FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Rubeola e Sindrome da Rubeola Congenita" obteve 36 resultados.

Página:  de 4

01/03/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Rubéola e Síndrome da Rubéola Congênita

...diabetes melito, pancreatite progressiva, dentre outras, só diagnosticadas muitos anos após o nascimento. Agente Etiológico Vírus RNA, gênero Rubivirus, familia Togaviridae. Reservatório O homem. Modo de Transmissão A infeccao é adquirida por via intrauterina (transmissão vertical). Período de Incubação Não há periodo definido. Período de Transmissibilidade Lactentes com S......

Ver Índice

01/03/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Rubéola e Síndrome da Rubéola Congênita

... Positivo Confirmar o caso Negativo Realizar pesquisa de IgG no mesmo soro IgG Positivo Coletar 2ª amostra após 5 meses de vida Negativo Descartar o caso Após 5 meses da 1ª coleta IgG Se o IgG mantiver o título anterior ou maior Confirmar o caso Se houver queda acentuada do título de IgG, comparado com o anterior Descartar o caso * Recém-nascid......

Ver Índice

12/08/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Síndrome da Rubéola Congênita

...am imprescindíveis para a confirmação de casos e para nortear o encerramento das investigações. Se o teste de IgM for negativo, a criança pode ser retirada do isolamento. Análise dos Dados A análise dos dados da investigação deve permitir a avaliação da magnitude do problema, a caracterização clínica da coorte, a identificação de oportunidades perdidas de vacinação, a adequação das medidas de......

Ver Índice

11/11/2015

Biblioteca Livre

V

...a, febre de 40,5 oC. t Choque. t Anafilaxia. t Choro persistente por mais de 3 horas e episódios hipotônico-hiporresponsivos. Interações de medicamentos t Cloranfenicol pode inibir a resposta imunológica ao toxoide tetânico. t Imunossupressores, incluindo corticosteroides em doses altas, antineoplásicos ou radioterapia, podem diminuir a resposta imune à vacina. Orientações aos pacie......

Ver Índice

30/05/2010

Revisões

Doenças exantemáticas na infância

... convalescença de 1 a 2 semanas, caracterizado por anorexia, mal-estar e debilidade. 6. Diagnóstico: isolamento viral 5 dias após o início; testes sorológicos (IH e MAC-Elisa) obtidos 6 dias após início do quadro. 7. Diagnóstico diferencial: Influenza, sarampo e rubéola. 8. Tratamento: não há tratamento específico, utilizando-se sintomáticos (exceto ácido acetilsalicílico e seus ......

Ver Índice

01/02/2010

Revisões

Icterícia

...e de 89 a 100%) e é recomendada quando procedimentos são necessários (dilatação, stent), sendo preferível nas obstruções próximas ao ducto hepático comum e na presença de anomalias anatômicas que dificultem a CPRE. Necessita da dilatação dos ductos biliares intra-hepáticos para sua realização e apresenta morbidade 3% e mortalidade 0,2%, semelhantes à CPRE. Colangiorressonância Pode ser utiliz......

Ver Índice

08/03/2012

Revisões Internacionais

Sarampo, caxumba, rubéola, parvovírus, poxvírus – Martin S. Hirsch, MD

...neas também apresentam inclusões e agregados microtubulares, sugerindo a ocorrência de uma replicação viral ativa na pele e também nas membranas mucosas. É possível isolar vírus infecciosos a partir de leucócitos, urina, conjuntiva e secreções respiratórias. Anticorpos surgem no soro à medida que cessa a viremia. A doença pode ser acompanhada de leucopenia e hiporresponsividade linfocitária. ......

Ver Índice

04/10/2016

Revisões Internacionais

Distúrbios Leucocitários Não Malignos

...pia eletrônica [ver a Figura 1]. Os grânulos consistem de um núcleo denso circundado por uma matriz relativamente radiolucente; a peroxidase eosinofílica é ativa na matriz. O núcleo denso possui uma estrutura cristaloide e contém proteínas catiônicas eosinofílicas (ECPs, do inglês eosinophil cationic proteins), proteinas básicas principais (MBPs, do inglês major basic proteins) e neurotoxinas deri......

Ver Índice

31/05/2009

Biblioteca Livre

Rubéola

...: a vacina tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola) está recomendada na rotina, a partir dos 12 meses de idade. b) Vacinação de bloqueio: apesar da vacinação de exposto ao risco não prevenir a doença, recomenda-se vacinação seletiva com o objetivo de aproveitar a oportunidade para vacinar os contatos suscetíveis. Contra-indicada a vacinação em gestantes; as mulheres vacinadas devem ser acon......

Ver Índice

30/10/2012

Revisões

toxoplasmose

... líquido céfalo-raquidiano. O exame de líquido céfalo-raquidiano é de pouca utilidade nesses casos, inclusive na neurotoxoplasmose de pacientes com Aids. A biópsia ganglionar não apresenta histopatologia clássica, realizando-se o diagnóstico por exame imuno-histoquímico. Exames de Imagem A ultra-sonografia craniana, a tomografia computadorizada e a ressonância magnética evidenciam......

Ver Índice

Página:  de 4

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal

×

Em função da pandemia do Coronavírus informamos que não estaremos prestando atendimento telefônico temporariamente. Permanecemos com suporte aos nossos inscritos através do e-mail info@medicinanet.com.br.