FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Miocardite Aguda" obteve 95 resultados.

Página:  de 10

09/06/2016

Revisões

Doença de Chagas

...cantes da fisiopatologia verificada em estudos recentes é que parasitemia microscopicamente detectada que se mantém mesmo muitos anos após o início da doença e parece ter um papel importante na patogênese da doença mantendo o processo inflamatório que causa as manifestações crônicas. Manifestações Clínicas O período de incubação após a transmissão vetorial é de uma a duas semanas, depois de......

Ver Índice

13/10/2008

Revisões

Cardiomiopatia Chagásica

... Na fase aguda, os achados de exames podem ser inespecíficos. O hemograma mostra leucocitose à custa de linfocitose; o eletrocardiograma (ECG) pode mostrar distúrbios da condução A-V e alterações difusas de ST-T; e a radiografia de tórax pode evidenciar aumento de grau variável da área cardíaca, seja por sobrecarga ventricular, seja por derrame pericárdico. Nessa fase, por algumas semanas os tes......

Ver Índice

30/03/2010

Revisões

Miocardites

...lope, ocasionalmente B4, são sinais importantes de prejuízo da função ventricular, especialmente quando ocorre envolvimento biventricular agudo do miocárdio resultando em congestão sistêmica e pulmonar. · Se ocorrer dilatação ventricular direita ou esquerda grave, a ausculta pode revelar sopros de insuficiência mitral ou tricúspide funcional. · Atrito e derrame pericárdico podem ser e......

Ver Índice

01/06/2015

Revisões

Pericardite aguda

...querda, anterior e inferior, com elevação do segmento ST em todas as derivações, exceto aVR e muitas vezes V1. Normalmente, o segmento ST é côncavo para cima e assemelha-se à corrente de lesão de isquemia transmural. No entanto, a distinção entre pericardite aguda e isquemia, geralmente não é difícil por causa do envolvimento de maior número de derivações na pericardite e da depressão de ST em der......

Ver Índice

06/05/2016

Casos Clínicos

Miocardiopatia Chagásica

...olveu queda de fração de ejeção abaixo de 50%. Referências: Dias JCP. Acute Chagas Disease. Mem Inst Oswaldo Cruz 1984; 79:17. Marin-Neto JA, Rassi Jr JA, Maciel BC, et al. Chagas Heart Disease. In: Evidence-Based Cardiology, 3rd ed, Yusuf S, Cairns J, Fallen EL, et al. (Eds), BMJ Books, 2010. p.823. Andrade JP, Marin Neto JA, Paola AA, et al. I Latin American Guidelines for the diag......

Ver Índice

04/06/2009

Revisões

Novos Métodos Diagnósticos em Cardiologia

...mos 0,1 a 0,2 mm e resolução temporal de 8 ms. As imagens adquiridas são sincronizadas ao eletrocardiograma e dependem de um ritmo regular e de uma frequência cardíaca (FC) próxima de 60 bpm, sendo necessário uso de betabloqueadores quando a FC > 70 bpm. Pausas respiratórias com duração entre 8 e 20 segundos são necessárias e sua duração depende do equipamento e da extensão da área a ser est......

Ver Índice

04/06/2009

Revisões

Novos Métodos Diagnósticos em Cardiologia

...e tardio também foi preditora de prognóstico, sendo sua presença em mais de 4,8% da massa miocárdica associada a maiores eventos no grupo de realce positivo. Desta forma, este e outros estudos sugerem que a quantificação de fibrose possa ser um marcador de eventos, podendo ajudar na seleção de pacientes que se beneficiariam do implante de cardiodesfibrilador implantável. 2. Miocardites A ......

Ver Índice

28/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Difteria

...a, rinite sifilítica, corpo estranho em naso e orofaringe, angina monocítica, crupe viral, laringite estridulosa, epiglotite aguda, inalação de corpo estranho. Para o diagnóstico diferencial da difteria cutânea, considerar impetigo, eczema, ectima, úlceras. Tratamento Específico Soro antidiftérico (SAD), medida terapêutica de grande valor, que deve ser feita em unidade hospitalar e cuja fina......

Ver Índice

28/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Difteria

...missão da doença. No Brasil, o número de casos vem decrescendo progressivamente, provavelmente em decorrência do aumento da cobertura pela vacina DTP que passou de 66%, em 1990, para mais de 98%, em 2007. Em 1990, foram notificados 640 (incidência de 0,45/100.000 habitantes) e este numero que foi progressivamente decrescendo até atingir 56 casos em 1999 (incidência de 0,03/100.000 habitantes) e 58......

Ver Índice

03/07/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Difteria

...da pela vacina não é permanente e decresce com o tempo. Daí a necessidade de aplicar uma dose de reforço com a dT a cada dez anos. Em média de 5 a 10 anos após a última dose da vacina, a proteção pode ser pouca ou nenhuma. • Deve ser aplicada por via intramuscular, a partir de dois meses de idade até 6 anos completos. É conservada entre +2ºC e +8ºC, conforme orientação do Programa Nacional d......

Ver Índice

Página:  de 10

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal