FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Cisto e Massa Anexial" obteve 5 resultados.

Página:  de 1

09/05/2010

Revisões

Cisto e Massa Anexial

...ém podem determinar sinais de virilização. Os fibromas têm idade média de ocorrência de 48 anos, sendo menos frequente que os demais (6,4% dos casos) e podem estar associados à ocorrência de ascite (10 a 40% dos casos) e, inclusive, com derrame pleural (síndrome de Meigs). Mulheres na Pós-menopausa Sabe-se que 90% das mulheres entram na menopausa entre os 50 e 55 anos de idade. Nesse grupo ......

Ver Índice

24/05/2016

Casos Clínicos

Cisto Anexial

...to gastrointestinal; e carcinomas nas trompas de falópio. As etiologias nãomalignas incluem: cistadenomas, leiomiomas, endometriomas e hidrossalpinge. A doença diverticular deve ser considerada na mulher mais velha que se apresenta com febre, dor pélvica do lado esquerdo e uma massa pélvica em exame pélvico ou ultrassom. Cistos simples não são incomuns na pós-menopausa. Eles provavelmente represe......

Ver Índice

10/05/2018

Revisões

Doença Inflamatória Pélvica

...ui vagina, útero, ovários e trompas em geral, adquirida de forma ascendente via vaginal. A DIP é a infecção grave mais comum em mulheres sexualmente ativas com idade entre 16 e 25 anos. Ela inclui salpingite, endometrite, miometrite, parametrite, ooforite e abscesso tubo-ovariano, e pode se estender para produzir periapendicite, peritonite pélvica e peri-hepatites (síndrome de Fitz-Hugh-Curtis). ......

Ver Índice

21/06/2018

Temas selecionados

Doença Inflamatória Pélvica

...imples tipo 2 causa inflamação tubária e ulceração do trato inferior que pode interromper a barreira mucosa do canal endocervical. A infecção pelo vírus 1 da imunodeficiência humana (HIV-1), por sua vez, está associada a uma incidência aumentada de infecção por Chlamydia trachomatis, Candida e papilomavírus humano e aumento do risco de progressão para DIP. A maioria dos casos de DIP (85%) é origi......

Ver Índice

20/03/2012

Artigos

Ultrassonografia para distinguir massas anexiais begninas e malignas

...s 4 formações papilares; M4: tumor multilocular maior que 10 cm; M5: fluxo sanguíneo ao Doppler elevado) e 5 de benignidade (B1: cisto unilocular; B2: componente sólido menor que 7 mm; B3: sombra acústica; B4: tumor liso multilocular menor que 10 cm; B5: ausência de fluxo ao Doppler). Com base na combinação das características apresentadas, uma massa poderia ser classificada como benigna, maligna ......

Ver Índice

Página:  de 1

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal

×
×

Em função da pandemia do Coronavírus informamos que não estaremos prestando atendimento telefônico temporariamente. Permanecemos com suporte aos nossos inscritos através do e-mail info@medicinanet.com.br.