FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Rash Malar" obteve 19 resultados.

Página:  de 2

24/04/2014

Casos Clínicos

Eritema nodoso em paciente com LES

...as 24h quadro de artralgias, rash malar e alterações hematológicas com plaquetoepnia de 92.000 células/mm3 e anemia com Hb 10,1, apresentou ainda urina 1 com proteinúria e hematúria discreta, não apresentou piora da função renal tendo creatinina de 0.8 mg/dl. Está há três dias com as lesões cutâneas bastante dolorosas, com hipersensibilidade local, e na palpação se verifica nodulações elevadas, co......

Ver Índice

30/05/2010

Revisões

Lúpus Eritematoso Sistêmico

...e lesão estão fortemente associadas à presença dos anticorpos anti-Ro/SSA. Embora aproximadamente metade desses pacientes preencha os critérios de classificação de LES, somente 10% a 15% evoluem para formas graves de comprometimento sistêmico. As lesões evoluem após o tratamento sem deixar cicatrizes profundas, mas produzem áreas de hipopigmentação, tipo vitiligóides, que podem se tornar perenes. ......

Ver Índice

30/05/2010

Revisões

Lúpus Eritematoso Sistêmico

... uso da azatioprina deve ser considerado nos quadros cutâneos mais graves, mas está particularmente indicado quando existe vasculite associada. O metotrexate é uma excelente indicação na existência de quadros cutâneos e articulares. Os quadros hematológicos como plaquetopenia e hemólise requerem doses altas (de 0,6 a 1 mg/kg/dia) de prednisona nas fases iniciais. Nos casos refratários após a asso......

Ver Índice

09/09/2010

Casos Clínicos

Lúpus Eritematoso Sistêmico (LES)

..., AAS® e Somalgin®). Monitoração Não é rotineiramente necessária. Classificação na Gravidez Classe C. No 3º trimestre, classe D. Interações Medicamentosas Pode exacerbar crises tireotóxicas por desligar os hormônios tireoidianos das proteínas séricas transportadoras. Lúpus Eritematoso Sistêmico (LES) Rodrigo Antonio Brandão Neto Lúpus Eritematoso Sistêmico (LES) Prescrição Clínica ......

Ver Índice

03/10/2009

Revisões

Doenças do Tecido Conectivo

...· O diagnóstico clínico, em geral, é fácil, quando a lesão está bem definida. · É doença de difícil tratamento, com resultados pouco satisfatórios. O seguimento e o tratamento precoce das lesões sistêmicas, como crise renal esclerodérmica, fibrose pulmonar e alterações gastrointestinais, é importante. Algoritmos Algoritmo 4 BIBLIOGRAFIA 1. Sampaio SAP, Rivitti EA. Afecçõe......

Ver Índice

13/06/2016

Revisões

Lúpus Eritematoso Sistêmico

... a doença e pode modificar a evolução dos pacientes. A tabela 1 discute os principais achados e tratamento da nefrite lúpica. Tabela 1: Características da nefrite lúpica Classe Nomenclatura* Achados Clínicos Laboratório Tratamento I Glomérulo normal - - - II (a): mesângio normal a MO, mas com depósitos à IF/ME. (b): depósitos mesangiais com hip......

Ver Índice

22/07/2009

Revisões

Doença Mista do Tecido Conectivo

...o de vista de antecedentes pessoais e familiares, apenas encontra-se maior prevalência de doenças tiroidianas que na população geral e pode-se verificar a presença de outras doenças auto-imunes na família. Exame Físico Ao exame do paciente pode-se encontrar linfadenopatia generalizada, frequentemente não referida pelo paciente, hiperemia ocular, que pode estar relacionada a olho seco, e rash......

Ver Índice

10/10/2009

Revisões

Nefrite Lúpica

...sibilidade de 90% para o diagnóstico de lúpus e especificidade de 70%. É importante lembrar que este exame pode ser positivo em diversas outras situações clínicas, como em outras doenças reumatológicas, neoplasias, infecções etc. O anti-DNA está presente em até 90% das nefrites lúpicas não tratadas. O anti-Sm é um exame muito específico para LES, porém só é positivo em 25% dos casos. A hipocomplem......

Ver Índice

17/11/2010

Casos Clínicos

Fibrose Intersticial Idiopática

...asos refratários ao tratamento com as demais drogas, como efeito poupador de corticoide ou em doentes com graves efeitos colaterais aos corticoides. Posologia O metotrexato é utilizado por via oral na dose inicial de 7,5 mg 1 vez/semana. Aumentos sucessivos de 5 mg, a cada 1 ou 2 meses, pode ser necessário, podendo-se chegar até 30 mg/semana. As doses sempre devem ser dadas 1 vez/semana. Ent......

Ver Índice

29/09/2008

Revisões

Anamnese e Avaliação Inicial do Paciente Reumatológico

... Reumatismo palindrômico · Sinovite eosinofílica Artrite episódica · Trauma · Artrite séptica Sintomas gerais (febre, emagrecimento, fadiga, anorexia) · Artrite séptica · Microcristalinas · Artrite inflamatória · Neoplasia (síndrome paraneoplásica) Usuário de corticóide · Osteonecrose asséptica · ......

Ver Índice

Página:  de 2

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal