FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Índice

Maleato de Enalapril

Última revisão: 16/05/2010

Comentários de assinantes: 0

>Reproduzido de:>>>>>

>Formulário Terapêutico Nacional 2008: Rename 2006 [>Link Livre para o Documento Original>>]>>>>>

>Série B. Textos Básicos de Saúde>>>>>

>MINISTÉRIO DA SAÚDE>>>>>

>Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos>>>>>

>Departamento de Assistência Farmacêutica e Insumos Estratégicos>>>>>

>Brasília / DF2008>>>>>

>>> >>>>

>>Maleato de Enalapril>>>>>

>> >>>

>Silvio Barberato Filho>>>>>

>Luciane Cruz Lopes>>>>>

>>> >>>>

>>Na Rename 2006: itens 13.1, 13.3 e 13.4.5>>>>>

>>> >>>>

>>APRESENTAÇÃO>>>>>>>

>      >>>Comprimidos 5 mg e 20 mg.>>>>

>>> >>>>

>>INDICAÇÕES>1,5,7>>>>>>>>

>      >>>Insuficiência cardíaca congestiva.>>>>

>      >>>Cardiopatia isquêmica.>>>>

>      >>>Hipertensão arterial sistêmica.>>>>

>>> >>>>

>>CONTRA-INDICAÇÕES>1,5,7>>>>>>>>

>      >>>Hipersensibilidade ao enalapril ou outros inibidores da ECA.>>>>

>      >>>Gravidez.>>>>

>      >>>Doença renovascular.>>>>

>      >>>Angioedema induzido por inibidores da ECA.>>>>

>      >>>Angioedema hereditário ou idiopático.>>>>

>>> >>>>

>>PRECAUÇÕES>1,4,5,7>>>>>>>>

>      >>>Usar as menores doses cabíveis em pacientes com hiponatremia, hipovolemia, diminuição de função renal (ver apêndice D) ou recebendo diuréticos.>>>>

>      >>>Monitorar pressão arterial após a primeira dose.>>>>

>      >>>Monitorar níveis de potássio, especialmente se houver insuficiência renal.>>>>

>      >>>Insuficiência hepática (ver apêndice C).>>>>

>      >>>Evitar escalonamento rápido de doses.>>>>

>      >>>Pode causar tosse seca e persistente, principalmente em mulheres idosas.>>>>

>      >>>Cautela com pacientes com história de alergias, pois pode haver angioedema mesmo após primeira dose.>>>>

>      >>>Segurança e eficácia não estabelecidas em pacientes pediátricos.>>>>

>      >>>Categoria de risco na gravidez (FDA): C para o primeiro trimestre e D para o segundo e terceiro trimestres (ver apêndice A).>>>>

>> >>>

>>ESQUEMAS DE ADMINISTRAÇÃO>1,5>>>>>>>>

>Adultos>>

>>Insuficiência Cardíaca Congestiva>>>>>>>

>      >>>2,5 mg por dia, por via oral, a cada 24 horas.>>>>

>      >>>Aumentar a dose a cada 2 a 4 semanas até alcançar a dose usual de manutenção de 20 mg/dia, dada em dose única ou dividida em duas doses.>>>>

>      >>>Dose máxima: 40 mg/dia.>>>>

>> >>>

>>Cardiopatia Isquêmica>>>>>>>

>      >>>2,5 mg, por via oral, a cada 12 horas; dose máxima: 20 mg/dia.>>>>

>>> >>>>

>>Hipertensão Arterial Sistêmica>>>>>>>

>      >>>5 a 40 mg/dia, por via oral, a cada 12 ou 24 horas.>>>>

>>> >>>>

>>Ajuste de Dose em Insuficiência Renal e Diálise>>>>>>>

>      >>>DCE de 30 a 80 mL/minutos: 5 mg/dia; máximo de 40 mg/dia.>>>>

>      >>>DCE inferior a 30 mL/minutos: 2,5 mg/dia; titular dose até controlar pressão sangüínea.>>>>

>      >>>Hemodiálise: dose inicial de 2,5 mg nos dias de diálise. Nos demais dias, a dose deve ser ajustada em função da pressão sangüínea.>>>>

