FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Checklist Baseado Nas Recomendacoes da Oms Reduz a Morbidade e Mortalidade Pos Operatoria" obteve 9 resultados.

Página:  de 1

21/01/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Checklist baseado nas recomendações da OMS reduz a morbidade e mortalidade pós-operatória

...de mortalidade e complicações pós-operatórias antes e após uma intervenção, e este tipo de estudo está sujeito a viés, que poderia ser menor em um ensaio clínico randomizado. Além disso, não é possível determinar qual o impacto de cada uma das intervenções na diminuição das complicações e da mortalidade, sendo o mecanismo provavelmente multifatorial. No entanto, apesar destas limitaçõ......

Ver Índice

21/01/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Checklist baseado nas recomendações da OMS reduz a morbidade e mortalidade pós-operatória

...é aplicável. 3. O oxímetro de pulso está ligado e funcionando. 4. Todos os membros da equipe estão cientes se o paciente tem alguma alergia conhecida. 5. A via aérea e o risco de aspiração foram avaliados e o equipamento apropriado e assistência estão disponíveis. 6. Se houver risco de perda sanguínea de pelo menos 500 ml (ou 7 ml/kg em crianças) é necessário acesso venoso apro......

Ver Índice

08/06/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Campanha “Cirurgia Segura Salva Vidas” da OMS – Perguntas e Respostas Gerais

...e, em 29 de janeiro de 2009 e demonstraram melhorias dramáticas em ambos os processos e resultados (comentário no MedicinaNet: Checklist baseado nas recomendações da OMS reduz a morbidade e mortalidade pós-operatória). Com significância estatística, a utilização do checklist reduziu a taxa de mortes e de complicações em mais de um terço em todos os 8 hospitais-piloto. A taxa de complicações maiore......

Ver Índice

08/06/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Campanha “Cirurgia Segura Salva Vidas” da OMS – Perguntas e Respostas Gerais

...operatório. Além disso, mesmo no mundo desenvolvido, existe variabilidade na aderência às práticas básicas de segurança em cirurgia. As orientações do Checklist podem ajudar diferentes países e hospitais a avaliar os seus próprios processos de prestação de cuidados cirúrgicos, e a implementar melhorias de segurança. OBS.: Seguimos no MedicinaNet as recomendações da própria OMS quanto à divulg......

Ver Índice

31/05/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Introdução à Campanha “Cirurgia Segura Salva Vidas” da OMS

...ão elevada quanto 1 em 150 pacientes que receberam anestesia geral. 8. Medidas de segurança são aplicadas de forma inconsistente em cirurgias, mesmo em locais de referência. Passos simples podem reduzir as taxas de complicações. Por exemplo, melhorar o momento certo de administração e a seleção de antibióticos antes da incisão da pele podem reduzir a taxa de infecções do sítio cirúrgico e......

Ver Índice

31/05/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Introdução à Campanha “Cirurgia Segura Salva Vidas” da OMS

... são submetidas a cirurgias para tratar lesões traumáticas, 10 milhões de pessoas são submetidas a cirurgias para tratar complicações relacionadas à gravidez, e 31 milhões de pessoas são submetidas a cirurgias para o tratamento de câncer. 2. Estudos sugerem que complicações pós-operatórias resultam em deficiência ou internação prolongada em 3 a 25% dos pacientes internados, dependendo da ......

Ver Índice

04/04/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Autonomia Médica x Uso de Padronização – Em busca do equilíbrio com foco na segurança do paciente

...a melhorar esses desfechos. Os médicos precisam participar da elaboração e acreditar em protocolos como ferramenta fundamental para uma prática segura. 3. As evidências que devem ser usadas e a forma de criação de protocolos e padrões devem também ser criteriosas e constantemente melhoradas. Muitos são os interessados nos resultados da assistência médica: o paciente, o hospital, os convênios, ......

Ver Índice

04/04/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Autonomia Médica x Uso de Padronização – Em busca do equilíbrio com foco na segurança do paciente

..., ou mesmo a não adoção de práticas ainda pouco estudadas e pouco fundamentadas. Outro ponto crítico é a independência do médico. Se por um lado isso é extremamente necessário no exercício da profissão, nota-se cada vez que o processo de decisão de forma isolada pode ser difícil em situações de alto risco. Em atividades humanas de alto risco como usinas nucleares ou na indústria da aviação, manua......

Ver Índice

04/04/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Autonomia Médica x Uso de Padronização – Em busca do equilíbrio com foco na segurança do paciente

...ico todo o peso de ter tudo o tempo todo em mente. É irreal acharmos que todo médico consegue armazenar todo o volume novo de informações que é divulgado diariamente. Sendo assim, protocolos institucionais poderiam dar margem ao médico em se informar sobre exatamente aquilo que não é passível de padronização, e que exige muita quantidade de informações para dar suporte a uma conduta, seja diagnóst......

Ver Índice

Página:  de 1

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal