FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Índice

Teniposídeo

Última revisão: 06/02/2010

Comentários de assinantes: 0

>Reproduzido de:>>>>>

>Formulário Terapêutico Nacional 2008: Rename 2006 [>Link Livre para o Documento Original>>]>>>>>

>Série B. Textos Básicos de Saúde>>>>>

>MINISTÉRIO DA SAÚDE>>>>>

>Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos>>>>>

>Departamento de Assistência Farmacêutica e Insumos Estratégicos>>>>>

>Brasília / DF2008>>>>>

>>> >>>>

>>Teniposídeo>>>>>

>>> >>>>

>Larissa Niro>>>>>

>> >>>

>>Na Rename 2006: item 6.1.3>>>>>

>>> >>>>

>>APRESENTAÇÃO>>>>>>>

>      >>>Solução injetável 10 mg/mL.>>>>

>>> >>>>

>>INDICAÇÕES>5,6>>>>>>>>

>      >>>Linfoma não-Hodgkin.>>>>

>      >>>Câncer de pulmão de pequenas células.>>>>

>      >>>Leucemia linfóide aguda.>>>>

>      >>>Neuroblastoma.>>>>

>>> >>>>

>>CONTRA-INDICAÇÕES>5>>>>>>>>

>      >>>Hipersensibilidade ao teniposídeo ou óleo de rícino polioxilado.>>>>

>>> >>>>

>>PRECAUÇÕES>5>>>>>>>>

>      >>>Em paciente com síndrome de Down, reduzir dose à metade no primeiro curso de tratamento.>>>>

>      >>>Insuficiência hepática (ver apêndice C) e renal (ver apêndice D).>>>>

>      >>>Evitar extravasamento, pois o fármaco é irritante.>>>>

>      >>> risco de induzir leucemia secundária.>>>>

>      >>>Lactação.>>>>

>      >>>Categoria de risco na gravidez (FDA): D (ver apêndice A).>>>>

>> >>>

>>ESQUEMAS DE ADMINISTRAÇÃO>5>>>>>>>>

>Adultos>>

>>Linfoma Não-Hodgkin>>>>>>>

>      >>>Monoterapia: 30 mg/m²/dia, por via intravenosa, por 10 dias; ou>>>>

>      >>>50-100 mg/m²/dia, por via intravenosa, uma vez por semana; ou>>>>

>      >>>60-70 mg/m²/dia, por via intravenosa, nos dias 3 e 4, a cada 2 a 3 semanas, em combinação com doxorrubicina e ciclofosfamida.>>>>

>> >>>

>>Câncer Metastático de Pequenas Células de Pulmão>>>>>>>

>      >>>120 mg/m²/dia, em infusão intravenosa, nos dias 1, 3 e 5, a cada 3 semanas, por no máximo 12 ciclos, em combinação com radioterapia.>>>>

>> >>>

>Crianças>>

>>Leucemia Linfóide Aguda (Refratária)>>>>>>>

>      >>>165 mg/m²/dia, por via intravenosa, em combinação com citarabina (300 mg/m²/dia, por via intravenosa), duas vezes por semana, em 8 a 9 ciclos, ou>>>>

>      >>>250 mg/m²/dia, por via intravenosa, em combinação com vincristina (1,5 mg/m²/dia, por via intravenosa), uma vez por semana, por 4 a 8 semanas e com prednisona (40 mg/m²/dia, por via oral, por 28 dias).>>>>

>> >>>

>>Neuroblastoma>>>>>>>

>      >>>Associação de doxorrubicina, ciclofosfamida, cisplatina e teniposídeo, com dosagem ótima não definida.>>>>

>> >>>

>>ASPECTOS FARMACOCINÉTICOS CLINICAMENTE RELEVANTES>5>>>>>>>>

>      >>>Metabolismo: hepático.>>>>

>      >>>Excreção: renal (44%) e fecal (10%).>>>>

>      >>>Meia-vida de eliminação: 5 horas.>>>>

>>> >>>>

>>EFEITOS ADVERSOS>5>>>>>>>>

>      >>>Alopecia reversível (9%).>>>>

>      >>>Diarréia, mucosite, náuseas e vômitos.>>>>

>      >>>Anorexia.>>>>

>      >>>Astenia, tremor, febre, mal-estar.>>>>

>      >>>Anemia, leucopenia.>>>>

>      >>>Hipotensão (com infusão rápida).>>>>

>      >>>Reações de hipersensibilidade (5%).>>>>

>>> >>>>

>>INTERAÇÕES MEDICAMENTOSAS>5>>>>>>>>

>      >>>Aumento de efeito/toxicidade de teniposídeo: tolbutamida, salicilato de sódio.>>>>

>      >>>Redução de efeito de teniposídeo: fenobarbital, glicosamina, fenitoína.>>>>

>>> >>>>

>>ORIENTAÇÕES AOS PACIENTES>4>>>>>>>>

>      >>>Orientar para evitar imunizações, especialmente contra poliovírus, e contato com pessoas próximas que receberam a vacina; se for imprescindível, para usar máscara de proteção.>>>>

>      >>>Orientar para evitar contato com pessoas com infecção, especialmente durante os períodos de baixas contagens sangüíneas.>>>>

>      >>>Orientar para a freqüência de surgimento de náuseas e vômitos, que podem ser reduzidos com a administração de antieméticos antes da dose do etoposídeo; neste caso, não interromper o tratamento.>>>>

>      >>>Orientar para evitar uso de álcool e ácido acetilsalicílico, pelo risco aumentado de sangramento gastrintestinal.>>>>

>> >>>

>>ASPECTOS FARMACÊUTICOS>5>>>>>>>>

>      >>>Armazenar sob refrigeração (2 a 8°C) e protegido da luz.>>>>

>      >>>A injeção de etoposídeo, para administração intravenosa, deve ser diluída em solução injetável de glicose 5% ou cloreto de sódio 0,9% até concentrações finais de teniposídeo de 0,1 a 1 mg/mL. Acima desta concentração pode ocorrer precipitação do produto.>>>>

>      >>>As soluções com concentrações inferiores a 0,4 mg/mL permanecem estáveis por 24 horas a temperaturas de 15 a 30°C. As soluções com 1 mg/mL devem ser utilizadas em até 4 horas.>>>>

>      >>>Não enxaguar o equipamento de infusão do teniposídeo com heparina, pois ocorre precipitação.>>>>

>      >>>O uso de recipientes de PVC não é recomendado para teniposídeo; utilizar material que não libere ftalatos.>>>>

>      >>>Incompatibilidades: anfotericina B lipossomal, dantroleno sódico, fenitoína sódica.>>>>

>> >>>

>>ATENÇÃO: mielossupressão grave e reações anafiláticas ocorrem com certa freqüência durante o uso de teniposídeo.>>>>>>

>> >>>

>SOBRE OS DIREITOS AUTORAIS DO DOCUMENTO>>

>Consta no documento:>>>>

>Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução parcial ou total desta obra, desde que citada a fonte e que não seja para venda ou qualquer fim comercial.”>>>>

>O objetivo do site MedicinaNet e seus editores é divulgar este importante documento. Esta reprodução permanecerá aberta para não assinantes indefinidamente.>>>>

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal