FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Índice

Artroplastia Total do Quadril ou Hemiartroplastia Para Fratura do Quadril

Autor:

Lucas Santos Zambon

Doutorado pela Disciplina de Emergências Clínicas Faculdade de Medicina da USP; Médico e Especialista em Clínica Médica pelo HC-FMUSP; Diretor Científico do Instituto Brasileiro para Segurança do Paciente (IBSP); Membro da Academia Brasileira de Medicina Hospitalar (ABMH); Assessor da Diretoria Médica do Hospital Samaritano de São Paulo.

Última revisão: 16/03/2020

Comentários de assinantes: 0

Contexto Clínico

 

As fraturas de quadril estão entre as 10 principaiscausas de incapacidade em adultos, mundialmente falando. Para fraturasdeslocadas do colo do fêmur, permanece incerto o efeito de uma artroplastiatotal do quadril em comparação com a hemiartroplastia. Qual seria a melhoropção?

 

O Estudo

 

Apresentamos um estudo randomizado no qual foramaleatoriamente designados 1.495 pacientes com 50 anos de idade ou mais e comfratura do colo do fêmur deslocada para serem submetidos a artroplastia totaldo quadril ou hemiartroplastia. Todos os pacientes inscritos conseguiamdeambular sem a assistência de outra pessoa antes que a fratura ocorresse. Oestudo foi realizado em 80 centros em 10 países. O desfecho primário foi umprocedimento secundário do quadril dentro de 24 meses após o acompanhamento. Osdesfechos secundários incluíram morte, eventos adversos graves, complicaçõesrelacionadas ao quadril, qualidade de vida relacionada à saúde, função edesfechos gerais de saúde.

O desfecho primário ocorreu em 57 de 718 pacientes(7,9%) que foram designados aleatoriamente para artroplastia total do quadril eem 60 de 723 pacientes (8,3%) que foram designados aleatoriamente parahemiartroplastia (taxa de risco, 0,95; intervalo de confiança [IC] de 95%, 0,64a 1,40; P = 0,79). A instabilidade ou luxação do quadril ocorreu em 34pacientes (4,7%) designados para artroplastia total do quadril e em 17pacientes (2,4%) designados para hemiartroplastia (taxa de risco, 2,00; IC 99%,0,97 a 4,09). A função, medida com o escore total de Western Ontario e McMasterUniversities Osteoarthritis Index (WOMAC), o escore de dor, o escore de rigideze o escore de função, favoreceu modestamente a artroplastia total do quadril emvez da hemiartroplastia. A mortalidade foi semelhante nos dois grupos detratamento (14,3% entre os pacientes designados para artroplastia total doquadril e 13,1% entre os designados para hemiartroplastia, P = 0,48). Eventosadversos graves ocorreram em 300 pacientes (41,8%) designados para artroplastiatotal do quadril e em 265 pacientes (36,7%) designados para hemiartroplastia.

 

 

AplicaçãoPrática

 

Apesar de intuitivamente imaginarmos que umprocedimento parcial pudesse ser menos mórbido, e até mesmo benéfico, não foi oque vimos neste estudo. A conclusão deste ensaio clínico é a de que, entrepacientes com independência prévia de marcha e com fraturas deslocadas do colodo fêmur, a incidência de procedimentos secundários não diferiusignificativamente entre os pacientes que foram designados aleatoriamente paraserem submetidos à artroplastia total do quadril e aqueles que foram designadospara serem submetidos à hemiartroplastia. Os desfechos secundários não foramtão divergentes a ponto de fazerem a balança pender fortemente na direção dequalquer um dos procedimentos (apesar de apontarem mais na direção daartroplastia total). Aqui fica uma mensagem de que, muito provavelmente, aexperiência do cirurgião em realizar determinada técnica talvez seja o pontomais importante a se considerar, apesar de ser algo não explorado claramente noestudo.

 

Bibliografia

 

1.            The HEALTH Investigators. Total Hip Arthroplasty or Hemiarthroplasty forHip Fracture. N Engl J Med 2019; 381:2199-2208

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal

×

Em função da pandemia do Coronavírus informamos que não estaremos prestando atendimento telefônico temporariamente. Permanecemos com suporte aos nossos inscritos através do e-mail info@medicinanet.com.br.