FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Tetano Neonatal" obteve 15 resultados.

Página:  de 2

12/08/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Tétano Neonatal

... fosse pronunciar a letra U. Quando há presença de febre, ela é baixa, exceto se houver infecção secundária. Os espasmos são desencadeados ao menor estímulo (toque, luminosidade, ruídos) ou surgem espontaneamente. Com a piora do quadro clínico, o recém-nascido deixa de chorar, respira com dificuldade e passam a ser constantes as crises de apnéia, que podem levar a óbito. Período de infecção –......

Ver Índice

01/03/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Tétano Neonatal (TNN)

...M ou IV, diluídos em soro glicosado a 5%, em gotejamento por 2 a 4 horas (uso de anti-histamínico prévio a administração do SAT – Quadro 38). · Antibioticoterapia: no caso de infecção do coto umbilical, a escolha e a Penicilina Cristalina, 50.000 a 100.000UI/kg/dia, 4/4 horas, por 7 a 10 dias, ou Metronidazol, 7,5 mg/dose, de 8/8 horas, por 7 a 10 dias (Quadro 39). Quadro 37. Recomendação......

Ver Índice

01/03/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Tétano Neonatal (TNN)

...ização da toxina) Soro Antitetânico Dosagem Via de administração Observações IGHAT 1.000 a 3.000UI Somente IM, por conter conservante Administrar em duas massas musculares diferentes SATa (alternativa para IGHAT) 10.000 a 20.000UI IM ou EV Se IM, administrar em duas massas musculares diferentes. Se EV, diluir em soro glicosado a 5%, com gotejamento len......

Ver Índice

19/01/2017

Revisões

Tétano

... · fazer o manejo da disautonomia; · realizar cuidados de suporte. Todos os pacientes com tétano devem ser submetidos a desbridamento da ferida para erradicar os esporos e o tecido necrosado, que poderiam levar a condições ideais para a germinação – o desbridamento, apesar de ser fundamental, só deve ser realizado após o uso de imunoglobulina antitetânica (Ighat) o......

Ver Índice

12/08/2009

Biblioteca Livre

Bibliografia Consultada

...yra LGC. Hepatites a vírus A, B, C, D, E. In: Dani R, Castro LP. Gastroenterologia clínica. 3ª ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan; 1993. p.1251-1287. Machado R, Costa E. Leptospirose em Salvador (1975-1979): alguns aspectos clínicos e epidemiológicos. Rev Med Bahia 1977;23(3). Machado R. Estudos clínicos e laboratoriais da leptospirose ictero-hemorrágica (doença de Weil) [Tese]. Salvador (BA):......

Ver Índice

14/05/2013

Manual de prevenção e controle de infecções para hospitais

Pacientes pediátricos e neonatais

.... 39-1–39-21. 2. Walker J.H.: Pediatric influenza and “universal respiratory etiquette”: Preparing and protecting your staff and the public. J Emerg Nurs 30:367–370, Aug. 2004. 3. O’Grady, N.P., et al.:. Guidelines for the prevention of intravascular catheter-related infections. MMWR Recomm Rep 51(RR-10):1–29, Aug. 2002. 4. Richards M.J., et al.: Nosocomial infections in pe......

Ver Índice

14/05/2013

Manual de prevenção e controle de infecções para hospitais

Pacientes pediátricos e neonatais

... infecções respiratórias, implantação de vigilância para VSR e precauções de contato para todos os pacientes com suspeita ou confirmação de VSR.9,10 Tuberculose A TB é uma infecção que pode surgir tanto nas crianças como nos adultos. Muitas vezes, as crianças vão aos DEs ou são tratadas em departamentos pediátricos sem diagnóstico de TB, servindo como potencial fonte de contaminação para outr......

Ver Índice

05/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Situação Epidemiológica das Doenças Transmissíveis no Brasil

... grupo de causas seja igualmente decrescente, este declínio não apresenta a mesma intensidade observada na mortalidade. Por exemplo, a mortalidade por DIP, em 1930, era responsável por 45,7% de todos os óbitos do país. Em 1980, esse percentual era de 9,3% e, no ano de 2006, já se encontrava em 4,9%, enquanto sua taxa de mortalidade cujo valor era de 59,3/100 000 em 1990, reduziu para 48,8/100 000 ......

Ver Índice

05/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Situação Epidemiológica das Doenças Transmissíveis no Brasil

...oença de Chagas, endêmica há várias décadas no país, a Febre Tifóide, além da Oncocercose, a Filariose e a Peste, cuja ocorrência é limitada a áreas restritas. DOENÇAS TRANSMISSÍVEIS COM QUADRO DE PERSISTÊNCIA Neste grupo, encontram-se as hepatites virais, especialmente as B e C em função das altas prevalências, ampla distribuição geográfica e potencial para evoluir para formas graves, que po......

Ver Índice

11/11/2015

Biblioteca Livre

I

...sos (especialmente com fármacos metabolizados pela CYP3A4), sendo necessária uma pesquisa específica sobre este aspecto antes de introduzir ou descontinuar o itraconazol ou outros medicamentos no esquema do paciente. Ivermectina César Augusto Braum Na Rename 2010: itens 5.6.1 Apresentação t Comprimidos de 6 mg. Indicações t Infecções helmínticas causadas por nematódios: ......

Ver Índice

Página:  de 2

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal