FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Vacinacao de Profissionais de Saude" obteve 100 resultados.

Página:  de 10

12/08/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Tétano Neonatal

...e risco. • Analisar os dados e adotar as medidas de controle pertinentes. • Implementar ações para atingir a meta de eliminação da doença. • Avaliar a efetividade das medidas de prevenção e controle. • Produzir e disseminar informações epidemiológicas. Definição de Caso Suspeito • Todo recém-nascido que nasceu bem e sugou normalmente nas primeiras 24 ou 48 horas ......

Ver Índice

12/08/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Sarampo

...to Viral O isolamento viral tem por objetivos identificar o padrão genotípico do vírus circulante e diferenciar casos autóctones de casos importados e o vírus selvagem do vacinal. Espécimes clínicos – urina ou secreções nasofaríngeas. Devem ser coletadas até o 5° dia a partir do aparecimento do exantema, preferencialmente nos primeiros três dias. Excepcionalmente, em casos com IgM positiv......

Ver Índice

30/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Hepatite B

...e da vacina deve ser aplicada logo apos o nascimento, nas primeiras 12 horas de vida, para evitar a transmissão vertical. Caso não tenha sido possível, iniciar o esquema o mais precocemente possível, na unidade neonatal ou na primeira visita ao Posto de Saúde. A vacina contra Hepatite B pode ser administrada em qualquer idade e simultaneamente com outras vacinas do calendário básico. Para Toda......

Ver Índice

30/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Hepatite B

...que o próprio paciente defina sua dieta, de acordo com seu apetite e aceitação alimentar. A única restrição relaciona-se a ingestão de álcool, que deve ser suspensa por 6 meses, no mínimo, sendo preferencialmente por 1 ano. Medicamentos não devem ser administrados sem recomendação medica, para não agravar o dano hepático. As drogas consideradas “hepatoprotetoras”, associadas ou não a complexos vit......

Ver Índice

12/08/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Varíola

... paciente sejam preservados. Sugere-se fazer uma cópia da anamnese, exame físico e evolução do doente, com vistas ao enriquecimento das análises e, também, para que possam servir como instrumento de aprendizagem dos profissionais do nível local. Acompanhar a evolução dos pacientes e os resultados dos exames laboratoriais específicos. Para Identificação da Área de Transmissão Investigar minu......

Ver Índice

12/08/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Síndrome da Rubéola Congênita

... Tripanosoma cruzi (Chagas) Aborto Baixo peso, icterícia, anemia, petéquias, falha cardíaca, hepatoesplenomegalia, encefalite Catarata Miocardite, acalasia Fonte: Gotoft/SP – Infections of newborn. In: Behrman RE, Kliegman RM: Nelson Textboook of Pediatrics, WB Saunders Co, Philadelphia, 1992, 14th. 496. Quadro 2. Diagnóstico laboratorial de caso suspeito de SRC* Perí......

Ver Índice

06/08/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Hepatites Virais

...o 8. Conduta na exposição ao HBV Grupos Imunobiológicos Observações Vítimas de abuso sexual IGHAHB + vacina Aplicar o mais precocemente possível, no máximo 14 dias após exposição Comunicantes sexuais de caso agudo de hepatite B Aplicar o mais precocemente possível no máximo 14 dias após exposição Recém-nascido de mãe sabidamente HBsAg+ Nas primeiras doze h......

Ver Índice

02/07/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Cólera

...critério clínico-epidemiológico – paciente com quadro clínico de cólera, exame laboratorial negativo ou não realizado, mas que estabeleceu vínculo epidemiológico; • Óbitos – óbitos não acompanhados também podem ser confirmados pelo critério clínico-epidemiológico, desde que existam fortes evidências epidemiológicas aliadas ao quadro clínico que resultou em morte; • Caso descartado – to......

Ver Índice

26/09/2013

Hospitalar

Capítulo 4 – Intervenções no controle de infecções: o caminho da prevenção

...cordo com a necessidade, é baseada no seguinte: • Potencial de transmissão. • Mecanismo de transmissão. • Instalações utilizadas no atendimento, no tratamento e nos serviços. • Emergência e reemergência de agentes patogênicos na comunidade que possam afetar os hospitais. Aplicação do Programa de Estudo, Prevenção e Controle de Infecções As precauções-padrão prev......

Ver Índice

25/10/2009

Biblioteca Livre

2 Abordagem Integral ao Portador de DST

...o Anexo II. OFERTA DE PRESERVATIVOS O uso de preservativos, masculinos ou femininos, por pessoas sexualmente ativas é o método mais eficaz para a redução do risco de transmissão do HIV e de outros agentes sexualmente transmissíveis. É o único método que oferece dupla-proteção, ou seja, é eficaz tanto para a redução do risco de transmissão do HIV e outras DST, quanto para contracepção. A dispo......

Ver Índice

Página:  de 10

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal