FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Vasopril" obteve 9 resultados.

Página:  de 1

07/01/2015

Remédios

Enalapril

...nter o diurético; insuficiência renal (clearance de creatinina menor que 30 mL/minuto). insuficiência cardíaca congestiva início: 2,5 mg, 1 ou 2 vezes por dia; ajustar a dose gradualmente de acordo com a resposta clínica, após dias ou semanas. Manutenção: 5 a 40 mg, em dose única diária ou divididos em duas doses iguais. Idosos: podem exigir doses menores e devem ser rigorosamente acompanhados. ......

Ver Índice

07/01/2015

Remédios

Enalapril

...nício: 5 mg , em dose única diária; ajustar a dose após 1 a 2 semanas, de acordo com a resposta clínica. Manutenção: 10 a 40 mg, em dose única diária ou divididos em duas doses iguais. Atenção: dose inicial de 2,5 mg (com acompanhamento médico pelo menos até uma hora após a estabilização da pressão) em casos de: depleção de sódio e água por diurético anterior; pacientes que necessitam manter o di......

Ver Índice

09/09/2010

Casos Clínicos

Lúpus Eritematoso Sistêmico (LES)

...s ao LES é feito inicialmente com prednisona em dose de 1 a 2 mg/kg de peso por 4 a 6 semanas. Pacientes não respondedores necessitam de outras medicações e a escolha geralmente é pela azatioprina, em dose de 50 a 200 mg/dia. A pulsoterapia com metilprednisolona deve ser indicada para casos graves, aos quais se requer uma resposta mais rápida. Imunoglobulina intravenosa é eficaz em pacientes com a......

Ver Índice

29/06/2011

Casos Clínicos

Hiperaldosteronismo primário

...fícios de IECA no tratamento de nefropatias não diabéticas. Apresentação e posologia Existem inúmeros tipos de IECA, com várias apresentações e posologias, como se pode observar na Tabela 3. Tabela 3. Posologia e apresentações dos IECA Droga Nome comercial® Apresentação Posologia* Captopril Capoten 12,5/25/50 mg 50 a 300 mg (2 a 3 x/dia) 5 a 40 mg (1 ......

Ver Índice

05/04/2009

Casos Clínicos

Diabetes ambulatorial

...ntada aqui recentemente (Manejo da Hiperglicemia no Diabetes tipo 2. Diretrizes da ADA e AEED) Tabela 2: Medidas para controle da glicemia (Associação Europeia de Estudo do Diabetes) Atividade física e dieta para todos os pacientes. Se glicemia de jejum normal e HbA1C até um ponto acima do limite superior da normalidade para o método: acarbose ou metformina (metformina é mais pot......

Ver Índice

03/05/2009

Casos Clínicos

Insuficiência cardíaca ambulatorial

...erial sistêmica. Deve-se ter cuidado na associação dos IECA com medicações como a espironolactona e outros diuréticos poupadores de potássio devido ao risco de hipercalemia, embora a combinação de IECA e espironolactona seja de grande benefício no subgrupo de ICC com classe funcional 3 ou 4 ou com FE < 35%. O uso associado com inibidores das prostaglandinas, como a indometacina e possivelmente ......

Ver Índice

04/04/2010

Casos Clínicos

Insuficiência cardíaca descompensada

...e a longo prazo. Os pacientes que apresentam edema agudo de pulmão necessitam de diuréticos, nitratos, morfina e, eventualmente, drogas vasoativas. MEDICAÇÕES E MANEJO Pacientes nitidamente dispneicos à chegada, cianóticos e com má perfusão periférica devem ser encaminhados à sala de emergência. Monitoração cardíaca e oximetria, fornecimento de O2 por máscara ou cateter e acesso venoso, por......

Ver Índice

26/10/2017

Revisões

Hipertensão arterial sistêmica: foco no paciente idoso

...efeitos como tosse e angioedema que IECA. Indicação e nível de evidência Estão indicados no tratamento da HAS, ICC por disfunção sistólica e nefropatia diabética. São drogas caras, não devendo ser usadas como primeira escolha em nenhuma situação clínica. Na ICC, devem ser usadas caso haja contraindicação ou efeito adverso dos IECA. Na nefropatia diabética do diabetes tipo 2, têm sido......

Ver Índice

26/10/2017

Revisões

Hipertensão arterial sistêmica: foco no paciente idoso

...trada na Tabela 7. Tabela 7. Tratamento indicado com base nos fatores de risco Categoria de risco Estratégia Sem risco adicional Tratamento não medicamentoso isolado Risco adicional baixo Tratamento não medicamentoso isolado por até 6 meses. Se não atingir a meta, associar tratamento medicamentoso Risco adicional médio Tratamento não medicamentoso + medicame......

Ver Índice

Página:  de 1

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal

×

Em função da pandemia do Coronavírus informamos que não estaremos prestando atendimento telefônico temporariamente. Permanecemos com suporte aos nossos inscritos através do e-mail info@medicinanet.com.br.