FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Rabeprazol" obteve 9 resultados.

Página:  de 1

05/02/2015

Remédios

Rabeprazol

...lescente até 18 anos. Avaliar riscos x Benefícios função hepática diminuída. Reações que podem ocorrer (sem incidência definida) Sistema nervoso central: dor de cabeça. Atenção com outros produtos O Rabeprazol •pode ter sua ação aumentada por: claritromicina. •pode inibir a metabolização de: ciclosporina. •pode ter sua absorção alterada por: digoxina; cetoconazol; outro medicamen......

Ver Índice

26/01/2012

Revisões Internacionais

Doença ulcerosa péptica

...O mecanismo etiológico ligando infecção por H. pylori e ulcerogênese ainda não está absolutamente estabelecido, pelas seguintes razões: · a ingestão voluntária de H. pylori leva a infecção gástrica e a gastrite, mas não a úlceras; · úlceras duodenais ou gástricas desenvolvem-se em apenas 10 a 20% de indivíduos com gastrite por H. pylori, sugerindo que apenas certas pessoas com f......

Ver Índice

05/10/2011

Casos Clínicos

Doença do refluxo gastresofágico (DRGE)

...álises. · Redução de HDA em usuários de AINH: evidência de estudos de coorte. · Dispepsia funcional (quando a queixa principal é dor epigástrica): evidência baseada em estudos randomizados. · Tratamento de HDA por úlcera péptica: diminuem a taxa de ressangramento, com ou sem tratamento endoscópico, mas não modificam a mortalidade. Evidência de estudos randomizados e meta......

Ver Índice

11/03/2015

Artigos

Bloqueadores de Bomba de Prótons: uma causa negligenciada de Nefrite Intersticial Aguda

...sos sugerem inibidores da bomba de protões (IBP) (omeprazol, pantoprazol, lansoprazol, rabeprazol e esomeprazol) sobre a ocorrência de nefrite intersticial aguda. No entanto, apenas um estudo explorou formalmente o risco de nefrite intersticial aguda em usuários de IBP. Mas neste estudo os diagnósticos não foram validados. Outra pesquisa sugeriu que o risco absoluto é muito baixo, mas os result......

Ver Índice

06/12/2013

Revisões

Estômago: doença ulcerosa péptica – duodenal e gástrica

...egião de antro pré-pilórico. Anti-inflamatórios não esteroides (AINEs). Os AINEs são uma causa comum de doença ulcerosa péptica, sendo que a sua prevalência vem crescendo devido à facilidade de acesso a essas medicações. Estima-se que os AINEs tenham uma associação de 1 a 4% por ano com eventos gastrintestinais, sendo estes relacionados à dose e à duração do tratamento, à idade (idosos apresen......

Ver Índice

25/05/2015

Revisões

Dispepsia e Helycobacter Pylori

...internacional chamado de Roma Comittee III definiu dispepsia como a presença de um ou mais dos seguintes sintomas: - sensação de plenitude pós-prandial (denominada de síndrome de desconforto pós-prandial); - saciedade precoce (definida pela incapacidade de terminar uma refeição de tamanho normal ou a sensação de plenitude pós-prandial acompanhando esta refeição); -dor epigástrica ou queimação (......

Ver Índice

19/01/2009

Revisões

Dispepsia e Helycobacter pylori

... outra forma; · anemia; · deficiência de ferro inexplicada; · perda de peso não intencional; · massa palpável e linfadenopatia; · história familiar de câncer gástrico; · cirurgia gástrica prévia; · vômitos persistentes. Estes sintomas podem ser resumidos pela sigla DISPE (disfagia, icterícia sangramento, perda de peso, exame físico alterado). Outra possível abordagem é a pesqui......

Ver Índice

11/11/2015

Biblioteca Livre

I

...A): C (ver Apêndice A). Esquemas de administração Crianças Tratamento de crianças, com menos de 20 kg, em qualquer das formas de tuberculose pulmonar e extrapulmonar, incluindo pacientes infectados pelo HIV t 10 mg/kg, por via oral, a cada 24 horas, durante 2 meses, combinada a rifampicina e pirazinamida, seguido de 10 mg/kg, por via oral, a cada 24 horas, durante 4 meses, combinada a rifa......

Ver Índice

19/04/2013

Revisões Internacionais

Abordagem farmacológica da insuficiência renal – Ali J. Olyaei, William M. Bennett

...al) de uma dada dose que atinge a circulação sistêmica. A biodisponibilidade é determinada pela velocidade e via de administração. Os fármacos administrados por via endovenosa geralmente apresentam biodisponibilidade de 100%, pois toda a dose aplicada atinge a circulação sistêmica. Quando a administração é feita por via oral, subcutânea ou intramuscular, a biodisponibilidade diminui. A furosemida,......

Ver Índice

Página:  de 1

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal