FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Cefoxitina" obteve 24 resultados.

Página:  de 3

13/06/2010

Medicamentos Injetáveis - Utilização Segura

Cefoxitina

...al, via intravenosa; Profilaxia Cirúrgica (outras cirurgias) 2 g meia a 1 hora antes da cirurgia, via intravenosa; a seguir a mesma dose a cada 6 horas até completar 24 horas. Limite de Dose para Adultos 12 g por dia. Idosos Podem exigir diminuição das doses em função da condição renal. Limite de Dose para Idosos com mais de 75 Anos de Idade 2 g cada 8 horas (mesmo com creati......

Ver Índice

28/11/2014

Remédios

Cefoxitina

...cose 5%. Volume: 50 – 1000 mL. Aparência da solução diluída: incolor a amarelo-claro logo após a diluição; quando armazenada, vai se tornando amarelo mais forte, chegando a amarelo-amarronzado (condição normal desde que respeitados os parâmetros de estabilidade – temperatura e tempo – descritos a seguir). Estabilidade após diluição com Cloreto de Sódio 0,9% ou Glicose 5% temperatura ambiente (1......

Ver Índice

11/05/2009

Casos Clínicos

Pneumonia e insuficiência adrenal

...a 2 g/dia dose dividida a cada 12 hoes, com necessidade de ajuste para função renal e hepática (se insuficiência renal). · Gestação: classe C. · Apresentações comerciais: Claritromicina® e Klaricid® comprimidos de 250 mg e 500 mg e suspensão com 125 mg/5 mL e 250 mg/5 mL. Azitromicina Macrolídeo semissintético obtido a partir da eritromicina. A azitromicina possui melhor ativid......

Ver Índice

04/07/2009

Casos Clínicos

Meningite

...stitui a reposição de glicocorticoide mais fisiológica em pacientes com IA primária e secundária. A dose tradicional de acetato de hidrocortisona de 30 mg (20 mg cedo e 10 mg à tarde) foi associada a níveis de cortisol sérico baixos às 12 horas e aumento do risco de osteoporose. A dose de reposição de hidrocortisona mais apropriada é 20 mg, fracionada em 3 doses (10 mg cedo, 5 mg às 12 horas e 5 m......

Ver Índice

13/08/2009

Casos Clínicos

Síndrome hepato-renal

...9 mEq/L. K: 4,1 mEq/L. Ureia: 91 mg/dL. Creatinina: 2,4 mg/dL. Urina 1: sem alterações. AST: 56 u/L. ALT: 49 u/L. INR: 1,7. Glicemia: 88 mg/dL. DHL: 223 u/l. Bilirrubina total: 5,1 mg/dL (direta 4,5 mg/dL). Proteínas totais: 4,8 g/dL. Albumina sérica: 2,2 g/dL. Citologia Líquido ascítico: 1.200 células com 70% de polimorfonucleares. Albumina do líquido: 0,5 g/dL. DHL: 100 u/L. Gli......

Ver Índice

10/09/2013

Revisões

Síndrome hepatorrenal – Prescrição revisada

...trução urinária que justifiquem a insuficiência renal. Infecções também eram critério de exclusão, mas verificou-se que a síndrome hepatorrenal é frequentemente secundária a infecções em particular a PBE; · ausência de melhora com reposição volêmica com albumina 1 g/kg (máximo de 100 g/dia); · proteinúria menor que 0,5 g/dia e eritrócitos urinários menores que 50/campo (para excluir ou......

Ver Índice

08/02/2010

Casos Clínicos

delirium

... Apresentações comerciais: Cefalotina, Keflin apresentação em frasco-ampola com 1 g. A cefazolina na apresentação parenteral tem meia-vida em torno de 110 minutos e índice de ligação às proteínas plasmáticas de aproximadamente 80%. · Dose habitual: 3 a 6 g/dia, divididos a cada 8 horas, sendo necessário ajuste para a função renal. · Gravidez: classe B. 2. 2ª geração......

Ver Índice

29/04/2010

Casos Clínicos

Prescrição de drogas vasoativas e sepse

... também apresentarão reações de hipersensibilidade às cefalosporinas. Indicações, Posologia e Modo de Uso, Apresentações Comerciais e Classificação na Gravidez Didaticamente, as cefalosporinas são divididas em 4 gerações, discutidas a seguir. 1. Cefalosporinas de Primeira geração As cefalosporinas de 1ª geração apresentam atividade contra diversas bactérias aeróbias Gram-positivas e Gr......

Ver Índice

06/12/2012

Revisões Internacionais

Terapia antimicrobiana – Paul S. Pottinger, Timothy H. Dellit

...itivas de maior importância clínica, incluindo os organismos anaeróbicos. Enquanto o imipenem tende a ser mais ativo contra cocos gram-positivos, o meropenem e o doripenem parecem ser mais ativos contra bacilos gram-negativos. No entanto, nenhum destes fármacos é ativo contra SARM, Enterococcus faecium ou Stenotrofomonas. O ertapenem apresenta um espectro de cobertura igualmente amplo. Contudo, em......

Ver Índice

01/11/2013

Revisões Internacionais

Vaginite e doenças sexualmente transmissíveis – Joel T. Katz

...ntificam as mudas do HIV, sugerem que a úlcera genital aumenta o risco de aquisição e transmissão da infecção por HIV.94 Como resultado, a prevenção e o tratamento da úlcera genital constituem uma alta prioridade de saúde pública. Etiologia Herpes, sífilis e cancroide são as principais causas de úlcera genital. As causas menos frequentes são o LGV (infecção pelo sorotipo L de C. trachomatis)......

Ver Índice

Página:  de 3

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal

×

Em função da pandemia do Coronavírus informamos que não estaremos prestando atendimento telefônico temporariamente. Permanecemos com suporte aos nossos inscritos através do e-mail info@medicinanet.com.br.