FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Doencas Frequentes da Vulva" obteve 26 resultados.

Página:  de 3

14/02/2009

Revisões

Doenças Frequentes da Vulva

...ode, em alguns casos, diminuir as taxas de recorrência e persistência. A ablação a laser é inadequada por não promover a destruição tecidual com a profundidade necessária. TÓPICOS IMPORTANTES · As lesões de vulva representam um desafio à prática clínica do ginecologista A abordagem adequada das doenças da vulva inclui uma avaliação criteriosa do tipo e localização da lesão e do uso liberal d......

Ver Índice

14/02/2009

Revisões

Doenças Frequentes da Vulva

...aumento pode indicar metástase linfonodal Contribuem pouco na ausência de metástases Teste do ácido acético 5% e biópsia Herpes simples, Epstein-Barr Geralmente múltiplas, dolorosas, HSV pode ser recorrente Linfadenopatia bilateral Febre, mal-estar, esplenomegalia, dor de garganta (EBV), primoinfecção por HSV Cultura da base da úlcera (HSV), sorologias (HSV e EBV), citologi......

Ver Índice

11/11/2016

Revisões Internacionais

Infeccoes Micoticas em Hospedeiros Comprometidos

... Embora a aspergilose invasiva seja a causa mais comum de nódulos pulmonares em pacientes imunocomprometidos, em pelo menos 10% desses casos o patógeno (ou copatógeno) é uma bactéria ou um fungo que não pertence à família de Aspergillus (por exemplo, Nocardia, Legionella ou Mycobacterium atípica). Outras condições que deverão ser excluídas são embolia séptica, edema pulmonar, hemorragia alveolar d......

Ver Índice

05/06/2009

Biblioteca Livre

Co-morbidades e Co-infecções no paciente com HIV

...ARV. Por outro lado, estudo recente demonstrou que o uso de TARV e níveis indetectáveis do HIV estão associados à maior taxa de aparecimento de anticorpos anti-HBe e/ou anti-HBs28. O real impacto da infecção crônica do HBV sobre a evolução do HIV é pouco compreendido, embora essa co-infecção esteja associada à maior mortalidade29. PRINCÍPIOS GERAIS DO MANEJO DAS COINFECÇÕES · Enfatizar o......

Ver Índice

30/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Infecção pelo Papiloma Vírus Humano (HPV)

...poscopia, após o parto. Recomendação Na gestante, tratar apenas as lesões condilomatosas. As lesões subclínicas serão acompanhadas com colpocitologia durante a gestação e reavaliadas para tratamento após 3 meses do parto. Características Epidemiológicas Doença de distribuição universal, acomete homens e mulheres de qualquer raça e classe social. É uma infecção de transmissão frequentemen......

Ver Índice

30/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Infecção pelo Papiloma Vírus Humano (HPV)

...T, essa opção deve ser oferecida ao paciente. Toda doença sexualmente transmissível constitui evento sentinela para a busca de outra DST e possibilidade de associação com o HIV. É necessário, ainda, registrar que o Ministério da Saúde vem implementando a “abordagem sindrômica” aos pacientes de DST, visando aumentar a sensibilidade no diagnóstico e tratamento dessas doenças, o que resultara em maio......

Ver Índice

25/10/2009

Biblioteca Livre

8 Infecção pelo Papilomavírus Humano (HPV)

... HPV e doenças neoplásicas e seus precursores. Classificação Tipos de HPV Baixo risco: Estão associados às infecções benignas do trato genital como o condiloma acuminado ou plano e lesões intra-epiteliais de baixo grau. Estão presentes na maioria das infecções clinicamente aparentes (verrugas genitais visíveis) e podem aparecer na vulva , no colo uterino, na vagina, no pênis, no e......

Ver Índice

25/10/2009

Biblioteca Livre

5 Síndromes Clínicas Principais

...1:64) são sugestivos de infecção atual. O teste é positivo em 80 a 90% dos casos de LGV; quanto maior o tempo de duração da doença, maior a positividade, que pode permanecer pelo resto da vida. O teste de microimunofluorescência pode ser realizado utilizando-se imunoglobulinas anti-lgG e anti-lgM humanas e a presença de IgM é indicadora de resposta imune primária. O exame de linfonodos retirados o......

Ver Índice

30/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

herpes simples

...lógico Os Herpes Simplex Vírus (HSV), tipos 1 e 2, pertencem à família Herpesviridae, da qual fazem parte o Citomegalovírus (CMV), o Varicela Zoster Vírus (VZV), o Epstein-Barr Vírus (EBV), o Herpesvírus humano 6 (HHV-6) e o Herpesvírus humano 8 (HHV 8). Embora os HSV 1 e 2 possam provocar lesões em qualquer parte do corpo, há predomínio do tipo 2 nas lesões genitais e do tipo 1 nas lesões perior......

Ver Índice

30/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

herpes simples

...ano; ou Fanciclovir, 250mg, 12/12 horas por dia, por até 1 ano. · Herpes e HIV - No caso de manifestações severas com lesões mais extensas, pensar na presença de infecção pelo HIV, quando se recomenda tratamento injetável: Aciclovir, 5 a 10mg por Kg de peso, EV, de 8/8 horas, por 5 a 7 dias, ou até resolução clínica. · Gravidez - Deve ser considerado o risco de complicações obstétricas, ......

Ver Índice

Página:  de 3

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal