FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Checklist Baseado Nas Recomendacoes da Oms Reduz a Morbidade e Mortalidade Pos Operatoria" obteve 9 resultados.

Página:  de 1

21/01/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Checklist baseado nas recomendações da OMS reduz a morbidade e mortalidade pós-operatória

... taxa caiu para 7% após a introdução (p<0,001). Os autores concluem que este checklist, se aplicado em uma escala global, teria o potencial de prevenir um grande número de mortes e condições debilitantes. Aplicações para a Prática Clínica O estudo avaliou a incidência de mortalidade e complicações pós-operatórias antes e após uma intervenção, e este tipo de estudo es......

Ver Índice

21/01/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Checklist baseado nas recomendações da OMS reduz a morbidade e mortalidade pós-operatória

...es antecipadas. 12. Confirmação de que os antibióticos profiláticos foram administrados < 60 minutos antes da incisão ou que os antibióticos não são indicados. 13. Confirmação de que todos os exames de imagem do paciente correto estão visíveis na sala cirúrgica. Liberação (sign out) Antes do paciente deixar a sala cirúrgica 14. O enfermeiro revisa os seguintes itens com a equipe: 1......

Ver Índice

08/06/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Campanha “Cirurgia Segura Salva Vidas” da OMS – Perguntas e Respostas Gerais

... Até o momento, 246 organizações profissionais, organizações de saúde, ministérios, e ONG´s já aprovaram o conceito da Campanha “Cirurgia Segura Salva Vidas”. A tarefa do programa agora é, a partir desta dinâmica e das informações recolhidas durante o estudo-piloto, promover a utilização generalizada, a implementação e a divulgação do Checklist como uma prática de segurança para toda......

Ver Índice

08/06/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Campanha “Cirurgia Segura Salva Vidas” da OMS – Perguntas e Respostas Gerais

... para o processo de atendimento durante o período perioperatório, embora a aplicação dessas rotinas seja inconsistente. Outros países tendem a não ter orientações claras e políticas bem estabelecidas para direcionar o processo de segurança no perioperatório. Além disso, mesmo no mundo desenvolvido, existe variabilidade na aderência às práticas básicas de segurança em cirurgia. As orientações do Ch......

Ver Índice

31/05/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Introdução à Campanha “Cirurgia Segura Salva Vidas” da OMS

...eventos adversos peri-operatórios seja de 3% e a mortalidade seja de 0,5%, cerca de 7 milhões de pessoas sofrem complicações cirúrgicas significativas ao ano, e 1 milhão de pessoas morrem durante ou imediatamente após a cirurgia anualmente no mundo. Por esse motivo é que a OMS colocou a Segurança em Cirurgias como um problema mundial de saúde pública que deve ser resolvido. Tabela 1......

Ver Índice

31/05/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Introdução à Campanha “Cirurgia Segura Salva Vidas” da OMS

...r. 2. Estudos sugerem que complicações pós-operatórias resultam em deficiência ou internação prolongada em 3 a 25% dos pacientes internados, dependendo da complexidade do procedimento cirúrgico e do tipo de hospital. Estas taxas significam que, anualmente, pelo menos 7 milhões de pacientes podem ter complicações pós-operatórias. 3. As taxas de mortalidade relatadas após grandes c......

Ver Índice

04/04/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Autonomia Médica x Uso de Padronização – Em busca do equilíbrio com foco na segurança do paciente

...menos, apenas 47%. É difícil explicar porque isso ocorre, já que os próprios médicos reconhecem a necessidade de sistemas mais seguros. Muitas devem ser as causas envolvidas: falta de atualização, sensação de estar ferindo sua autonomia ao seguir um protocolo, ou mesmo a não adoção de práticas ainda pouco estudadas e pouco fundamentadas. Outro ponto crítico é a independência do médico. Se por um ......

Ver Índice

04/04/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Autonomia Médica x Uso de Padronização – Em busca do equilíbrio com foco na segurança do paciente

...A): 25,547. Contexto Clínico Ainda estamos longe de atingir uma melhor situação do que aquela levantada pela publicação “Errar é Humano” do Institute of Medicine em 1999 nos EUA. Um dos pontos centrais que ainda não é muito bem praticado é a padronização de condutas, que é explicitar critérios para usar intervenções preventivas, diagnósticas e terapêuticas no contexto da assistência em saúde.......

Ver Índice

04/04/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Autonomia Médica x Uso de Padronização – Em busca do equilíbrio com foco na segurança do paciente

...e MedicinaNET). É importante lembrar que mesmo uma ação baseada em evidência pode ser prejudicial a um paciente, principalmente quando o assunto for controverso ou os resultados divergem muito entre os estudos. Conclusões – Buscando o Equilíbrio Para engajar médicos nas práticas padronizadas e baseadas em evidências são necessários três pontos: 1. Reconhecimento do próprio médico de se......

Ver Índice

Página:  de 1

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal