FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Soro Anti Rabico" obteve 6 resultados.

Página:  de 1

02/08/2010

Medicamentos Injetáveis - Utilização Segura

Soro Anti-rábico

...r ou partículas. ADMINISTRAÇÃO: em adultos, nas nádegas (quadrante superior externo); em crianças, na face lateral da coxa; 2/3 da dose via intramuscular e 1/3 da dose nas bordas da ferida. USO INJETÁVEL – DOSES Adultos e Crianças 40 UI por kg de peso corporal. CUIDADOS ESPECIAIS Avaliar Riscos X Benefícios Sempre, porque se trata de situações emergenciais que utilizam soros obtido......

Ver Índice

08/08/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Raiva

...– avaliar se o animal estava sadio ou apresentava sinais sugestivos de raiva. A maneira como ocorreu o acidente pode fornecer informações sobre seu estado de saúde. O acidente provocado (por exemplo, o animal que reage em defesa própria, a estímulos dolorosos ou outras provocações) geralmente indica uma reação normal do animal, enquanto que a agressão espontânea (sem causa aparente) pode indicar a......

Ver Índice

04/04/2010

SEÇÃO A – MEDICAMENTOS USADOS EM MANIFESTAÇÕES GERAIS DE DOENÇAS

Antitoxinas de Bactérias e Vírus

...não seja a mesma da administração da vacina contra raiva. Na impossibilidade de administrar o soro anti-rábico de imediato, a vacinação deverá ser iniciada e o soro ser aplicado o mais rapidamente possível, até o 7º dia do início da vacinação. Após este período, o emprego do soro anti-rábico não é mais indicado. Precauções • Lavar imediatamente o ferimento provocado pela mordedura com ág......

Ver Índice

04/04/2010

SEÇÃO A – MEDICAMENTOS USADOS EM MANIFESTAÇÕES GERAIS DE DOENÇAS

Soros Heterólogos

...após administração do soro) em geral são benignas. Caracterizam-se por: febre, artralgia, adenomegalia e, raramente, comprometimento neurológico ou renal. São conhecidas como “Doença do Soro”; o tratamento, de acordo com a intensidade, se dá por meio da administração de corticosteróides, analgésicos e anti-histamínicos. INTERAÇÕES MEDICAMENTOSAS • Não há evidência de interação relevante ......

Ver Índice

24/06/2009

Biblioteca Livre

CAPÍTULO 4 – Sistema de Vigilância Epidemiológica de Eventos Adversos Pós-vacinais

...ão e evento, freqüência, conduta e exames para cada vacina do Calendário Básico de Vacinação Vacina Eventos adversos Tempo decorrente Freqüência das doses Conduta Exame Tétano Difteria Dor 1° dia 1/2 a 5 Aumenta com a repetição das doses Notificar e investigar reações muito intensas ou “surtos” - Edema, eritema Idem 1/4 a 1/3 Aumentam com a re......

Ver Índice

04/04/2010

SEÇÃO A – MEDICAMENTOS USADOS EM MANIFESTAÇÕES GERAIS DE DOENÇAS

Vacina contra Raiva (Uso Humano, Cultivo Celular)

... A vacina pode ser administrada simultaneamente com outras vacinas, tomando-se o cuidado de aplicá-las em locais distintos, preferencialmente em lados opostos, ou, pelo menos a uma distância mínima de 2,5 cm entre os sítios de aplicação. • Se por conta do esquema de tratamento for necessária a administração simultânea de vacina e imunoglobulina anti-raiva, a administração deverá ser realiza......

Ver Índice

Página:  de 1

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal