FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Vacinas e Toxoides" obteve 23 resultados.

Página:  de 3

16/09/2015

Biblioteca Livre

Vacinas e toxóides

...-se em formar conjugadas (ver monografias, página 1019, página 1020 e página 1022). Febre tifoide – as provas clínicas atuais determinam que a vacina é eficaz como medida de saúde pública para prevenir a doença (ver monografia, página 1027). Haemophilus influenza tipo b – a vacina apresenta-se na forma conjugada e é segura e efetiva em prevenir doença invasiva por este agente. Dados de ensaios......

Ver Índice

16/09/2015

SEÇÃO A – MEDICAMENTOS USADOS EM MANIFESTAÇÕES GERAIS DE DOENÇAS

Vacinas e toxóides

...os de problema neurológico atual, incluindo epilepsia descontrolada, a aplicação de vacinas deve ser protelada e a criança deve ser encaminhada a um especialista. A imunização é recomendada se for identificada uma causa para o distúrbio neurológico. Se uma causa não for identificada, a imunização deve ser protelada até que a condição seja controlada. Os indivíduos HIV-positivos, com ou sem sinto......

Ver Índice

16/09/2015

Biblioteca Livre

Imunossupressores e Imunoterápicos

...vírus da imunodeficiência humana (HIV) e vírus Ebola, é um dos desafios mais importantes enfrentados pela comunidade científica. Doenças relacionadas ao sistema imune são relevantes problemas de saúde. As doenças imunológicas estão crescendo em proporções epidêmicas, o que exige abordagens agressivas e inovadoras para o desenvolvimento de novos tratamentos. Estas doenças incluem um amplo espectro ......

Ver Índice

11/11/2015

Biblioteca Livre

V

...istrar por via intravenosa e subcutânea. Atenção: embora seja raro, pode ocorrer anafilaxia após administração da vacina, por isso, deve-se sempre ter disponível epinefrina para administração imediata. No caso de reações de hipersensibilidade mais leves, pode-se administrar anti-histamínicos e, se necessário, corticosteroides. Tempo do efeito protetor: a imunização primária com DTP protege mai......

Ver Índice

04/04/2010

SEÇÃO A – MEDICAMENTOS USADOS EM MANIFESTAÇÕES GERAIS DE DOENÇAS

Vacina contra Febre Tifóide

...e, doenças infecciosas agudas e doenças crônicas descompensadas. • Adiar a vacinação até três meses após o tratamento com imunossupressores ou com corticosteróides em dose alta. • Cautela em indivíduos com distúrbios da coagulação, trombocitopenia e história de hipersensibilidade a vacinas similares. • Segurança e eficácia não estabelecidas para crianças menores de 2 anos, pelo q......

Ver Índice

04/04/2010

SEÇÃO A – MEDICAMENTOS USADOS EM MANIFESTAÇÕES GERAIS DE DOENÇAS

Vacina contra Meningococo A e C

...nforto e vermelhidão no local da aplicação. • Febre baixa, irritabilidade e cefaléia. • Reações alérgicas e alterações neurológicas reversíveis. • Todas as reações tendem a desaparecer no prazo de 24 horas após a aplicação. INTERAÇÕES MEDICAMENTOSAS390 • Não deve ser usada em pacientes submetidos a tratamento com corticosteróides, quimioterápicos, radiação ou a qualquer......

Ver Índice

04/04/2010

SEÇÃO A – MEDICAMENTOS USADOS EM MANIFESTAÇÕES GERAIS DE DOENÇAS

Vacina contra Meningococo B e C

... Administrar por via intramuscular profunda, preferencialmente no músculo deltóide. Em crianças com deltóide muito pequeno, a vacina deve ser injetada na face anterolateral do músculo. EVENTOS ADVERSOS389,391 • Normalmente, os eventos são leves e de freqüência variável, surgindo nas primeiras 24 horas e com tendência a desaparecer 72 horas após a vacinação. • Dor local (62%), rub......

Ver Índice

04/04/2010

SEÇÃO A – MEDICAMENTOS USADOS EM MANIFESTAÇÕES GERAIS DE DOENÇAS

Vacina contra Hepatite B (ADNR Recombinante)

...is freqüentemente expostos à infecção: • primeira dose: na data de eleição; • segunda dose: um mês depois; • terceira dose: 2 meses após a primeira dose; • quarta dose: 12 meses após a primeira dose. EFEITOS ADVERSOS386 • Dor, rubor, edema, nódulo e febrícula no local de aplicação. A intensidade destas reações é relativamente baixa e de curta duração, ocorrendo pr......

Ver Índice

04/04/2010

SEÇÃO A – MEDICAMENTOS USADOS EM MANIFESTAÇÕES GERAIS DE DOENÇAS

Vacina Conjugada contra Meningococo C

...itos adversos sistêmicos tendem a diminuir com o aumento da idade, e efeitos adversos locais tendem a aumentar com o aumento da idade. Cefaléia é mais comum em adolescentes. INTERAÇÕES MEDICAMENTOSAS2,389,392,393 • A vacina pode ser administrada simultaneamente com outras vacinas, contanto que seja em pontos diferentes de aplicação, e que as vacinas não sejam misturadas na mesma seringa.......

Ver Índice

04/04/2010

SEÇÃO A – MEDICAMENTOS USADOS EM MANIFESTAÇÕES GERAIS DE DOENÇAS

Vacina Oral de Rotavírus Humano

...prina: intervalo de no mínimo 3 meses deve ser observado entre o término da quimioterapia e a administração de vacinas de vírus vivos. • Etanercepte altera a resposta imune celular, havendo risco de infecção por rotavírus. • Imunoglobulinas, especificamente anti-citomegalovírus, hepatite B, anti-rábica, antitetânica, vaccinia, varicela-zoster, vírus sincicial respiratório, anti-Rho(D),......

Ver Índice

Página:  de 3

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal