FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Doencas Frequentes da Vulva" obteve 27 resultados.

Página:  de 3

14/02/2009

Revisões

Doenças Frequentes da Vulva

...fecção da glândula de Bartholin é geralmente clínico, pois o quadro é típico: uma massa amolecida unilateral no terço inferior do introito vaginal, entre o vestíbulo e o grande lábio. A flora é geralmente mista, mas alguns patógenos específicos, como o gonococo, podem ser encontrados. O tratamento adequado consiste na drenagem do abscesso no momento apropriado, após maturação desse. Até então, a p......

Ver Índice

14/02/2009

Revisões

Doenças Frequentes da Vulva

...as. Hemangiomas e varizes vulvares Coloração vermelha ou roxa, dor em posição ortostática prolongada. Verrugas Genitais Verrugas exofíticas genitais são uma manifestação benigna comum da infecção pelo vírus HPV de baixo risco e ocorrem mais frequentemente em pequenos lábios, fúrcula, região perianal e períneo. O aspecto é geralmente clássico e a biópsia para confirmação diagnóstica......

Ver Índice

25/10/2009

Biblioteca Livre

8 Infecção pelo Papilomavírus Humano (HPV)

...a ausência de evidências de lesão intra-epitelial, repetir a colpocitologia anualmente. Somente as portadoras de atipias à colpocitologia devem ser referidas para colposcopia e biópsia dirigida. Considerando a elevada prevalência de lesão intra-epitelial em portadoras do HIV (até 10 vezes maior), algumas mulheres portadoras de lesão intra-epitelial podem ser portadoras do HIV ainda sem diagnóstico......

Ver Índice

25/10/2009

Biblioteca Livre

5 Síndromes Clínicas Principais

... das recorrências é menos intenso que o observado na primo-infecção, precedido de pródromos característicos: aumento de sensibilidade, prurido, “queimação”, mialgias, e “fisgadas” nas pernas, quadris e região anogenital. O diagnóstico diferencial deve ser feito com o cancro mole, a sífilis, o linfogranuloma venéreo, a donovanose e as ulcerações traumáticas. O diagnóstico citológico de Tzanck (vis......

Ver Índice

11/11/2016

Revisões Internacionais

Infeccoes Micoticas em Hospedeiros Comprometidos

...As formulações lipídicas são menos nefrotóxicas, embora tenham custo mais elevado; a dosagem varia de acordo com a formulação. Fluconazol 6-12mg/Kg IV diariamente até a resolução da febre e o líquido peritoneal parecer menos infectado, por um período mínimo de 3-4 semanas, após a última cultura positiva. Agente de primeira escolha. Pode ser usado como manutenção ap......

Ver Índice

05/06/2009

Biblioteca Livre

Co-morbidades e Co-infecções no paciente com HIV

...ta virológica sustentada (RVS) do HCV (definida como RNA-HCV indetectável na 24ª semana após o término do tratamento) e supressão da carga viral do HIV. Na co-infecção HIV/HCV, o tratamento corrente consiste na associação do Interferon alfa peguilado à ribavirina, pois ensaios clínicos comparando-o com o interferon convencional têm demonstrado a superioridade do primeiro na obtenção de melhores t......

Ver Índice

30/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Infecção pelo Papiloma Vírus Humano (HPV)

... indolores, com tamanho variável. Condiloma gigante (Buschke-Loewenstein), assim como papulose bowenoide, são raros. Sinonímia Verruga venérea, verruga genital, cavalo de crista, crista de galo e condiloma acuminado. Agente Etiológico Papilomavírus humano (HPV). Vírus DNA não cultivável da família do Papovavirus, com mais de 70 sorotipos. Esses agentes ganharam grande importância epidemi......

Ver Índice

30/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Infecção pelo Papiloma Vírus Humano (HPV)

...plicação ou que se limite a área tratada em até 10cm2 por sessão. Para reduzir a irritação no local, sugere-se que a área tratada seja lavada com água morna e sabão neutro, 1 a 4 horas após a aplicação da solução. Recomenda-se aplicar ao redor das lesões que serão cauterizadas a vaselina liquida, isolando a pele circunjacente a lesão. Repetir semanalmente, se necessário. Eletrocauterização ou crio......

Ver Índice

30/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

herpes simples

...ato sexual (inclusive oro-genital). A transmissão pode se dar, também, pelo contato direto com lesões ou objetos contaminados. Caracteriza-se pelo aparecimento de lesões vesiculosas que, em poucos dias, transformam-se em pequenas úlceras, precedidas de sintomas de ardência, prurido e dor. Acredita-se que a maioria dos casos de transmissão ocorre a partir de pessoas que não sabem que estão infectad......

Ver Índice

30/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

herpes simples

...minação por aerossóis ou fômites seja rara. O vírus ganha acesso através de escoriações na pele ou contato direto com a cérvice uterina, uretra, orofaringe ou conjuntiva. A transmissão assintomatica também pode ocorrer, sendo mais comum nos primeiros 3 meses após a doença primária, quando o agente etiológico é o HSV-2, e na ausência de anticorpos contra o HSV-1. Período de Incubação De 1 a 26......

Ver Índice

Página:  de 3

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A

Cnpj: 11.012.848/0001-57

info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal

×
×

Em função da pandemia do Coronavírus informamos que não estaremos prestando atendimento telefônico temporariamente. Permanecemos com suporte aos nossos inscritos através do e-mail info@medicinanet.com.br.