FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Sindrome do Anticorpo Antifosfolipide" obteve 27 resultados.

Página:  de 3

13/06/2016

Revisões

Lúpus Eritematoso Sistêmico

... atividade da doença com a proximidade do parto. O objetivo é manter a atividade mínima nessa época. As pacientes devem, idealmente, ser acompanhadas em clínicas obstetrícas de alto risco, com atendimento multidisciplinar para otimizar os resultados maternos e fetais. Continuação do uso da hidroxicloroquina e baixa dose de esteroides parece ser segura na gravidez e pode evitar piora da doença. Aza......

Ver Índice

08/08/2012

Revisões Internacionais

Lúpus eritematoso sistêmico – Michael D. Lockshin

... incomuns. Pequenas efusões pericárdicas, que podem ser sintomáticas ou assintomáticas, ocorrem com frequência em pacientes com LES ativo. Efusões extensas com risco de vida são incomuns. Aterosclerose significativa constitui um risco no lúpus de longa duração,45,46 levando ao infarto do miocárdio e desenvolvimento de outras manifestações obstrutivas vasculares antes dos 40 anos de idade. O infa......

Ver Índice

14/12/2009

Revisões

Exames Laboratoriais – Autoanticorpos

..., exceto o padrão centromérico, considerado marcador sorológico da CREST. · É importante ressaltar que os distintos padrões de reatividade do FAN podem sugerir, mas não confirmar, a especificidade dos autoanticorpos. Um resultado positivo e a suspeita clínica do paciente direcionam a pesquisa subsequente dos antígenos mais relevantes associados ao padrão de imunofluorescência observado (anti......

Ver Índice

15/01/2014

Revisões Internacionais

Vasculopatias renais – Julieanne G. McGregor, Vimal K. Derebail, Abhijit V. Kshirsagar, Ronald J. Fa

...crises renais recorrentes são incomuns, quando é possível controlar a pressão arterial. Hipertensão maligna A hipertensão maligna é uma síndrome de dano vascular agudo aos rins, retina e cérebro, que ocorre no contexto de elevações graves da pressão arterial. Esta condição foi denominada “hipertensão maligna” porque está associada a uma expectativa de vida típica igual àquela associada a uma......

Ver Índice

13/08/2009

Revisões

Identificação Clínica e Tratamento das Síndromes  Trombofílicas

...hepatopatia e nas mais variadas causas de deficiência da vitamina K. Deficiência de Antitrombina A antitrombina é uma serino-protease de 58 kDa, cujo efeito anticoagulante consiste em inativar a trombina e os fatores X e IX ativados. Esta ação é potencializada em até 1.000 vezes pela heparina e outros glicosaminoglicanos presentes na superfície endotelial. Condição rara, a deficiência é trans......

Ver Índice

27/07/2016

Revisões

Manifestações Neuropsiquiátricas do Lúpus Eritematoso Sistêmico

... mensal pode ser superior à metilprednisolona para controle de convulsões, neuropatia periférica e craniana, e neurite óptica com uma incidência semelhante de novas infecções. Uma dose intravenosa de ciclofosfamida de 500 mg a cada duas semanas é usada para o tratamento da nefrite proliferativa lúpica e poderia ser utilizada nessas situações. Esse estudo encontrou resultados clínicos comparáveis d......

Ver Índice

09/09/2010

Casos Clínicos

Lúpus Eritematoso Sistêmico (LES)

...aver hipertensão, síndrome nefrítica ou mesmo nefrótica Proteinúria aumentada. Hematúria presente. Creatinina normal a aumentada. Pode evoluir para tipo IV. Complemento baixo e DNA dupla fita (+) Se evoluir com aumento de creatinina e sedimento ativo, pode necessitar de pulso de corticoide com ou sem azatioprina. Ciclofosfamida também é opção. IV GN proliferativa difusa Presen......

Ver Índice

30/05/2010

Revisões

Ataque Isquêmico Transitório e Acidente Vascular Cerebral

... o sinal da artéria cerebral média hiperdensa A RM de encéfalo tem maior sensibilidade para detectar alterações isquêmicas em relação à TC de crânio. As seqüências convencionais (T2 e FLAIR) permitem a detecção da área infartada a partir de 4 horas do evento, enquanto a seqüência de difusão dentro de poucos minutos do ictus (figura 6). Mesmo lesões pequenas e sem sintomatologia neurológi......

Ver Índice

28/02/2014

Revisões Internacionais

Distúrbios trombóticos – Lawrence L.K. Leung

...(concentração plasmática de homocisteína > 100 mcmol/L); moderada (25 a 100 mcmol/L); ou leve (16 a 24 mcmol/L). A hiper-homocisteinemia severa em geral é causada por uma deficiência homozigota da enzima cistationina betassintase. Os indivíduos afetados apresentam retardo mental grave, lente ectópica, anormalidades esqueléticas e doença trombótica venosa e arterial severa de aparecimento precoc......

Ver Índice

27/01/2015

Casos Clínicos

Caso Clínico – Qual o diagnóstico hematológico deste caso?

...hromb Haemost 1980; 43:28. Siegal T, Seligsohn U, Aghai E, Modan M. Clinical and laboratory aspects of disseminated intravascular coagulation (DIC): a study of 118 cases. Thromb Haemost 1978; 39:122. Levi M, Toh CH, Thachil J, Watson HG. Guidelines for the diagnosis and management of disseminated intravascular coagulation. British Committee for Standards in Haematology. Br J Haematol 2009;......

Ver Índice

Página:  de 3

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal