Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Oxaliplatina" obteve 9 resultados.

Página:  de 1

22/12/2011

Remédios

Oxaliplatina

... Volume: 10 - 20 mL. • Estabilidade após reconstituição com Água Estéril para Injeção ou Glicose 5%: temperatura ambiente (15 - 30°C): 6 horas; refrigeração (2-8°C): 24 horas. Diluição • Diluente: Glicose 5%. • Volume: 250 – 500 mL • Estabilidade após diluição com Glicose 5%: temperatura ambiente (15 - 30°C): 24 horas • Tempo de infusão: 2 a 6 horas OXALIPLAT......

Ver Índice

01/08/2010

Medicamentos Injetáveis - Utilização Segura

Oxaliplatina

...SO INJETÁVEL Injetável (pó) 50 mg ELOXATIN; G Injetável (pó) 100 mg ELOXATIN; G Armazenagem Antes de Aberto Temperatura ambiente (15-30°C). Proteção à luz: sim, necessária. Proteger da umidade. Não congelar. O QUE É A oxaliplatina é um antineoplásico [sal de platina (derivado)]. PARA QUE SERVE Câncer de cólon; câncer de cólon de reto. COMO SE USA Uso Injetável • ......

Ver Índice

29/08/2014

Artigos

Capecitabina oral como opção ao 5-Fluorouracil no Câncer de Reto

...ng cirúrgico (conversão para cirurgia conservadora do esfíncter a partir de outro procedimento programado previamente). O estudo incluiu 1.608 pacientes randomizados. Não foram identificadas diferenças significativas quando comparados os esquemas com capecitabina VO ou 5-fluorouracil EV, tanto para taxas de resposta patológica completa, possibilidade de realizar cirurgia conservadora do e......

Ver Índice

17/06/2013

Artigos

Novidades no tratamento de câncer colorretal

...lise de um subgrupo com 373 pacientes que receberam a primeira linha de tratamento com bevacizumabe. A sobrevida global e a sobrevida sem progressão de doença foram prolongadas com aflibercepte associado a FOLFIRI comparado com FOLFIRI isoladamente a despeito de uso de bevacizumabe previamente. A mediana de sobrevida global foi de 12,5 meses no grupo que usou aflibercepte contra 11,7 me......

Ver Índice

27/05/2013

Artigos

Novidades no tratamento de câncer gástrico e esofágico

...escamosas (85 a 87%) e doença estágio III (50 a 54%). A radioterapia (dose total de 50 Gy) foi administrada de segunda a sexta durante as semanas 1 a 5 de tratamento. Os pacientes foram randomizados a receber terapia com infusão de 5-FU (1.000 mg/m2/dia por 4 dias) associado a cisplatina (75 mg/m2 no dia 1 das semanas 1 e 5, seguido de 2 ciclos adicionais nas semanas 7 e 11), ou terapia com FOLFO......

Ver Índice

14/03/2013

Revisões Internacionais

Câncer colorretal – Bernard Levin

...luir uma ampla resseção anatômica do mesorreto.106 Colectomia laparoscópica As técnicas laparoscópicas passaram a ser amplamente utilizadas no tratamento do câncer colorretal. Estas técnicas podem ser seguras e bem-sucedidas quando executadas por um cirurgião experiente. Um internação um pouco mais curta e um período de recuperação pós-operatória mais rápido também são potenciais benefícios.......

Ver Índice

11/08/2014

Revisões

Câncer de colo e reto

...não polipótico hereditário. Em geral está associado à disfunção de genes responsáveis pela revisão e reparo do DNA durante sua replicação. Na alteração desses genes, podem ocorrer taxas de mutações de até 100 mil vezes além do normal. Sinais e Sintomas Os sinais e os sintomas de CCR estão diretamente relacionados à localização. Por exemplo, pacientes com tumores de colo esquerdo geralmente ap......

Ver Índice

17/05/2013

Revisões Internacionais

Câncer pancreático, câncer gástrico e outros cânceres gastrintestinais

...+ ou D2. Atualmente, está sendo conduzido um estudo na Dinamarca, que compara a quimioterapia pós-operatória à quimiorradioterapia e que foi projetado para avaliar a contribuição relativa da radioterapia. A terapia de quimiorradiação pré-operatória pode reduzir o tamanho do tumor e promover uma regressão efetiva do estadiamento do câncer gástrico (incluindo a resposta patológica completa) em alg......

Ver Índice

07/03/2014

Revisões Internacionais

Urticária e angioedema – Anthony Kulczycki Jr.

...ria por contato” na pele intacta lambida ou tocada por um desses animais. As observações dos autores sugerem que a alergia aos animais de estimação é causa significativa de urticária em pacientes expostos a estes animais, sobretudo as crianças, enquanto os ácaros da poeira e bolores são causas menos frequentes de urticária crônica. Ainda não foi esclarecido se as exposições a aeroalérgenos ocorrem......

Ver Índice

Página:  de 1

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal