FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Doenca Cardiaca Congenita em Adultos" obteve 112 resultados.

Página:  de 12

05/07/2018

Revisões Internacionais

Doença Cardíaca Congênita em Adultos

.... Na presença de seio coronariano sem teto, a VCSE persistente drena efetivamente para o interior do átrio esquerdo, resultando em um grande potencial de embolização sistêmica de trombos venosos. A Figura 6 mostra um angiograma de uma veia cava superior esquerda persistente. VCSE: veia cava superior esquerda. Figura 6 - Angiograma de uma VCSE persistente (seta branca) drenando para o in......

Ver Índice

11/11/2015

Biblioteca Livre

F

...urgimento de exantema, transtorno respiratório, vertigem, palpitação, paladar estranho na boca, dor, edema ou sensibilidade no lugar da injeção. Aspectos farmacêuticos t Manter à temperatura ambiente, entre 15 e 30 oC. Não congelar. Proteger da luz. t Cuidado: a fórmula do medicamento determina a via de administração, verificar informação com o produtor. t Observar orientação específica do ......

Ver Índice

11/11/2015

Biblioteca Livre

B

... síndrome do desconforto respiratório em neonatos prematuros t Primeira dose, 100 mg/kg, por via intratraqueal; injetar lentamente um quarto da dose, remover o cateter e ventilar manualmente por 30 segundos ou até estabilidade, reintroduzir o cateter e injetar os três quartos restantes da dose; aspiração endotraqueal ou outra ação corretora não é necessária, a não ser que haja sinais claros de ob......

Ver Índice

26/06/2017

Revisões

Morte Cardíaca Súbita

... de alta energia devem decair de forma relativamente lenta durante a bradiassistolia. Isso deve, teoricamente, resultar em uma elevada incidência de retorno da circulação espontânea após a restauração de um ritmo mais normal (por exemplo, com o uso precoce de estimulação elétrica). Não está claro por que o tratamento convencional da parada cardíaca bradiassistólica com atropina, epinefrina ou mar......

Ver Índice

03/10/2013

Revisões Internacionais

Doenças do músculo e da junção neuromuscular – Marinos C. Dalakas

...eleções esporádicas de DNA mitocondrial (mtDNA) Síndrome de Kearns-Sayre (SKS) e oftalmoplegia externa progressiva crônica (OEPC) A SKS acomete pacientes com menos de 20 anos de idade e causa oftalmoplegia, ptose, retinite pigmentosa e enfraquecimento miopático. É comum a ocorrência de baixa estatura, defeitos de condução cardíaca, níveis elevados de proteína no líquido cerebrospinal, ......

Ver Índice

31/01/2014

Revisões Internacionais

Cardiopatia valvar – Miriam S. Jacob, Brian P. Griffin

... American Association for Thoracic Surgery, American College of Radiology, American Stroke Association, Society of Cardiovascular Anesthesiologists, Society for Cardiovas­cular Angiography and Interventions, Society of Interven­tional Radiology, Society of Thoracic Surgeons, and Society for Vascular Medicine. Circulation 2010;121:e266– 369. 112. Wang A, Harrison JK, Bashore TM. Balloo......

Ver Índice

11/11/2015

Biblioteca Livre

S

...al e a falta de um mecanismo excretor para o excesso de ferro são a causa para a sobrecarga corporal do mineral com a sua ingestão excessiva na terapia e repetidas transfusões. Efeitos adversos t Obstipação ou diarreia, fezes escuras, irritação gastrintestinal, pirose. t Náusea (frequente) e dor epigástrica estes sintomas são dose-dependente. t Hemossiderose (em terapia prolongada ou admin......

Ver Índice

11/11/2015

Biblioteca Livre

D

...ão, marcar o local em que o dedo indicador toca a sínfise púbica; retirar os dedos da vagina e medir o diâmetro aproximado; partindo de um número inferior ao diâmetro aproximado, determinado pelo toque vaginal, experimentar as variações de 5 em 5 mm, por meio dos anéis de prova ou, na ausência destes, de um jogo de diafragmas de amostra. t Os diafragmas devem ser experimentados um a um até encont......

Ver Índice

26/06/2014

Revisões

Hipertensão pulmonar

...nte no regime de BCC, deve-se realizar tratamento com os fármacos mais específicos, alvodirecionados, conforme classe funcional ou parâmetros de prognósticos: graus de recomendação I, IIa, IIb, III; graus de evidência A, B, C.1,11 •Classe funcional II e melhor prognóstico: I-A: ambrisentan, bosentana, sildenafil, sem ordem de preferência; I- B: tadalafil (B); IIa-C: sitaxsentan. •Classe funciona......

Ver Índice

08/07/2010

Casos Clínicos

Anemias

...tilizar a tabela de equivalência de doses para os outros corticoides (Tabela 8). Tabela 8: Equivalências sistêmicas dos corticoides Glicocorticoide Classificação na gravidez Dose equivalente (mg) Potência anti-inflamatória relativa Potência mineralocorticoide relativa Ligação proteica (%) Meia-vida plasmática (min) Meia-vida biológica (h) Ação rápida Cor......

Ver Índice

Página:  de 12

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal |

×
×

Em função da pandemia do Coronavírus informamos que não estaremos prestando atendimento telefônico temporariamente. Permanecemos com suporte aos nossos inscritos através do e-mail info@medicinanet.com.br.