FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Dilacoron" obteve 9 resultados.

Página:  de 1

11/02/2015

Remédios

Verapamil

...ias periféricas e as arteríolas; reduz a frequência cardíaca, a contratilidade do miocárdio e a condução átrio-ventricular. Absorção: gastrintestinal (90%). Biotransformação: no fígado (principal metabólito ativo é o norverapamil). Ação - início - Via oral: 1 a 2 horas; Intravenoso: 1 a 5 minutos (efeitos antiarrítmicos); 3 a 5 minutos (efeitos hemodinâmicos). Eliminação: urina (70%, como metabóli......

Ver Índice

29/08/2012

Casos Clínicos

fenômeno de Raynaud

...os bloqueadores dos canais de cálcio. A associação com fentanil pode causar hipotensão grave. A associação com betabloqueadores e amiodarona pode aumentar os efeitos adversos cardiovasculares, particularmente com os não di-hidropiridínicos. O uso concomitante com digoxina, teofilina e ciclosporina pode aumentar o nível sérico destas drogas. Bloqueadores do canal de cálcio podem aumentar a sensibil......

Ver Índice

25/10/2009

Casos Clínicos

Hipercalemia

... Em insuficiência renal aguda causada por rabdomiólise, também é utilizado para aumentar diurese na fase oligúrica da insuficiência renal, embora sem evidências de benefício; · promoção de excreção urinária de toxinas; · manejo da hipertensão intracraniana; · manejo do aumento da pressão intraocular. Posologia e Modo de Uso A dose, a concentração e a velocidade de adm......

Ver Índice

16/11/2008

Casos Clínicos

Insuficiência renal crônica

... A meta é deixar a hemoglobina entre 11 a 12 g/dL. · Aumento previsto de 1 a 2 g/dL em 4 semanas. Ou Alfa-Darbepoietina · Dose semanal: 0,45 µg/kg de peso, IV ou SC · Dose a cada duas semanas: 0,75 µg/kg de peso, IV ou SC. · A meta é deixar a hemoglobina entre 11 a 12 g/dL. Ferro · Monitorizar a saturação de transferrina e os estoques corp......

Ver Índice

29/06/2011

Casos Clínicos

Hiperaldosteronismo primário

...nesemia ou tolerância anormal a glicose podem estar presentes, sendo a última descrita em até um quarto dos pacientes. Outras anormalidades laboratoriais comuns são alcalose metabólica leve com hipernatremia relativa, que provavelmente decorre da liberação de vasopressina secundária ao aumento do volume plasmático ou anormalmente induzida por hipocalemia na liberação e ação da vasopressina. Um ac......

Ver Índice

26/10/2017

Revisões

Hipertensão arterial sistêmica: foco no paciente idoso

... tratamento de diabéticos com nefropatia diabética (particularmente diabéticos do tipo 1 com microalbuminúria), no tratamento da insuficiência cardíaca congestiva por disfunção sistólica, no pós-infarto com disfunção ventricular e em pacientes com risco cardiovascular elevado, conforme demonstrou o estudo HOPE. Também há benefícios de IECA no tratamento de nefropatias não diabéticas. Apresenta......

Ver Índice

26/10/2017

Revisões

Hipertensão arterial sistêmica: foco no paciente idoso

...antidade e da frequência da ingestão de etanol. O efeito do consumo leve a moderado de etanol não está definitivamente estabelecido. Verifica-se redução média de 3,3 mmHg (2,5 a 4,1 mmHg) na pressão sistólica e 2 mmHg (1,5 a 2,6 mmHg) na pressão diastólica com a redução no consumo de etanol. Sedentarismo Indivíduos sedentários apresentam risco cerca de 30% maior de desenvolver HAS. ......

Ver Índice

20/04/2009

Casos Clínicos

Angina estável

...o. Em pacientes com angina estável a literatura não conseguiu mostrar diferenças entre o uso de beta-bloqueadores e bloqueadores dos canais de calcio, mas considerando-se o maior benefício com os beta-bloqueadores em pacientes com angina instável, este se torna a droga de primeira linha para terapia anti-anginosa. A dose dos beta-blloqueadores deve ser ajustada para manter frequência cardíaca ao r......

Ver Índice

15/12/2009

Casos Clínicos

Taquiarritmias e Medicações Antiarrítmicas

...o QRS (não ultrapassar 50% de aumento) até a arritmia ser suprimida. A dose de manutenção é de 2 a 6 mg/min. 4. Efeitos adversos Gastrintestinais, psicose, alucinações, depressão, rash cutâneo, artralgia, vasculite, febre, agranulocitose. A reação adversa mais temida é o aparecimento de uma síndrome semelhante ao lúpus eritematoso sistêmico (30% dos casos com uso por mais de 6 meses). ......

Ver Índice

Página:  de 1

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal

×
×

Em função da pandemia do Coronavírus informamos que não estaremos prestando atendimento telefônico temporariamente. Permanecemos com suporte aos nossos inscritos através do e-mail info@medicinanet.com.br.