a profilaxia: 75mg, uma vez ao dia, por dez dias. 2.1.4 Informações Adicionais Os pacientes que desenvolvem efeitos colaterais gastrointestinai......

Ver Índice

16/05/2010

Revisões

Protocolo de Manejo Clínico de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) - 22-04-10

...m medicar e observar cuidadosamente • Presença de comorbidades/imunodepressão 4. ASPECTOS LABORATORIAIS 4.1 Informações Gerais • Os agentes infecciosos prioritários para investigação etiológica são os vírus influenza e os agentes etiológicos responsáveis por quadros de pneumonia bacteriana. • As amostras de secreções respiratórias devem ser coletadas até o terceiro dia e, ev......

Ver Índice

12/09/2009

Revisões

Revisão sobre gripe suína - Influenza A (H1N1)

...dor de garganta, na ausência de outros diagnósticos, podendo ou não estar acompanhada de outros sinais e sintomas como cefaléia, mialgia, artralgia ou dispnéia, E: A. Tenha retornado, nos últimos 10 dias, de países com casos confirmados de infecção pelo novo vírus A (H1N1); OU B. Tenha tido contato próximo, nos últimos 10 dias, com uma pessoa classificada como caso suspeito ou confirma......

Ver Índice

21/06/2013

Biblioteca Livre

Protocolo de Tratamento de Influenza – 2013

...N1) 2009 and other Influenza Viruses – Revised February 2010. Disponível em: www.who.int/csr/resources/publications/swineflu/h1n1_guidelines_pharmaceutical_mngt.pdf ROCHE – Empresa Produtos Roche Químicos e Farmacêuticos S.A. Tamiflu, bula. Disponível em: www4.anvisa.gov.br/base/visadoc/BM/BM[32345-1-0].PDF American Academy of Pediatrics. Recommendations for Prevention and Control of Influenza......

Ver Índice

30/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Influenza Pandêmica A(H1N1)2009

...so suspeito com confirmação laboratorial ou vínculo epidemiológico. · Caso descartado de infecção humana pelo vírus da Influenza Pandêmica A(H1N1) - Caso suspeito ou provável em que a investigação epidemiológica e os resultados dos exames laboratoriais indicam tratar-se de outra doença · Caso confirmado de síndrome respiratória aguda grave por influenza - Indivíduo com SRAG p......

Ver Índice

28/06/2009

Revisões

Influenza A (H1N1) - Protocolo de Procedimentos - versão 5

...gravidez e imunossupressão primária ou adquirida. • Utilizar equipamentos de proteção individual conforme orientações no Item VII. • Coletar amostra de secreção nasofaringeana, conforme orientações no Item VI. • Se o mesmo pertencer a algum grupo de risco para complicações e óbito por influenza, recomenda-se fortemente a internação do paciente em isolamento respiratório por 7 dia......

Ver Índice

11/05/2009

Revisões

Influenza A (H1N1) - Protocolo de Procedimentos  (Livre)

...psia envolvendo tecido pulmonar e coleta de espécime clínico para diagnóstico etiológico da influenza. Os procedimentos com geração de aerossol devem ser realizados apenas em áreas restritas, sem a presença de outros pacientes e com equipe de saúde reduzida. A máscara de proteção respiratória deverá estar adequadamente ajustada à face. A forma de uso, manipulação e armazenamento deve seguir as......

Ver Índice

30/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Influenza

...cepas e a ocorrência de epidemias sazonais ou, em intervalos de tempo imprevisíveis, novas pandemias de gripe. O tipo A é mais suscetível a variações antigênicas, contribuindo para a existência de diversos subtipos e sendo responsável pela ocorrência da maioria das epidemias de gripe. Os vírus Influenza B sofrem menos variações antigênicas e, por isso, estão associados com epidemias mais localizad......

Ver Índice

30/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Influenza

...propiciarem a introdução de partículas virais diretamente nas mucosas oral, nasal e ocular. Apesar de a transmissão inter-humana ser a mais comum, já foi documentada a transmissão direta do vírus de aves e suínos para o homem. Período de Incubação Em geral, de 1 a 4 dias. Período de Transmissibilidade Um indivíduo infectado pode transmitir o vírus no periodo compreendido entre 2 dias ant......

Ver Índice

Página:  de 2

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal