FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Sindrome da Rubeola Congenita" obteve 33 resultados.

Página:  de 4

01/03/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Rubéola e Síndrome da Rubéola Congênita

...o Diferencial Com outras infecções congênitas: parvovírus B19, toxoplasmose, sífilis, malária, citomegalovírus, herpes, varicela-zoster, HIV, hepatite B, enterovírus, dentre outras. Tratamento Não há tratamento especifico. Características Epidemiológicas Antes da introdução da vacina nos programas de imunização, ocorriam surtos de Rubéola a cada 3 – 6 anos, com consequente aumento no nu......

Ver Índice

01/03/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Rubéola e Síndrome da Rubéola Congênita

...nadvertidamente com a vacina contra a Rubéola, não observaram malformações compatíveis com a SRC. SOBRE OS DIREITOS AUTORAIS DO DOCUMENTO Consta no documento: “Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução parcial ou total desta obra, desde que citada a fonte e que não seja para venda ou qualquer fim comercial.” O objetivo do site MedicinaNet e seus editores é divulgar este importa......

Ver Índice

12/08/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Síndrome da Rubéola Congênita

.... Relatório Final Os dados da ficha de investigação deverão estar adequadamente encerrados e digitados no Sinan, no período de até 180 dias após a notificação do caso, para as análises epidemiológicas necessárias. INSTRUMENTOS DISPONÍVEIS PARA CONTROLE A vacina tríplice viral (sarampo, rubéola e caxumba) foi implantada no Brasil, de forma gradativa, no período de 1992 a 2000. Atualmente,......

Ver Índice

11/11/2015

Biblioteca Livre

V

... (reavaliar o prosseguimento da imunização). – comprometimento imunológico (resposta imune à vacina pode ser inadequada). – alergia a látex. t Categoria de risco na gravidez (FDA): C. Esquemas de administração t 0,5 mL, por via intramuscular, no 15º mês de idade (1º reforço). t 0,5 mL, por via intramuscular, entre 4 e 6 anos de idade (2º reforço). t Se álcool ou outro des......

Ver Índice

30/05/2010

Revisões

Doenças exantemáticas na infância

...arrapato ao surgimento do eritema migrans, de 3 a 31 dias, com média de 7 a 14 dias. 5. Manifestações clínicas: · localizada precoce: rush carcterístico denominado eritema migrans, no local da picada, que se inicia como uma mácula ou pápula vermelha e se expande formando lesão anular, eritematosa com aproximadamente 5 cm de diâmetro; é acompanhado de febre, mal-estar, cefaléia, rigid......

Ver Índice

01/02/2010

Revisões

Icterícia

...edimento e em pacientes com anemia falciforme (autoesplenectomia). Para maiores detalhes, consultar os capítulos específicos. TÓPICOS IMPORTANTES · A icterícia é um achado frequente na prática médica, que deve sempre ser valorizado e investigado. · Apresenta diversas etiologias possíveis, muitas delas graves e de conduta urgente. · O tratamento consiste no tratamento da......

Ver Índice

08/03/2012

Revisões Internacionais

Sarampo, caxumba, rubéola, parvovírus, poxvírus – Martin S. Hirsch, MD

...14 anos de idade e 11% em jovens com mais de 15 anos de idade. Entretanto, no amplo surto mais recentemente ocorrido nos Estados Unidos, a média da idade dos pacientes era de 21 anos e a maior incidência ocorreu entre indivíduos com 18 a 24 anos de idade.15 Uma vacina com vírus vivo de caxumba teve o uso aprovado nos Estados Unidos, em 1967. O uso dessa vacina foi facilitado pela subsequente inc......

Ver Índice

04/10/2016

Revisões Internacionais

Distúrbios Leucocitários Não Malignos

...istúrbios atribuíveis ao acúmulo anormal de intermediários metabólicos. Usualmente, esses distúrbios são diagnosticados na infância e incluem condições como mucopolissacaridoses, glicoproteinoses, esfingolipidoses e doenças de armazenamento de lipídeos neutros. Foram descritos defeitos enzimáticos para a maioria desses distúrbios, sendo que o diagnóstico depende da demonstração de alguma anormalid......

Ver Índice

31/05/2009

Biblioteca Livre

Rubéola

... epidemiológico. Leucopenia é um achado freqüente. O diagnóstico sorológico pode ser realizado através da detecção de anticorpos IgM específicos para rubéola, desde o início até o 28º dia após o exantema. A sua presença indica infecção recente. A detecção de anticorpos IgG ocorre, geralmente, após o desaparecimento do exantema, alcançando pico máximo entre 10 e 20 dias, permanecendo detectáveis po......

Ver Índice

30/10/2012

Revisões

toxoplasmose

...ifestações da doença. Toxoplasmose em Pacientes Imunocomprometidos Nos pacientes com infecção pelo HIV/Aids e outras formas de imunossupressão (principalmente transplantes), a toxoplasmose ocorre como reativação da doença no sistema nervoso (apresentação mais freqüente) e no pulmão, causando um quadro de encefalite e pneumonite, respectivamente. Na forma cerebral, podem ocorrer rebaixamento d......

Ver Índice

Página:  de 4

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal