FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Taquicardia Por Reentrada Nodal" obteve 11 resultados.

Página:  de 2

26/03/2012

Revisões Internacionais

Fibrilação atrial – Gregory F. Michaud (MD) e Roy M. John (MD, PhD)

...initiating paroxysmal atrial ?brillation. J Am Coll Cardiol 2005;45:1871–7. 16. Chou CC, Zhou S, Tan AY, et al. High-density mapping of pulmonary veins and left atrium during ibutilide administration in a canine model of sustained atrial ?brillation. Am J Physiol Heart Circ Physiol 2005;289:H2704–13. 17. Nanthakumar K, Lau YR, Plumb VJ, et al. Electrophysiological ?ndings in adolesce......

Ver Índice

30/10/2013

Revisões

Arritmias

...econdary prevention trials. AVID, CASH and CIDS studies. Antiarrhythmics vs Implantable Defibrillator study. Cardiac Arrest Study Hamburg . Canadian Implantable Defibrillator Study. Eur Heart J. 2000;21(24):2071-8. Hohnloser SH, Crijns HJ, van Eickels M, Gaudin C, Page RL, Torp- Pedersen C, et al. Effect of dronedarone on cardiovascular events in atrial fibrillation. N Engl J Med. 2009;360(7):......

Ver Índice

15/12/2009

Casos Clínicos

Taquiarritmias e Medicações Antiarrítmicas

...lhável). Grupo IV – Bloqueadores dos Canais de Cálcio Verapamil/Diltiazem 1. Mecanismo de ação Sua ação decorre do bloqueio da entrada do íon cálcio na célula, principalmente na musculatura lisa dos vasos e das células cardíacas, incluindo o sistema de condução cardíaco. O verapamil é um derivado sintético da papaverina sob a forma de cloridrato de verapamil. O diltiazem é um derivado b......

Ver Índice

21/01/2015

Revisões

Taquiarritmias Supraventriculares

...tação), propafenona (150 a 450 mg) ou verapamil (40 a 160 mg, que deve ser usado somente em pacientes sem pré-excitação). BIBLIOGRAFIA 1. Blomstrom-Lundqvist C, Scheinman MM, Aliot EM, et al. ACC/AHA/ESC guidelines for the management of patients with supraventricular Arrhythmias. A report of the American College of Cardiology/American Heart Association Task Force on Practice Guidelines and ......

Ver Índice

06/06/2012

Revisões Internacionais

Taquicardia supraventricular – Melvin M. Scheinman, M.D. e Sirisha Sundara, M.D.

... porque a ativação atrial ocorre bem depois da despolarização ventricular4 [Figura 4]. É interessante o fato de um subgrupo de pacientes com TRAV jamais ter apresentado condução anterógrada através da via acessória;20 a única evidência de que a taquicardia é sustentada por uma via acessória é o fato de a onda P retrógrada ocorrer nitidamente após o QRS, durante a taquicardia. Em raras ocasiões, o ......

Ver Índice

01/04/2019

Casos Clínicos

Eletrocardiograma 72

... condução retrógrada lenta. Algumas características das taquicardias atriais são úteis para diferenciá-las de outras arritmias supraventriculares. A freqüência atrial varia entre 140 e 240 por minuto e, diferentemente do "flutter" atrial, existe uma linha isoelétrica entre as ondas P. A realização de manobras vagais ou o uso de fármacos que deprimam o nó atrioventricular possibilitam a melhor visi......

Ver Índice

01/04/2019

Casos Clínicos

Eletrocardiograma 8

... Interpretação 1) Frequência cardíaca = 200, regular 2) Não se observam ondas P 3) Morfologia do QRS = orientação em + 47o , duração de 75 ms (estreito), entalhe final do QRS (pseudo S em DI e pseudo R em V1 à onda P retrógrada) 4) Extrassístoles isoladas ventriculares (QRS largo) 5) Intervalo QT corrigido 411 ms 6) Mor......

Ver Índice

01/04/2019

Casos Clínicos

Eletrocardiograma 27

...Taquicardia atrial: RP’ maior que P’R; · Onda P negativa em D2, D3, AVF e V3 a V6. Uma vez que o nó AV é parte integrante do circuito de reentrada, o manejo agudo assemelha-se ao da taquicardia por reentrada nodal AV. A profilaxia nos casos recorrentes se faz com propafenona, disopiramida, sotalol ou amiodarona. As indicações de ablação com cateter são muito semelhantes à......

Ver Índice

24/04/2015

Revisões

Fibrilação atrial

... AVC ou AIT prévio 2 V Doença vascular coronária ou periférica 1 A Idade 65-74 anos 1 Sc Sexo feminino 1 O escore é considerado de alto risco, caso a pontuação seja de 2 ou mais pontos e intermediário se 1 ou mais pontos e baixo risco, se sem pontuação. Este escore parece classificar melhor os pacientes com risco de eventos embólicos e hoje é considerado o......

Ver Índice

14/06/2019

Revisões

Fibrilação atrial

... 24h. Para FA com duração de mais de 7 dias, apenas 15 a 40% dos pacientes convertem para o ritmo sinusal com cardioversão farmacológica isolada; sendo assim, a cardioversão elétrica provavelmente seja necessária. Em pacientes com doença cardíaca estrutural, como DAC e fração de ejeção ventricular esquerda diminuída, antiarrítmicos da classe Ia como flecainida e propafenona são contraindicados. E......

Ver Índice

Página:  de 2

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal