FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Imunoglobulina g Humana" obteve 104 resultados.

Página:  de 11

22/01/2015

Remédios

Imunoglobulina G Humana Antitetânica

...omersal; queda acentuada de plaquetas no sangue. Avaliar riscos x Benefícios paciente que já recebeu antes outras aplicações de imunoglobulina humana (podem desenvolver hipersensibilidade). Reações mais comuns (sem incidência definida) angioedema (ver Apêndice); calafrios; dificuldade respiratória; dor muscular; dor transitória no local da injeção; febre; náusea; pressão no peito; proble......

Ver Índice

22/01/2015

Remédios

Imunoglobulina G Humana

...ante. hipogamaglobulinemia transitória prolongada, especialmente em crianças prematuras: 5 mL em intervalos de 4 semanas até que os valores de IgG atinjam níveis normais para a idade em questão. sarampo (prevenção): 0,25 mL/kg de peso corporal, se o tempo de exposição não foi superior a uma semana. Crianças imunocomprometidas expostas ao sarampo: 0,5 mL/kg de peso corporal. Cuidados especi......

Ver Índice

22/01/2015

Remédios

Imunoglobulina Humana

...unoglobulina G (IgG)]. Para que serve imunodeficiência primária; púrpura trombocitopênica idiopática; doença de Kawasaki (tratamento adjunto) Como se usa Uso injetável – Preparação Imunoglobulina humana (pó) 6 g – Infusão intravenosa Reconstituição e Diluição Atenção: siga as instruções da bula para utilizar os frascos que acompanham o produto. Diluente: Cloreto de Sódio 0,9%. Vol......

Ver Índice

23/07/2010

Medicamentos Injetáveis - Utilização Segura

Imunoglobulina G Humana Antitetânica

...tirar o produto da geladeira momentos antes da aplicação para que, no momento da administração, ele esteja à temperatura ambiente. • reações alérgicas devem ser tratadas com epinefrina (adrenalina) em solução a 1/1000. • não confundir este produto com o toxoide tetânico, que deve ser aplicado simultaneamente em locais diferentes do corpo, para produzir uma imunização ativa. • tom......

Ver Índice

23/07/2010

Medicamentos Injetáveis - Utilização Segura

Imunoglobulina Humana

...r. TEMPO DE INFUSÃO: lenta, após 15 a 30 minutos, aumentar a velocidade se o paciente tolerar. Imunoglobulina Humana (pó) 5 g – Infusão Intravenosa RECONSTITUIÇÃO Diluente: Glicose 5%, Cloreto de Sódio 0,9% ou Água Estéril para Injeção. Volume: concentração 30 a 120 mg/mL. Aparência da solução reconstituída: clara a incolor. A solução reconstituída deve estar aproximadamente em tempera......

Ver Índice

23/07/2010

Medicamentos Injetáveis - Utilização Segura

Imunoglobulina Anti-hepatite B

...efeitos colaterais/adversos, interações medicamentosas e formas de administração. REFERÊNCIA HEPATEC CP (Marcos Pedrilson); IVheBEX (LFB); GAMA ANTI-HEPATITE B GRIFOLS (Grifols). USO INJETÁVEL Injetável (solução) 100 UI/0,5 mL GAMA ANTI-HEPATITE B GRIFOLS Injetável (solução) 100 UI/2 mL HEPATEC CP Injetável (solução) 500 UI/10 mL HEPATEC CP Injetável (solução) 600 UI/3 mL ......

Ver Índice

08/08/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Raiva

...sanitários (federal, estadual ou municipal), devem retirar o animal do domicílio ou via pública; os animais sem vacinação prévia devem ser sacrificados, podendo-se abrir exceção quando existir a segurança de que o animal agredido tenha sido vacinado e esteja dentro do período de imunidade previsto para esse imunobiológico (1 ano). Se não for realizado o sacrifício, o animal agredido deve ser manti......

Ver Índice

05/02/2014

Revisões Internacionais

Leucemia aguda – Richard A. Larson

...stos; displasia de múltiplas linhagens (= 10% Das células em = 2 linhagens celulares mieloides); independente da contagem de sideroblastos anelares ARF com excesso de blastos–1 (ARFEB-1) 2 a 4% blastos 5 a 9% blastos; displasia de uma ou múltiplas linhagens ARF com excesso de blastos–2 (ARFEB-2) 5 a 19% blastos; pode haver corpúsculos de Auer 10 a 19% blastos ou corpúscu......

Ver Índice

28/11/2017

Revisões Internacionais

Infecções Respiratórias Virais

...spiratório inferior. 2?5 EIA, IF, RT-PCR. FC, HAI, Elisa. VPI Nasofaringe e trato respiratório inferior. 3?14 IF, RT-PCR. FC, HAI, Elisa. RSV Nasofaringe e trato respiratório inferior. 3?14 EIA, IF, RT-PCR. FC, Elisa, NT. Rinovírus Nasofaringe. 2?7 RT-PCR. Não são rotineiros (NT). hMPV Nasofaringe e trato respiratório ......

Ver Índice

31/10/2018

Revisões

Raiva Humana

...s. A epidemiologia da raiva humana reflete tanto a distribuição da doença em animais quanto o grau de contato humano com esses animais. Nos EUA, cerca de 90% dos casos notificados são associados a morcegos. Em outros países, mordidas de cães costumam ser a maior causa de raiva humana. Fisiopatologia O vírus da raiva é o protótipo do gênero Lyssavirus. Os lyssavirus são vírus em forma de pr......

Ver Índice

Página:  de 11

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal