FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Uso de Hidrocortisona e Fludrocortisona Para Pacientes em Choque Septico" obteve 11 resultados.

Página:  de 2

02/08/2018

Artigos

Uso de Hidrocortisona e Fludrocortisona para Pacientes em Choque Séptico

...ssidade de medicação vasoativa. O grupo da corticoterapia recebeu hidrocortisona, 50mg, endovenosa, a cada 6 horas e fludrocortisona, 50ug, via sonda nasoenteral, a cada 24 horas, ambos durante 7 dias. As demais condutas em ambos os grupos foram guiadas com base nas diretrizes da Surviving Sepsis 2008, tais como antimicrobianos, ressuscitação volêmica e respiratória e controle glicêmico. Outros d......

Ver Índice

29/04/2010

Casos Clínicos

Prescrição de drogas vasoativas e sepse

...s de choque hipovolêmico e distributivo, em especial nos pacientes politraumatizados – como é proposto pelos protocolos do ATLS. c) Posologia Similar à administração de solução fisiológica. d) Efeitos adversos Sobrecarga volêmica quando usados grandes volumes ou em indivíduos com disfunção cardíaca. e) Apresentação comercial Frascos ou bolsas contendo volumes de 100, 250, 500......

Ver Índice

16/05/2014

Revisões Internacionais

sepse

... da disfunção de múltiplos órgãos. ________________________________________________________________ Choque séptico O choque séptico ou a disfunção cardiovascular ocorrem em cerca de 60 a 70% dos pacientes com sepse grave. Os achados hemodinâmicos de choque séptico são resumidos na Tabela 6. Os achados hemodinâmicos mais comuns no início do choque séptico são o elevado débito cardíaco e o......

Ver Índice

11/05/2009

Casos Clínicos

Pneumonia e insuficiência adrenal

... A classificação dos pacientes por meio desse escore é mostrada na Tabela 3. Tabela 3: Classificação do pacientes pelo escore PSI Escala de risco Pontos Mortalidade Local de tratamento PORT I Ausência de preditores 0,1 a 0,4% Ambulatorial PORT II < 71 pontos 0,6 a 0,7% Ambulatorial PORT III 71 a 90 pontos 0,9 a 2,8% 24 a 48 horas......

Ver Índice

04/09/2018

Revisões

Sepse e Choque Séptico

...e e na morte do invasor e na fagocitose de detritos do tecido lesionado. Entre os mediadores pró-inflamatórios e anti-inflamatórios ativados, ocorre sobretudo a ativação do fator nuclear kB e neutrófilos. Citocinas, como fator de necrose tumoral a, interleucina 1, interleucina 2, interleucina 6, interleucina 8 e outras causam células endoteliais neutrofílicas de adesão, ativam o complemento e as ......

Ver Índice

03/07/2009

Artigos

Segurança e eficácia do corticóide no choque séptico – revisão sistemática e meta-análise

... doses e por períodos superiores a 5 dias, parecem associar-se a menor mortalidade. De qualquer modo, o uso de corticóides associa-se a um desmame mais rápido de vasopressores e, consequentemente, menor tempo de internação na UTI e, portanto, um menor custo. Os dois principais estudos das revisões mostraram resultados diferentes, mas também tinham pacientes diferentes. Os pacientes do estudo de An......

Ver Índice

17/10/2017

Revisões Internacionais

Insuficiência adrenal

... de doses de hidrocortisona que poderão produzir supressão adrenal e levar à síndrome de Cushing. O tratamento ao longo de toda a vida é imprescindível nos pacientes com deficiência da 21-hidroxilase para evitar o surgimento de tumores suprarrenais restantes, nódulos de tecido adrenal ectópico que se tornam hipertróficos por causa da estimulação do ACTH em curso. De maneira geral, esses tumores s......

Ver Índice

12/09/2012

Revisões Internacionais

Adrenal – D. Lynn Loriaux

...io é mais frequentemente causado por um adenoma adrenal benigno, que é tipicamente unilateral, tem diâmetro inferior a 2,5 cm e secreta aldosterona de maneira independente da estimulação renina-angiotensina. Os pacientes com esta condição habitualmente apresentam hipertensão. De fato, acredita-se que a hipersecreção adrenal primária de aldosterona seja responsável por cerca de 2% dos casos de hipe......

Ver Índice

03/07/2009

Artigos

Corticóide na sepse grave e choque séptico – revisão sistemática

...es que receberam corticóide tiveram menor mortalidade (37,5 vs. 44,1%; RR 0,84, IC 95% 0,72-0,97; p=0,02). Em relação aos desfechos secundários, não houve diferença na mortalidade na UTI e hospitalar. Entretanto, houve uma redução do tempo de internação na UTI de 4,49 dias (IC 95% -7,04 a -1,94; p <0,001) e uma maior reversão do choque em sete (63,5 vs. 51,6%, RR 1,29, IC 95% 1,06-1,58; p=0,01......

Ver Índice

24/05/2009

Casos Clínicos

Coma mixedematoso

...250 mg e 500 mg, suspensão com 125 mg/5 mL e 250 mg/5 mL. 2. Claritromicina Macrolídio semissintético derivado da eritromicina. Possui mecanismo e espectro de ação semelhantes ao da eritromicina. Diferentemente, sua atividade contra estreptococos (incluindo o pneumococo) e estafilococos é cerca de 4 vezes maior que a eritromicina. Também possui atividade contra Haemophilus influenzae, Hae......

Ver Índice

Página:  de 2

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal