FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "2 Diagnostico e Tratamento Precoces da Malaria" obteve 18 resultados.

Página:  de 2

27/10/2009

Biblioteca Livre

2 Diagnóstico e Tratamento Precoces da Malária

...coces. Viajantes em uso de quimioprofilaxia (QPX) devem realizar pesquisa de hematozoário em sangue periférico (gota espessa) ao término da profilaxia, mesmo que assintomáticos e, a qualquer tempo, caso apresentem quaisquer sintomas de doença. Nas regiões em que a malária não é endêmica, tem-se observado manifestações graves da doença, possivelmente pelo retardo da suspeita clínica, do diagnósti......

Ver Índice

17/01/2011

Casos Clínicos

Síndrome Nefrótica – Glomerulonefrite Membranosa

... cutâneo grave da ES. Efeitos Colaterais Alopécia, cefaleia, rash, cistite hemorrágica, hemocitopenias, infecções secundárias, hepatotoxicidade, infertilidade (quanto maior a idade, maior o risco), náuseas e vômitos na administração IV. Dose 1 a 2 mg/kg/dia VO e 0,5 a 1 g/m2, via endovenosa em pulsos mensais. A droga por via oral é mais potente, porém mais rica em efeitos colaterais do q......

Ver Índice

27/10/2009

Biblioteca Livre

Introdução

...Original] Série A. Normas e Manuais Técnicos MINISTÉRIO DA SAÚDE Secretaria de Vigilância em Saúde Diretoria Técnica de Gestão Brasília / DF – 2008 Uma viagem pode expor o indivíduo a agravos à saúde, como acidentes, violência, riscos relacionados às condições ambientais e transmissão de doenças infecciosas. Os riscos de adoecimento durante uma viagem são variáveis e dependem (i) de cara......

Ver Índice

27/10/2009

Biblioteca Livre

1 Medidas de Prevenção para Reduzir o Risco de Malária

...para o Documento Original] Série A. Normas e Manuais Técnicos MINISTÉRIO DA SAÚDE Secretaria de Vigilância em Saúde Diretoria Técnica de Gestão Brasília / DF – 2008 As recomendações serão sistematizadas de forma didática em: a) Avaliação do risco b) Prevenção contra picadas de mosquitos c) Diagnóstico e tratamento precoces d) Quimioprofilaxia e/ou tratamento auto-administra......

Ver Índice

23/02/2009

Revisões

Rabdomiólise

...f medicine based evidence. Lippincott-Raven. 19. Roth. Acute rhabdomyolysis associated with cocaine intoxication. New England J Med. 1988;319:673. 20. Ward. Factors predictive of acute renal failure in rhabdomyolysis. Arch Int Med. 1988;148:1553. 21. Ron et al. Prevention of acute renal failure in traumatic rhabdomyolysis. Arch Int Med. 1984;144:277. 22. Wisweswaram P, Guntupalli J. Rhabdomyol......

Ver Índice

23/02/2009

Revisões

Rabdomiólise

...striada. Quando a célula muscular é lesada, grandes quantidades de CK são liberadas na circulação. Como sua degradação é mais lenta, a concentração de CK permanece elevada por mais tempo e de maneira mais consistente que a de mioglobina. Consequentemente, a determinação de CK é melhor que a de mioglobina na avaliação da rabdomiólise. Frequentemente, a primeira pista diagnóstica é a mudança de col......

Ver Índice

06/06/2010

Revisões

Glomerulonefrites Agudas

...ioso ativo no momento; · o uso de antibiótico profilático também não é recomendado, uma vez que a recidiva é extremamente rara; · em casos de insuficiência renal grave (glomerulonefrite rapidamente progressiva), o tratamento com pulsos de metilprednisolona (seguido de corticoide oral) associado a imunossupressores pode ser indicado. Os casos devem ser avaliados cautelosa e individualm......

Ver Índice

01/04/2015

Revisões

Rabdomiólise

... as membranas celulares dos músculos e inibe a bomba Na-K-ATPase que mantém a integridade celular. Haller e Drachman descreveram o efeito tóxico do etanol em ratos e demonstraram que este é fortemente potencializado pelo jejum. O uso de estatinas também é uma causa importante de rabdomiólise. Não se sabe ao certo o mecanismo pelo qual isto ocorre. Uma das teorias mais aceitas é a de que as estati......

Ver Índice

31/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Leishmaniose Visceral (LV)

...nvolvimento efetivo das equipes multiprofissionais e multi-institucionais. Recomendações As recomendações para as atividades de vigilância e controle da LV são específicas a cada uma das áreas de transmissão. Consultar o Manual de Vigilância e Controle da Leishmaniose Visceral, disponível em http://www.saude.gov.br/svs. SOBRE OS DIREITOS AUTORAIS DO DOCUMENTO Consta no documento: “Todos......

Ver Índice

31/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Leishmaniose Visceral (LV)

...ar obrigatório sob forma aflagelada ou amastigota das células do sistema fagocítico mononuclear. Dentro do tubo digestivo do vetor, as formas amastigotas se diferenciam em promastigotas (flageladas). Nas Américas, a Leishmania (Leishmania) chagasi é a espécie comumente envolvida na transmissão da LV. Reservatórios Na área urbana, o cão (Canis familiaris) é a principal fonte de infecção. A enz......

Ver Índice

Página:  de 2

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal