Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "as Causas da Superlotacao Dos Hospitais" obteve 13 resultados.

Página:  de 2

14/05/2013

Hospitalar

As causas da superlotação dos hospitais

... 50 anos e próximos da aposentadoria.38 Quase 30% dos pneumologistas têm mais de 55 anos, sendo 60 a idade média de aposentadoria. Enquanto isso, o número de residentes dessa área será insuficiente para compensar tais perdas da força de trabalho. Segundo o Committee on Manpower for Pulmonary and Critical Care Societies, formado pelo American College of Chest Physicians, pela American Thoracic Soci......

Ver Índice

14/05/2013

Hospitalar

As causas da superlotação dos hospitais

...segurados, carecendo de cobertura para cuidados essenciais.19 Os pacientes não-segurados tendem a usar mais freqüentemente o pronto-socorro do que aqueles com seguro privado14 (ver Fig. 1.3). Diferentes condições de saúde, níveis de acesso a cuidados médicos e fatores demográficos são algumas das razões por que os pacientes não-segurados experimentam maiores índices de uso do PS. Além disso, apó......

Ver Índice

14/05/2013

Hospitalar

Iniciais

...ssamento e saída (ou o fluxo de pacientes e sua facilitação), bem como o uso de indicadores de piora precoce. O Capítulo 5, “Estratégias adicionais para gerenciar o fluxo de pacientes e prevenir a superlotação”, apresenta novas propostas para lidar com as questões organizacionais. Entre elas estão a implementação de fast tracks, o emprego de hospitalistas, o uso de soluções baseadas em ......

Ver Índice

14/05/2013

Hospitalar

Iniciais

...blicada na obra Joint Commission Resources. Gerenciando o fluxo de pacientes: estratégias e soluções para lidar com a superlotação hospitalar. Porto Alegre: Artmed, 2008. GERENCIANDO O FLUXO DE PACIENTES ESTRATÉGIAS E SOLUÇÕES PARA LIDAR COM A SUPERLOTAÇÃO HOSPITALAR Joint Commission Resources Tradução: Magda França Lopes Consultoria, supervisão e revisão técnica: Paulo Marcel......

Ver Índice

14/05/2013

Hospitalar

A colaboração comunitária como uma solução

...os estágios de resposta. Gatilho: Nenhum. Responsabilidades do hospital: 1. Participar da comunicação pela web com base no sistema de Internet do SME Regional. 2. Usar as Diretrizes das Melhores Práticas do MHA/DPH distribuídas aos hospitais em dezembro de 1999, 2000 e 2001 (disponíveis em www.state.ma.us/dph/bhgm/ambdiv.htm). 3. Seguir as regras e definições uniformes di......

Ver Índice

14/05/2013

Hospitalar

A colaboração comunitária como uma solução

...un 7, 2001. 9. American College of Emergency Physicians. Responding to emergency department crowding: A guidebook for chapters. A report of the Crowding Resources Task Force. Aug 2002. www.acep.org/library/pdf/edCrowdingReport.pdf (accessed Feb. 3, 2004). 10. Letter from The Commonwealth of Massachusetts, Department of Public Health. Dec 11, 2000. www.state.ma.us/dph/bhqm/amb.pdf (acce......

Ver Índice

14/05/2013

Hospitalar

O impacto da superlotação no cuidado e na segurança do paciente

...o tempo de espera de um indivíduo para ser atendido em um pronto-socorro. O GAO relata que os tempos de espera são mais longos em comunidades com mais pessoas não-seguradas. Em 2002, os tempos de espera para consultas não-emergenciais ao PS eram, em média, 25 minutos mais longos em unidades com predominância de pacientes não-segurados do que em outras comunidades2. A diferença era de 90 minutos ve......

Ver Índice

14/05/2013

Hospitalar

O impacto da superlotação no cuidado e na segurança do paciente

...etimento da segurança do paciente. Desvio de ambulâncias Os hospitais operam em regime de desvio de ambulâncias quando não têm a capacidade ou competência necessárias para aceitar pacientes adicionais.1 Alguns hospitais definem os tipos de desvios, incluindo categorias como saturação no pronto-socorro, saturação total do hospital ou um desastre interno, como falta de energia. O desvio pode oc......

Ver Índice

01/02/2010

Artigos

Tempo de espera nos pronto-socorros

...%; p< 0,001). Em 2006, a chance ajustada de ser visto dentro do tempo alvo estabelecido na classificação de risco foi 30% menor que em 1997 (OR – odds ratio: 0,7 IC95% 0,55-0,89). A chance ajustada de ser visto dentro do tempo alvo foi 87% menor (OR: 0,13 IC95% 011-0,15) para pacientes emergenciais comparados aos pacientes semi-urgentes. O tipo de pagamento, isto é, o seguro saúde, não influenc......

Ver Índice

01/02/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Altas da UTI à noite e desfechos dos pacientes

... intervalo de confiança passa pelo número 1, o que coloca em dúvida se de fato a mortalidade no período noturno desses estudos foi maior. Outro dado interessante: estes dois estudos usam períodos mais amplos para definir o período noturno, um começando às 16h (Finlândia) e outro começando às 19h (EUA), o que os torna mais próximos de comparação com este presente estudo em termos de definição de ho......

Ver Índice

Página:  de 2

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal