FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Risco de Tuberculose Apos Exposicao Recente" obteve 91 resultados.

Página:  de 10

23/04/2015

Artigos

Risco de Tuberculose após Exposição Recente

... Este estudo observacional vem atualizar dados antigos sobre a tuberculose. Notamos que o risco de tuberculose latente após exposição vai diminuindo conforme a faixa etária, variando de 33,3% para crianças contactantes menores de cinco anos, caindo para 6,7% em maiores de 15 anos. De forma geral, o risco de TB acumulado em cinco anos foi de 9,5%, mas com estas nítidas diferenças entre faixas......

Ver Índice

11/11/2016

Revisões Internacionais

Infeccoes Micoticas em Hospedeiros Comprometidos

...ta de amostras para culturas. Entretanto, seios com espessamento da mucosa e com níveis viscosos de ar-líquido são inflamados e têm produtividade baixa nas culturas. Nas culturas obtidas em esfregaços em vez de aspiração ou biópsia, a baixa produção de patógenos é previsível. Nas situações em que as varreduras por TC revelarem a presença de erosão óssea nas paredes sinusais, é necessário coletar a......

Ver Índice

16/11/2012

Revisões Internacionais

Tuberculose – Henry M. Blumberg, Michael K. Leonard Jr.

...ípicos de uma febre de origem indeterminada [ver Hipertermia, febre e febre de origem indeterminada]. Uma ocorrência incomum é a doença miliar fulminante, que pode estar associada a um quadro do tipo sepse, incluindo insuficiência respiratória, síndrome da angústia respiratória aguda, coagulação intravascular disseminada e insuficiência orgânica múltipla. Frequentemente, a tuberculose a princípio ......

Ver Índice

11/11/2015

Biblioteca Livre

F

... semanas. Meningite criptocócica (pacientes infectados ou não com HIV) t 12 mg/kg/dia, por via oral ou intravenosa, no dia 1, então 6 mg/kg/dia, até o máximo de 12 mg/kg/dia, por 10 a 12 semana após cultura negativa no LCR; para supressão de recorrência a dose recomendada é de 6 mg/kg/dia. Ou então,. t Indução: 12 mg/kg/dia, por via oral ou intravenosa, no dia 1, então 6 a 12 mg/kg/dia, até ......

Ver Índice

15/05/2017

Revisões Internacionais

Febre Após Retorno de Viagem

... Culturas de LCE e sangue Borrelia spp., sífilis, MTB. PCR para LCE para patógenos bacterianos como Borrelia sp., sífilis, MTB. HSV, VZV, CMV, EBV, Enterovírus. Sorologias no LCE. HIV, encefalite japonesa, encefalite transmitida por carrapatos, encefalite de St. Louis, vírus Nipah, vírus Hendra, raiva. PCR para LCE para patógenos virais, incluind......

Ver Índice

11/11/2015

Biblioteca Livre

C

...depressivos tricíclicos. t Uso de inibidores da monoamina oxidase (IMAO) nos últimos 15 dias (a troca de um IMAO por tricíclico ou vice-versa deve guardar o intervalo mínimo de 15 dias). Precauções t Usar com cuidado nos casos de: – menores de 12 anos. – lactação (ver Apêndice B). – cardiopatia, retenção urinária, insuficiência hepática (ver Apêndice C), insuficiência r......

Ver Índice

04/09/2014

Revisões Internacionais

Osteomielite – Benjamin A. Lipsky, Anthony R. Berendt

...lta a um especialista em doenças infecciosas. Os agentes separados por um semicólon são recomendações alternativas (e não adicionais). *Os regimes sugeridos são amplamente baseados nos formulários usados nos Estados Unidos, representam os limites máximos das doses de antibiótico recomendadas e são destinados aos pacientes com função renal normal. †A “terapia oral” pode ser instituída em seguid......

Ver Índice

31/03/2011

Biblioteca Livre

8. Prevenção

... clínica e afastada a possibilidade de tuberculose-doença, através de baciloscopia e do exame radiológico. e) Imunodeprimidos por uso de drogas ou por doenças imunodepressoras e contatos intradomiciliares de tuberculosos, sob criteriosa decisão médica. f) Reatores fortes à tuberculina, sem sinais de tuberculose ativa, mas com condições clínicas associadas a alto risco de desenvolvê-la, como......

Ver Índice

31/01/2013

Revisões Internacionais

Doenças inflamatórias intestinais – Stephen B. Hanauer

...ppl 1:2–9. 80. Pierik M, Rutgeerts P, Vlietinck R, Vermeire S. Pharmacogenetics in inflammatory bowel disease. World J Gastroenterol 2006;12:3657–67. 81. Cunliffe RN, Scott BB. Monitoring for drug side-effects in inflammatory bowel disease. Aliment Pharmacol Ther 2002;16:647–62. 82. Sandborn WJ. Treatment of ulcerative colitis with oral mesalamine: advances in drug formu......

Ver Índice

14/05/2013

Qualidade e Segurança

Vigilância para prevenção e controle de infecções

... a pacientes, PASs, familiares, visitantes e instituição. Ao engajar-se nesse processo, os PASs se familiarizam com os riscos de infecção em sua organização e estruturam, portanto, seu programa de vigilância. Por exemplo, se um hospital tem diversas salas de cirurgia (SCs) onde são realizados vários procedimentos, o processo de avaliação de risco deve identificar os potenciais riscos de infecção a......

Ver Índice

Página:  de 10

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal