Feed

Já é assinante?

Entrar
Índice

Etoricoxibe

ETORICOXIBE (ORAL) (nome genérico) (substância ativa)

 

Referência

ARCOXIA (Merck Sharp)

 

Genérico

Não

 

Uso oral

Comprimido revestido 60 mg

ARCOXIA

 

Comprimido revestido 90 mg

ARCOXIA

 

O que é

Anti-inflamatório; analgésico; antitérmico [inibidor específico da COX-2 (ciclooxigenase-2); anti-inflamatório não esteroide].

 

Para que serve

Dor aguda; dor crônica; osteoartrite; dismenorreia primária; gota (tratamento agudo).

 

Como age

Inibe a enzima ciclooxigenase-2 (COX-2), levando a uma diminuição da síntese de prostaglandinas (que causam inflamação, dor e inchaço). Em concentrações terapêuticas não inibe a enzima cliclooxigenase-1(COX-1), que está envolvida com outras funções fisiológicas normais mediadas pelas prostaglandinas, como a proteção do estômago, a agregação plaquetária e função renal (a inibição da COX-1 pelos anti-inflamatórios não esteroides tem sido associada a lesão do estômago e toxicidade renal). Absorção: gastrintestinal, boa, independente de alimentação. Biotransformação: no fígado; metabólitos praticamente inativos. tempo para concentração máxima (pico): 1 hora. Eliminação: urina (70%, como metabólitos); fezes (20%, como metabólitos).

 

Como se usa

USO ORAL – DOSES

     doses em termos de ETORICOXIBE.

     com ou sem alimentos.

     tomar com 1 copo de água; não deitar nos 30 minutos após a tomada (para diminuir risco de irritação gastrintestinal).

 

ADULTOS

     osteoartrite: 60 mg, em dose única diária.

     artrite reumatoide: 90 mg, em dose única diária.

     gota (crise aguda de dor): 120 mg, em dose única diária, apenas durante o período agudo da dor.

     dor aguda; dismenorreia: 120 mg, em dose única diária, apenas durante o período agudo da dor.

     dor crônica: 60 mg, em dose única diária, apenas durante o período agudo da dor.

     LIMITE DE DOSE PARA ADULTOS: as doses acima descritas são consideradas doses máximas, não devendo, portanto ser excedidas.

 

IDOSOS: mesmas doses de adultos. Mas são mais propensos aos efeitos adversos do medicamento.

 

PACIENTE COM INSUFICIÊNCIA HEPÁTICA: em pacientes com insuficiência hepática leve (escore de Child-Pugh 5-6), a dose de 60 mg uma vez ao dia não deve ser excedida. Em pacientes com insuficiência hepática moderada (escore de Child-Pugh 7-9); a dose de 60 mg em dias alternados não deve ser excedida. Não há dados clínicos ou farmacocinéticos em pacientes com insuficiência hepática grave (escore de Child-Pugh maior que 9).

 

PACIOENTE COM INSUFICIÊNCIA RENAL: o tratamento não é recomendado para pacientes com doença renal avançada (clearance de creatinina menor que 30 mL/min). Não há necessidade de ajuste posológico para pacientes com insuficiência renal leve ou moderada (clearance de creatinina maior que 30 mL/min).

 

CRIANÇAS: eficácia e segurança não estabelecidas.

 

Cuidados especiais

Risco na gravidez

Sem classificação definida. Só deve ser usado durante os dois primeiros trimestres da gravidez se o benefício potencial justificar o possível risco para o feto (deve ser evitado no final da gravidez, porque pode causar fechamento prematuro do ducto arterioso).

 

Amamentação

Não se sabe se é eliminado no leite. Produtos que inibem as prostaglandinas, e que são eliminados no leite, podem causar efeitos adversos graves em recém-nascidos. Por precaução, não amamentar.

 

Não usar o produto

história de reação alérgica grave induzida por aspirina (ácido acetilsalicílico) ou outro anti-inflamatório não esteroide ou pólipos nasais associados com broncoespasmo (estreitamento dos brônquios) induzidos por aspirina (risco de reação alérgica grave).

 

Avaliar riscos x benefícios

Diminuição da função do fígado (risco de toxicidade no fígado); diminuição da função renal (monitorar as doses); função cardíaca comprometida ou insuficiência cardíaca congestiva, edema pré-existente, hipertensão (pode haver edema e insuficiência renal no caso da insuficiência cardíaca congestiva); sangramento gastrintestinal ativo ou pré-existente, úlcera péptica ativa (pode haver sangramento).

 

Reações que podem ocorrer (sem incidência definida)

CARDIOVASCULAR: inchaço nos membros inferiores; aumento da pressão arterial.

GASTRINTESTINAL: má digestão; queimação no estômago; náusea.

HEPÁTICO: aumento das transaminases.

MUSCULOESQUELÉTICO: fraqueza.

SISTEMA NERVOSO CENTRAL: fadiga; tontura; dor de cabeça.

 

Atenção ao utilizar outros produtos

O ETORICOXIBE:

 

     pode aumentar a concentração (e provavelmente a toxicidade) de: lítio.

     pode aumentar o risco de ulceração gastrintestinal com: ácido acetilsalicílico.

     pode ter sua concentração diminuída por: rifampicina.

 

Outras considerações importantes

     não ingerir bebida alcoólica (risco de ulceração).

     cuidado ao dirigir ou executar tarefas que exijam atenção.

     cuidado com cirurgias (aumenta risco de sangramento).

     não associar com outro anti-inflamatório não esteroide ou com analgésico a menos que justificado pelo médico.

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal