FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Vacina de Virus Vivos Contra Sarampo" obteve 25 resultados.

Página:  de 3

04/04/2010

SEÇÃO A – MEDICAMENTOS USADOS EM MANIFESTAÇÕES GERAIS DE DOENÇAS

Vacina de Vírus Vivos contra Sarampo

...corridos no mínimo 3 meses do término da quimioterapia. O uso de corticóides como terapia de reposição em insuficiência adrenal ou por via tópica ou intra-articular não se configura como contra-indicação à vacinação. • Prova tuberculínica: sensibilidade à prova tuberculínica pode ser temporariamente reduzida a partir de 4 a 7 dias após a vacinação; o teste pode ser realizado antes ou simulta......

Ver Índice

11/11/2015

Biblioteca Livre

V

...ão oficial brasileiro, definido pelo Programa Nacional de Imunizações, administra-se vacina tetravalente (DTP + HiB) aos 2, 4 e 6 meses de idade, seguido de 2 reforços com a vacina tríplice bacteriana (DTP), aos 15 meses e entre 4 e 6 anos de idade. Efeitos adversos t Inflamação, linfadenite e abscesso estéril no lugar da injeção. t Cefaleia, mal-estar, sonolência, irritação e anorexia. t N......

Ver Índice

04/04/2010

SEÇÃO A – MEDICAMENTOS USADOS EM MANIFESTAÇÕES GERAIS DE DOENÇAS

Vacina Tríplice Viral contra Sarampo, Rubéola e Caxumba (SRC)

...de uma segunda dose após 4-6 horas da primeira. Se a febre persistir após a segunda dose de paracetamol, deve-se procurar o médico. ASPECTOS FARMACÊUTICOS5,8 • Armazenar o pó para injeção em 2-8°C antes de reconstituição. O diluente pode ser armazenado na mesma temperatura que o pó ou à temperatura ambiente. Após a reconstituição, a vacina deve ser utilizada imediatamente e armazenada em......

Ver Índice

11/11/2015

Biblioteca Livre

I

...itanto: aumento nas concentrações plasmáticas de aprepitanto, devido à inibição do citocromo P450. O uso concomitante de itraconazol com aprepitanto deve ser feito com cautela. t Bexaroteno: aumento da exposição ao bexaroteno. t Budesonida: o uso concomitante com itraconazol pode aumentar significativamente os níveis plasmáticos de budesonida. t Buspirona: aumento das concentrações plasmáticas ......

Ver Índice

11/02/2015

Remédios

Vacina Contra Sarampo

...valo de 1 mês (antes ou depois) da aplicação de outras vacinas, com exceção da vacina oral contra poliomielite (monovalente ou trivalente), que pode ser aplicada simultaneamente. •a vacina pode não imunizar pessoas que tiveram contato com sarampo alguns dias antes da vacinação. •mulheres que estejam planejando engravidar, só devem fazê-lo no mínimo 3 meses após terem sido imunizadas. •a eficáci......

Ver Índice

02/08/2010

Medicamentos Injetáveis - Utilização Segura

Vacina contra Sarampo

...1 dose (sem reforço). CUIDADOS ESPECIAIS Risco na Gravidez Classe C: Não há estudos adequados em mulheres (em experimentos animais ocorreram alguns efeitos adversos para o feto). O benefício potencial do produto pode justificar o risco potencial durante a gravidez. Amamentação Não se sabe se a vacina contra sarampo é excretada no leite; problemas não documentados. Não Usar o Produto......

Ver Índice

11/11/2015

Biblioteca Livre

F

...ão da dose. Formas parenterais t Armazenar entre 15 e 30 ºC, em recipiente bem fechado, protegido da luz. Não congelar ou expor a temperaturas superiores a 40 ºC. t Sob baixas temperaturas, a solução de fenitoína pode formar um precipitado que usualmente se dissolve após ser aquecido a temperatura ambiente, entretanto, não utilizar se a solução não estiver límpida. t Observar orientação esp......

Ver Índice

04/01/2010

SEÇÃO A – MEDICAMENTOS USADOS EM MANIFESTAÇÕES GERAIS DE DOENÇAS

Dexametasona

... Pico de efeito: 60 a 120 minutos (elixir) e 1 a 2 horas (comprimido). • Duração de efeito: 72 horas. • Meia-vida de eliminação: 2,3 a 9,5 horas (crianças com menos de 2 anos), 2,8 a 7,5 horas (8 a 16 anos) e 3 a 6 horas (adultos). • Metabolismo: hepático. • Excreção: renal e biliar. EFEITOS ADVERSOS1,4,5 • Náusea, úlcera péptica (com perfuração), pancreatite......

Ver Índice

04/01/2010

SEÇÃO A – MEDICAMENTOS USADOS EM MANIFESTAÇÕES GERAIS DE DOENÇAS

Fosfato Dissódico de Dexametasona

... Insumos Estratégicos Brasília / DF – 2008 Fosfato Dissódico de Dexametasona Simone Saad Calil Na Rename 2006: itens 3.2 e 6.3 APRESENTAÇÃO • Solução injetável 4 mg/mL. INDICAÇÕES1 • Extubação de recém-nascidos (menor necessidade de reintubações). • Adjuvante em tratamento emergencial de reações anafiláticas. • Adjuvante na profilaxia da êmese associada......

Ver Índice

04/01/2010

SEÇÃO A – MEDICAMENTOS USADOS EM MANIFESTAÇÕES GERAIS DE DOENÇAS

Fosfato Sódico de Prednisolona

...ativo de nitrogênio e cálcio, aumento do apetite. • Euforia, depressão, hipertensão intracraniana com papiledema em crianças (normalmente após retirada), insônia, psicose e agravamento de esquizofrenia e de epilepsia. • Glaucoma, cataratas subcapsulares posteriores, papiloedema, afinamento da córnea ou da esclera e exacerbação de doenças virais ou fúngicas nos olhos. • Comprometi......

Ver Índice

Página:  de 3

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal