FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Caso 7" obteve 2433 resultados.

Página:  de 244

27/01/2015

Casos Clínicos

Caso Clínico – Qual o diagnóstico hematológico deste caso?

... - Tempo de Tromboplastina Parcial Ativada (R): 1,33 - Fibrinogênio: 60 mg/dL (de 150 a 400 mg/dL); - D-dímero: > 10000 ng/mL FEU (Inferior a 500 ng/mL FEU). Diagnóstico e Discussão Os grandes achados laboratoriais desta paciente são coagulograma alargado, com aumento do TP, TTPa e TT, além de queda nos valores de fibrinogênio e grande valor de D-dímero. Além disso, a paciente tem uma an......

Ver Índice

01/03/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Rubéola e Síndrome da Rubéola Congênita

...nação e elevadas coberturas vacinais (95%) atingidas na faixa etária de 1 a 11 anos, entre os anos de 1992 a 2000. Entre o periodo de 2006 e 2007, foram confirmados 20 casos de SRC, em decorrência de surtos de Rubéola ocorridos no país. Com o objetivo de eliminar a ocorrência desta síndrome no país, foi realizada, em 2008, campanha de vacinação em massa (vacina dupla viral - VD), para a faixa etár......

Ver Índice

01/03/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Rubéola e Síndrome da Rubéola Congênita

...neoplasias; historia de reação anafilática em dose anterior (contra Sarampo ou Rubéola ou caxumba) ou a qualquer componente da vacina. - Falsas contraindicações: HIV positivos, assintomáticos, contato intimo com pacientes imunodeprimidos; vacinação recente com a vacina oral contra a Poliomielite; exposição recente ao Sarampo. - Situações em que se recomenda o adiamento da vacinação – t......

Ver Índice

12/08/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Sarampo

... e não há descamação. Dengue – caracteriza-se por início súbito, com febre, cefaléia intensa, mialgias, artralgias, dor retroorbital e dor abdominal difusa. Alguns casos podem cursar também com erupção maculopapular generalizada, que aparece freqüentemente com o declínio da febre. É também uma doença de natureza viral. Enteroviroses (coxsackioses e echoviroses) e ricketioses – para o diagnóstico......

Ver Índice

08/08/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Raiva

...omas prodrômicos, antecedentes epidemiológicos e vacinais. No exame físico, frente à suspeita clínica, observar atentamente o fácies, presença de hiperacusia, hiperosmia, fotofobia, aerofobia, hidrofobia e alterações do comportamento. Diagnóstico Laboratorial A confirmação laboratorial em vida, dos casos de raiva humana, pode ser realizada pelo método de imunofluorescência direta (IFD) em imp......

Ver Índice

07/08/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Leishmaniose Visceral

...r que a Leishmania ou alguns de seus antígenos estão presentes no organismo infectado durante longo tempo, depois da infecção inicial. Esta hipótese apoia-se no fato de que indivíduos que desenvolvem alguma imunossupressão podem apresentar quadro de leishmaniose visceral muito além do período habitual de incubação. ASPECTOS CLÍNICOS E LABORATORIAIS Manifestações Clínicas A infecção pela L.(L......

Ver Índice

03/07/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Hanseníase

...o da prednisona – no mesmo esquema estabelecido na reação Tipo 1 – quando ocorrer reação Tipo 2 nas seguintes situações: » mulheres em idade fértil; » comprometimento neural; » irite ou iridociclite; » orquiepididimite; » mãos e pés reacionais; » nefrite; » eritema nodoso necrotizante; » vasculite (fenômeno de Lúcio). Deve-se levar em consideração a grav......

Ver Índice

11/05/2009

Revisões

Influenza A (H1N1) - Protocolo de Procedimentos  (Livre)

...ão sejam do trato respiratório, para subsidiar o diagnóstico diferencial, conforme hipóteses clinicas elencadas no Hospital de Referência, adotando-se as medidas de biossegurança preconizadas para cada situação. · As amostras de secreção respiratória coletadas dos pacientes em monitoramento deverão ficar armazenadas nos laboratórios de referência, devendo ser processadas somente após nova cl......

Ver Índice

28/06/2009

Revisões

Influenza A (H1N1) - Protocolo de Procedimentos - versão 5

...víduos classificados como caso suspeito, acompanhadas das fichas de investigação epidemiológica, devidamente preenchidas. 5. Fluxo de envio de resultados • Laudos com resultados negativos para o novo vírus Influenza A(H1N1) ou conclusivos para outros tipos de influenza devem seguir, alem do fluxo normal de informação, para os seguintes e-mails: gtcrise@saude.gov.br; cglab@saude.gov.br e ......

Ver Índice

03/07/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Difteria

... com experiência clínica com o seu uso orientam o preparo do xarope a 10%, dissolvendo-se 100 g de DL-carnitina em 100 ml de água destilada quente e completando-se o volume de 1.000 ml com xarope simples. Nessa fórmula há 500 mg/5 ml do princípio ativo (Sakane, 2002). Tratamento das Complicações Diftéricas A observação do paciente com difteria deve ser contínua. Insuficiência respiratória – ......

Ver Índice

Página:  de 244

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal

×
×

Em função da pandemia do Coronavírus informamos que não estaremos prestando atendimento telefônico temporariamente. Permanecemos com suporte aos nossos inscritos através do e-mail info@medicinanet.com.br.