>      >>>Diálise peritonial: não necessidade de ajuste de dose.>>>>

>      >>>Hemofiltração contínua: administrar de 75 a 100% da dose usual.>>>>

>> >>>

>>ASPECTOS FARMACOCINÉTICOS CLINICAMENTE RELEVANTES>4,5,6>>>>>>>>

>      >>>Absorção não é influenciada pela presença de alimentos.>>>>

>      >>>Duração da ação: 12 a 24 horas (via oral, dose única ou doses múltiplas).>>>>

>      >>>Pico de efeito: 4 a 6 horas.>>>>

>      >>>Meia-vida de eliminação: 1,3 horas; enalaprilate (metabólito ativo): 11 horas.>>>>

>      >>>Metabolismo: hepático.>>>>

>      >>>Excreção: renal.>>>>

>>> >>>>

>>EFEITOS ADVERSOS>1,2,4,5>>>>>>>>

>      >>>Hipotensão, taquicardia, dor no peito, angioedema.>>>>

>      >>>Náusea, vômito, diarréia, dor abdominal, angioedema intestinal.>>>>

>      >>>Tonturas, astenia, vertigens, cefaléia, anorexia.>>>>

>      >>>Insuficiência hepática.>>>>

>      >>>Alteração de função renal.>>>>

>      >>>Prurido, >rash>.>>>>

>      >>>Hipercalemia.>>>>

>      >>>Tosse.>>>>

>>> >>>>

>>INTERAÇÕES MEDICAMENTOSAS>5,7>>>>>>>>

>      >>>Uso concomitante de inibidores da ECA com diuréticos poupadores de potássio ou suplemento de potássio pode resultar em hipercalemia.>>>>

>      >>>Uso concomitante de enalapril com ácido acetilsalicílico ou AINEs pode resultar em diminuição da eficácia do enalapril.>>>>

>      >>>Uso concomitante de enalapril e diuréticos de alça ou diuréticos tiazídicos pode resultar em hipotensão postural (primeira dose).>>>>

>      >>>Uso concomitante de enalapril e azatioprina pode resultar em mielossupressão.>>>>

>      >>>Uso concomitante de enalapril e trimetoprima pode resultar em hipercalemia.>>>>

>      >>>Uso concomitante de enalapril e rifampicina pode resultar em diminuição da eficácia de enalapril.>>>>

>      >>>Uso concomitante de enalapril e capsaicina pode resultar em aumento da tosse.>>>>

>      >>>Uso concomitante de enalapril e metformina pode resultar em acidose lática hipercalêmica.>>>>

>      >>>Uso concomitante de enalapril e bupivacaína pode resultar em bradicardia e hipotensão com perda de consciência. O uso pode ser mantido até o final da cirurgia, mas o paciente deve ser monitorado cuidadosamente e instabilidade hemodinâmica deve ser tratada apropriadamente.>>>>

>      >>>Uso concomitante de enalapril e clomipramina pode resultar em toxicidade por clomipramina (confusão, insônia, irritabilidade).>>>>

>> >>>

>>ORIENTAÇÕES AOS PACIENTES>5>>>>>>>>

>      >>>Evitar uso excessivo de alimentos que contém potássio, inclusive substitutos do sal contendo potássio e suplementos dietéticos.>>>>

>      >>>Orientar para a exigência de cautela na realização de atividades que exigem atenção e coordenação motora, como operar máquinas e dirigir veículos.>>>>

>> >>>

>>ASPECTOS FARMACÊUTICOS>5,7>>>>>>>>

>      >>>Armazenar preferencialmente entre 15 e 30°C. Proteger de calor, umidade e luz direta.>>>>

>> >>>

>>SOBRE OS DIREITOS AUTORAIS DO DOCUMENTO>>>>>>>

>Consta no documento:>>>>

>Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução parcial ou total desta obra, desde que citada a fonte e que não seja para venda ou qualquer fim comercial.”>>>>

>O objetivo do site MedicinaNet e seus editores é divulgar este importante documento. Esta reprodução permanecerá aberta para não assinantes indefinidamente.>>>>

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal