FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Linfogranuloma Venereo" obteve 35 resultados.

Página:  de 4

31/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

linfogranuloma venéreo

...o e promoção do uso de preservativos (deve-se obedecer aos princípios de confiabilidade, ausência de coerção e proteção contra a discriminação). Educação em saúde, de modo geral. Observação: As associações entre diferentes DST são frequentes, destacando-se, atualmente, a relação entre a presença de DST e o aumento do risco de infecção pelo HIV, principalmente na vigência de úlceras genitais. D......

Ver Índice

31/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

linfogranuloma venéreo

...cicatrizes retraídas ou queloides. Sinonímia Mula, bubão, doença de Nicolas-Favre-Durand e quarta moléstia venérea. Agente Etiológico Chlamydia Tracomatis, dos sorotipos L1, L2 e L3. Reservatório O homem. Modo de Transmissão Contato sexual, com penetração da bactéria por meio da pele ou mucosa com solução de continuidade. Período de Incubação De 1 a 3 semanas após o contat......

Ver Índice

26/03/2019

Revisões

Linfogranulomatose Venérea

...perpõem, com o aparecimento de isquemia, ulceração e elefantíase. Em um pequeno número de casos, ocorrem disseminação e doença sistêmica. Achados Clínicos Os pacientes podem apresentar três estágios da infecção. O período de incubação varia de 3 a 30 dias (comumente, menos de 12 dias). A lesão primária pode assumir muitas formas e ser confundida com as lesões de outras ISTs, apresentando-s......

Ver Índice

25/10/2009

Biblioteca Livre

5 Síndromes Clínicas Principais

...com a utilização da coloração Gram, constitui-se em excelente método de diagnóstico para o homem. O achado de diplococos Gram negativos intracelulares típicos faz o diagnóstico em cerca de 95% dos casos em homens. A cultura em meio específico de Thayer-Martin deve ser utilizada nos casos suspeitos de resistência à penicilina(caso esteja-se fazendo estudos de resistência), quando não foi possível o......

Ver Índice

03/03/2016

Revisões Internacionais

Doenças causadas pela família de chlamydiaceae

...s técnicas de culturas de células para isolar Chlamydia e Chlamydophila não são amplamente disponíveis e, além disso, apresentam diversos inconvenientes: a cultura tem exigências rigorosas para o transporte de espécimes, além de ser uma técnica extremamente rigorosa e de custo muito elevado; além do mais, a sensibilidade é de apenas 60 a 80% em comparação com os testes diagnósticos mais modernos.1......

Ver Índice

20/06/2012

Revisões Internacionais

Doenças causadas por clamídia – Walter E. Stamm

...smas empregadas nos casos de conjuntivite neonatal (veja discussão anterior). Tratamento O tratamento sistêmico é indicado para curar tanto a infecção ocular como a genital. Os regimes de tratamento são os mesmos adotados para a infecção genital (veja discussão anterior). Parceiros sexuais devem ser avaliados e tratados de modo a prevenir a reinfecção. Tracoma C. trachomatis – especi......

Ver Índice

10/02/2015

Remédios

Tetraciclina (oral)

...lado com G Similar: Ambra-Sinto T (Medley); Tetramicin (EMS) cloridrato de tetraciclina Uso oral Cápsula 500 mg: Parenzyme Tetraciclina; G fosfato complexo de tetraciclina Uso oral Cápsula 500 mg: Tetrex O que é antibacteriano. Para que serve brucelose; gengivite ulcerativa necrotizante aguda (GUNA) (infecção de Vincent); gonorreia (em paciente sensível à penicilina); infec......

Ver Índice

14/02/2009

Revisões

Doenças Frequentes da Vulva

...2(6):481-6. 6. Foster DC. Vulvar disease. Obstetrics and Gynecology. 2002;100(1):145-67. 7. Howard A, Wojnarowska F. Vulval dermatoses. J Br Menopause Soc. 2003;9(2):80-1. 8. Jeffcoat TNA. Chronic vulval dystrophies. Am J Obstett Gynecol. 1966;95:61-74. 9. Jones RN, Sadler L, Grant S, Whineray J, Exeter M, Rowan D. Clinically identifying women with lichen sclerous at increased risk......

Ver Índice

14/02/2009

Revisões

Doenças Frequentes da Vulva

...equada das doenças da vulva inclui uma avaliação criteriosa do tipo e localização da lesão e do uso liberal de biópsias e propedêutica complementar. BIBLIOGRAFIA Adaptado, com autorização, do livro Clínica Médica: dos Sinais e Sintomas ao Diagnóstico e Tratamento. Barueri: Manole, 2007. 1. Aguiar LM, Omonte JM, Burgos EE. Líquen escleroso: o diagnóstico é a chave do tratamento. Sinopse de......

Ver Índice

01/11/2013

Revisões Internacionais

Vaginite e doenças sexualmente transmissíveis – Joel T. Katz

...irem o comportamento sexual. Além das perguntas tipicamente incluídas na obtenção da história sexual, deve-se perguntar aos pacientes se seus parceiros sexuais estão infectados ou não pelo HIV e sobre o grau de exposição sexual anal. Esta última informação pode ser obtida com a seguinte pergunta: “Você fica em cima, embaixo ou ambos?” O termo “em cima” refere-se ao homem que pratica sexo anal ativ......

Ver Índice

Página:  de 4

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal

×

Em função da pandemia do Coronavírus informamos que não estaremos prestando atendimento telefônico temporariamente. Permanecemos com suporte aos nossos inscritos através do e-mail info@medicinanet.com.br.