FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Intubacao de Sequencia Rapida" obteve 42 resultados.

Página:  de 5

Aulas

Sequência rápida de intubação - 25 min

...Aula gravada durante a Jornada de Emergências da Santa Casa de São Paulo, ocorrida em 25/3/2012. Nesta aula, o dr. Rogério Pecchini fala sobre a abordagem da via aérea pediátrica na emergência.......

Conteúdo em vídeo

18/07/2016

Artigos

Quetamina pode gerar hipotensão em sequência rápida de intubação

...ica, esse estudo utilizou um ponto de corte no índice de choque (shock-index) que demonstra claramente que a hipotensão ocorre com quetamina, dependendo das condições hemodinâmicas do paciente. Precisaríamos de um estudo randomizado para definir melhor essa questão, mas em se tratando de um estudo prospectivo, pelo menos temos a possibilidade de verificar que a quetamina não é exatamente uma drog......

Ver Índice

26/04/2018

Revisões

Intubação de Sequência Rápida

...a deve adquirir. A intubação de sequência rápida (ISR) é a pedra angular do manejo moderno das vias aéreas na emergência e é definido como a administração quase simultânea de um agente sedativo potente (indução) e de um bloqueador neuromuscular, geralmente succinilcolina ou rocurônio, para criar condições ideais para intubação traqueal. Essa abordagem minimiza o risco de aspiração de conteúdo gás......

Ver Índice

18/06/2012

Artigos

O que é melhor na sequência rápida de intubação: rocurônio ou succinilcolina?

...lcolina promoveu paralisia 5 segundos antes do rocurônio, porém isso não mostrou relevância clínica, e as condições de intubação foram similares com as duas drogas. Um estudo retrospectivo de 327 casos de setor de emergência também não mostrou diferenças de resultados entre os dois fármacos. A revisão da Cochrane também não encontrou diferenças entre os dois bloqueadores quanto às condições de int......

Ver Índice

17/08/2018

Revisões

Via Aérea Difícil

...tireotomia difícil (Mnemônico Smart). Um paciente que exibe as características óbvias de via aérea difícil tem uma correlação muito grande com uma intubação desafiadora, embora o emergencista deva estar sempre preparado para uma via aérea difícil, porque algumas vias aéreas difíceis podem não ser identificadas por uma avaliação à beira do leito. As vias aéreas previstas como difíceis quando s......

Ver Índice

11/11/2015

Biblioteca Livre

C

... elevação das enzimas hepáticas ou ocorrência de icterícia durante o tratamento (monitorar função hepática; retirar imediatamente o captopril nesses casos). – doença vascular periférica; cardiomiopatia hiperrarófica; estenose de arteria aórtica ou renal; angioedema intestinal, de cabeça e de pescoço; cirurgia/anestesia. – história de alergias (atenção, pode ocorrer angioedema mesmo c......

Ver Índice

12/08/2015

Revisões Internacionais

Ressuscitação Cardíaca

...ximizada.95 Para manter a consistência das pressões ventilatórias e dos volumes, e para prevenir a hiperventilação, o que resulta na elevação da pressão intratorácica, é preferível o uso da ventilação mecânica do que a ventilação com bolsa e máscara. Os parâmetros ventilatórios devem ser ajustados baseados na gasometria arterial seriada.O transporte de oxigênio deve ser titulado para manter a satu......

Ver Índice

04/06/2018

Revisões

Outras Técnicas Para Manejo de Vias Aéreas

...itados. É necessária mais investigação para determinar as possíveis indicações e segurança da ISA. Intubação Nasotraqueal as Cegas Historicamente, a intubação nasotraqueal cega foi amplamente utilizada no DE e fora do hospital, mas caiu fora em grande parte devido à superioridade da ISR em diversos estudos. A intubação nasotraqueal raramente deve ser utilizada, mas pode ser potencialmente ......

Ver Índice

27/12/2009

SEÇÃO A – MEDICAMENTOS USADOS EM MANIFESTAÇÕES GERAIS DE DOENÇAS

Cloridrato de Lidocaína

...300 mg) de solução a 1%. • Para a manutenção da anestesia epidural ou caudal a dose máxima não deve ser repetida em intervalos inferiores a 1,5 horas. • Seqüência rápida de intubação, pré-indução: 1,5 mg/kg, por via intravenosa, 2 a 3 minutos antes da intubação. • Exame uretral feminino: administrar de 60 a 100 mg de gel a 2% dentro da uretra minutos antes do exame. • Exame......

Ver Índice

03/09/2013

Artigos

Fatores que afetam o sucesso de uma intubação orotraqueal na primeira tentativa

...a 7,72); · ser um residente de emergência de 2º a 4º ano ou ser um médico assistente da emergência (OR=2,39; IC95% 1,61 a 3,55); · uso de sequência rápida de intubação (OR=2,06; IC95% 1,04 a 3,03). Para médicos que não eram emergencistas, apenas o fato de NÃO ser uma via aérea difícil se associou com o sucesso de intubação na primeira tentativa (OR=3,10; IC95% 1,82 a 5,28). Apl......

Ver Índice

Página:  de 5

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal

×
×

Em função da pandemia do Coronavírus informamos que não estaremos prestando atendimento telefônico temporariamente. Permanecemos com suporte aos nossos inscritos através do e-mail info@medicinanet.com.br.