FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Nem 2a" obteve 922 resultados.

Página:  de 93

05/07/2012

Revisões Internacionais

Imagens da doença pulmonar – Gerald W. Staton Jr. e Sanjeev Bhalla

...linical, radiologic, and pathologic overview. Radiograph­ics 2007;27:617–37. 17. Philit F, Etienne-Mastroianni B, Parrot A, et al. Idiopathic acute eosinophilic pneumonia: a study of 22 patients. Am J Respir Crit Care Med 2002;166:1235. 18. Epler GR. Bronchiolitis obliterans organizing pneumonia. Arch Intern Med 2000;161:158. 19. Kim SJ, Lee KS, Ryu YH, et al. Reversed halo sign on hi......

Ver Índice

22/08/2012

Revisões Internacionais

Cefaleia – Randolph W. Evans

...s de pacientes com cefaleia crônica, pode ser necessário criar um diário de registros de cefaleia ou solicitar aos pacientes que registrem as características das dores de cabeça que sentem e, posteriormente, compareçam a uma consulta de retorno. Tabela 2. Elementos-chave da história de cefaleia Elemento Exemplos Perfil temporal Idade quando a dor surgiu Enxaqueca:......

Ver Índice

28/09/2012

Revisões Internacionais

Doenças do pâncreas – Shailendra Chauhan, Chris E. Forsmark

...do uma dieta que forneça 100 mg/dia de gordura. No entanto, a execução deste teste é complicada e desagradável tanto para o paciente como para a equipe médica. Na prática, a esteatorreia é mais comumente diagnosticada por meio da identificação de alguns aspectos clínicos, como fezes oleosas ou flutuantes, diarreia, perda de peso e níveis reduzidos de elastase fecal (< 200 mcg/g de fezes), aliad......

Ver Índice

31/01/2013

Revisões Internacionais

Doenças inflamatórias intestinais – Stephen B. Hanauer

...s linfoides. À medida que a ulceração minúscula se estende, seguindo um padrão linear ou transmural, as alterações micro e macroscópicas que se desenvolvem incluem um infiltrado misto de células inflamatórias agudas e crônicas composto de linfócitos, plasmócitos e neutrófilos. Os abscessos crípticos são comuns, e os infiltrados inflamatórios muitas vezes se localizam nas adjacências do epitélio no......

Ver Índice

07/05/2013

Revisões Internacionais

Doenças do metabolismo do cálcio e doença óssea metabólica – Carolyn Becker

...observou-se um aumento médio da densidade óssea de apenas 1 a 2% no decorrer de 2 anos. Foi demonstrado que a calcitonina previne essencialmente as fraturas vertebrais, mas não previne as fraturas não vertebrais nem as fraturas de quadril.54 A calcitonina costuma ser segura, porém ocasionalmente os pacientes apresentam rubor, cefaleia, anosmia ou irritação nasal com o uso do spray nasal. Existe um......

Ver Índice

21/05/2013

Revisões Internacionais

Doenças do sistema nervoso periférico – Colin H. Chalk

...os pelo HIV que apresentavam neuropatia sensorial distal, embora a dor no sítio de injeção tenha acarretado um mascaramento em uma parte significativa da população de pacientes tratados.58 Alguns pacientes infectados pelo HIV desenvolvem SGB e PRDI, tipicamente ainda no início do curso da infecção pelo vírus. Estes pacientes podem apresentar aspectos associados à infecção pelo HIV, send......

Ver Índice

04/06/2013

Revisões Internacionais

Angina estável crônica – Richard A. Lange – L. David Hillis

...s com doença afetando 2 vasos e 40% para aqueles com doença em 3 vasos.34 As estenoses proximais estão associadas a um risco maior do que aquele associado às estenoses mais distais.35 A função sistólica VE é um forte indicador prognóstico. Exemplificando, a sobrevida de 5 anos de um homem de 65 anos de idade com angina estável, DAC em 3 vasos e função sistólica VE normal é de 93%, em comparação à ......

Ver Índice

02/07/2015

Revisões Internacionais

Tratamento de Sintoma em Medicina Paliativa

...r específica e a fisiopatologia implicada. Tabela 1 Escala de avaliação de sintoma de Edmonton modificada4 1a. Avalie a dor que você está sentindo agora. 1. Sem dor 2. Leve 3. Moderada 4. Intensa 1b. Classifique a sua dor nos últimos três dias. 1. Sem dor 2. Leve 3. Moderada 4. Intensa 1c. Você considera o seu nível de controle da dor aceitável? 1. B......

Ver Índice

26/03/2015

Revisões Internacionais

Síndromes de vasculite sistêmicas

...cativo, o paciente deve ser monitorado periodicamente, até a resolução completa dos sintomas. Figura 3 - A púrpura palpável da região distal dos membros é a manifestação mais comum da vasculite de pequenos vasos. Vasculite urticariforme A vasculite urticariforme representa um subgrupo peculiar de vasculite de pequenos vasos.6 A manifestação clínica é a de pápulas ou pápulas sinu......

Ver Índice

14/11/2013

Revisões Internacionais

Síndromes de vasculite sistêmica – Alexandra Villa-Forte, Brian F. Mandell

...ante, aparentemente de modo independente da positividade para ANCA.20 A eficácia do rituximabe na vasculite associada a ANCA está sendo avaliada em um estudo randomizado controlado (RAVE). A adoção de medidas profiláticas para prevenção da osteoporose e a realização de densitometria óssea devem ser sempre consideradas diante do uso prolongado de corticosteroides. Síndrome de Churg-Strauss (......

Ver Índice

Página:  de 93

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal