Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Check up" obteve 20 resultados.

Página:  de 2

04/04/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Autonomia Médica x Uso de Padronização – Em busca do equilíbrio com foco na segurança do paciente

...onomia ao seguir um protocolo, ou mesmo a não adoção de práticas ainda pouco estudadas e pouco fundamentadas. Outro ponto crítico é a independência do médico. Se por um lado isso é extremamente necessário no exercício da profissão, nota-se cada vez que o processo de decisão de forma isolada pode ser difícil em situações de alto risco. Em atividades humanas de alto risco como usinas nucleares ou n......

Ver Índice

04/04/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Autonomia Médica x Uso de Padronização – Em busca do equilíbrio com foco na segurança do paciente

...que os próprios médicos reconhecem a necessidade de sistemas mais seguros. Muitas devem ser as causas envolvidas: falta de atualização, sensação de estar ferindo sua autonomia ao seguir um protocolo, ou mesmo a não adoção de práticas ainda pouco estudadas e pouco fundamentadas. Outro ponto crítico é a independência do médico. Se por um lado isso é extremamente necessário no exercício da profissão......

Ver Índice

04/04/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Autonomia Médica x Uso de Padronização – Em busca do equilíbrio com foco na segurança do paciente

...icam os dados em níveis de evidência e no grau de recomendação (mesmo que ainda sim existam falhas de método). Entra também o papel de grupos de estudiosos voltados para a análise de evidências científicas sem conflito de interesses (como é nossa proposta no site MedicinaNET). É importante lembrar que mesmo uma ação baseada em evidência pode ser prejudicial a um paciente, principalmente quando o a......

Ver Índice

29/08/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Metodologias Para a Melhoria de Qualidade

...e um problema em um processo. Uma vez que essa análise tenha sido feita pode-se estipular um plano corretivo direcionado às causas reais do problema. Figura 3: Diagrama de Ishikawa Tabela 2: Causas do Problema em Questão Máquinas Inclui todos os aspectos relativos a máquinas, equipamentos e instalações, que podem afetar o efeito do processo. Método Inclui todos os pro......

Ver Índice

29/08/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Metodologias Para a Melhoria de Qualidade

...lhor qualidade para o mesmo. Procuraremos apresentar de forma sumária as melhores metodologias existentes. Modelo FADE Este modelo de melhoria de qualidade é composto de 4 etapas. Estas etapas devem ser repetidas até a exaustão, ou seja, até que o problema do processo esteja solucionado. As abreviaturas dessas etapas é que formam a sigla “FADE”: · FOCUS (Focar): defin......

Ver Índice

11/06/2012

Casos Clínicos

Arritmia no consultório médico

...limórfica, auto-limitada, com QRS “girando” em torno da linha de base. Geralmente, é precedida por ciclos longo-curto (extrassístole – batimento sinusal – extrassístole), e relaciona-se com a presença de QT longo, que pode ser congênito ou secundário a fármacos. No caso deste paciente, é possível ver todos os critérios, como mostra a Tabela 1. Tabela 1. QT longo Ciclo cur......

Ver Índice

12/05/2014

Casos Clínicos

Eletrocardiograma de um maratonista: qual o achado?

...ue ocorra uma onda P que não conduz. Um BAV de 2o grau Mobitz I normalmente não produz sintomas. Este BAV pode ocorrer em indivíduos normais que têm grande tônus vagal, como em jovens atletas que têm grande condicionamento quando estão em repouso. O Mobitz I chega a ser descrito em 2 a 10% dos corredores de longas distâncias. O prognóstico nesses casos é excelente, pois aparentemente o......

Ver Índice

21/03/2010

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Classificação Internacional para a Segurança do Paciente da OMS - APÊNDICE – TIPOS DE INCIDENTES

...ibilidade de Serviços/Leitos Adequação/Disponibilidade de Recursos Humanos Organização de Pessoas/Equipes Adequação/Disponibilidade de Protocolos/Políticas/Procedimentos/Guidelines Classificação Internacional para a Segurança do Paciente da OMS - APÊNDICE – TIPOS DE INCIDENTES Lucas Santos Zambon Classificação Internacional para a Segurança do Paciente da OMS - APÊNDICE – TIPOS DE INCIDEN......

Ver Índice

08/03/2010

Artigos

Efeito da comunicação entre médicos de diferentes níveis de atenção

...liação por escrito, com diagnósticos, opiniões, orientações, sugestões de condutas, etc é realizada. O paciente, às vezes, recebe uma prescrição diferente da do generalista, e volta ao seu médico original sem saber a opinião do especialista. O oposto também é verdadeiro. Muitas vezes o generalista apenas encaminha casos sem necessidade para o nível subsequente, tendo uma baixíssima resolutividade ......

Ver Índice

15/11/2009

Artigos

Práticas na solicitação de papanicolau na atenção primária

...s diretrizes clínicas são confeccionadas, em geral seus objetivos são nobres, como melhorar a qualidade da assistência e alocar os recursos de forma mais eficiente. A reduzida taxa de aderência às diretrizes é um fato comum, principalmente na área do rastreamento de doenças, em que as recomendações são geralmente muito excessivas. Os famosos check-ups completos incluem um número absolutamente exce......

Ver Índice

Página:  de 2

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal